Abrir menu principal

João Paulo Gomes da Silva

Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade.
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

João Paulo Gomes da Silva é um cidadão brasileiro membro do Partido Social liberal (PSL). É advogado, contador, jornalista, economista e administrador, foi professor universitário e consultor jurídico do estado de Minas Gerais, de 1.983 a 1.986. Possui doutorado, na Espanha, em Direito Público e Gestão Pública, concluído em 1.982. Como jornalista, foi colimista de jornal impresso, locutor de rádio FM, comentarista de política, economia e esportes na Rede Minas e na TV Record Minas; além de ter sido apresentador de programa de jornalismo de estúdio na TV Record Minas. Na carreira política, foi um dos fundadores do PSDB em 1988, tendo sido candidato a Vereador naquele ano, na capital mineira, assumindo como suplente, mas renunciou para ser Presidente do Instituto Municipal de Previdência da prefeitura de Belo Horizonte entre os anos de 1989 e 1991. Em 1992, foi eleito vereador na capital, como o mais votado de sua coligação; tendo sido eleito Presidente da câmara municipal. Voltou a ser eleito vereador em [[1996], ano em que foi eleito para presidir a Comissão que elaborou o Plano Diretor, conjugado com a regulação do Uso, Parcelamento e Ocupação do Solo da Capital; cuja Lei 7.165/96 foi aprovada na Câmara Municipal, também sob sua Presidência.

Posteriormente, João Paulo venceu as eleições para deputado estadual por Minas Gerais em 1998, como o mais votado de sua coligação; elegendo-se deputado federal em 2002. Na Assembléia Legislativa de Minas Gerais, presidiu a Comissão de Relações Internacionais e a Comissão de Defesa do Consumidor.

Em Brasília, foi membro da Comissão de Constituição e Justiça e da Comissão de Relações Exteriores da Câmara Federal, além de ter sido vice-lider do Governo no Congresso Nacional, membro do Conselho de Altos Estudos e do Conselho de Ética da Câmara. João Paulo foi, ainda, membro da Comissão da ALCA (Área de Livre Comércio das Américas); tendo sido representante também no Mercosul. João Paulo foi homenageado pela ONU com a Comenda de Conselheiro Honorário em dezembro do ano de 2004.

Em 2006, foi novamente candidato a deputado federal, mas não foi reeleito, apesar de ter obtido alta votação. Desde então, dedica-se à atividade privada, como empresário na área educacional e professor de Inglês e Espanhol, João Paulo tem atuado como correspondente internacional de entidades do terceiro setor, dedicando-se, ainda, a dar palestras no Brasil e no exterior sobre macro política e meio ambiente.

Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.