Abrir menu principal
José Brazilício de Souza
Informação geral
Nome completo José Brazilício de Souza
Nascimento 9 de janeiro de 1854
Local de nascimento Goiana, Bandeira Província de Pernambuco.svg Província de Pernambuco, Flag of Brazil (1822–1870).svg Império do Brasil
Morte 30 de março de 1910 (56 anos)
Local de morte Florianópolis,  Santa Catarina
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação(ões) Maestro, pianista, violinista, regente de música, professor de geografia e compositor.
Progenitores Mãe: Rita Inácia de Almeida Sousa
Pai: José Manuel de Sousa Sobrinho
Cônjuge Maria Carolina Corcoroca
Filho(s) Álvaro Sousa
Instrumento(s) notável(eis) piano de cauda Pleyel [1]

José Brazilício de Souza (Goiana, 9 de janeiro de 1854Florianópolis, 30 de março de 1910) foi um maestro, pianista, violinista, professor de geografia e compositor brasileiro. Musicou o poema escrito por seu colega, o jornalista, poeta, dramaturgo e romancista carioca Horácio Nunes Pires, para compor o Hino do estado de Santa Catarina.[2]

BiografiaEditar

Filho único do Capitão Reformado José Manuel de Sousa Sobrinho (1817 - 1895) e Rita Inácia de Almeida Sousa (1817 - 1899). Neto, pelo lado paterno, do Major Jacinto Mateus de Sousa e de Maria Antônia de Carvalho, ambos naturais de Desterro.[3]

Nasceu em Pernambuco, mas passou sua infância na então cidade de Desterro, atual Florianópolis. Desde criança, foi dedicado para estudar música, deixando uma grande bagagem de músicas por ele compostas, da maior variedade de gêneros musicais.

Brasilício teve como professor Anfilóquio Nunes Pires, filho de Feliciano Nunes Pires. [3]

Além da música, tinha interesses pelo Volapük (antecessor do Esperanto como língua universal). [3] Suas correspondências com o professor Ludwig Zamponi da Universidade de Graz, na Áustria inspiraram o neto (Abelardo Sousa) autor d'O Sábio e o Idioma.

Casou-se com Maria Carolina Corcoroca e desta união nasceram 5 filhos. Destre os filhos, está o compositor Álvaro Sousa, pai do também músico e escritor Abelardo Sousa.

Morreu em Santa Catarina, em 30 de março de 1910, 5 dias após o falecimento da esposa.[2]

Representação na culturaEditar

Referências

  1. a b c d «Nós #42: Céu de Brazilício». www.clicrbs.com.br. Consultado em 23 de setembro de 2018 
  2. a b El-Khatib 1970, p. 118.
  3. a b c «ABVO - Associação Barriga Verde dos Oficiais». abvo.com.br. Consultado em 23 de setembro de 2018 
  4. Catarinense, Diário. «Confira biografia animada de José Brazilício de Souza, autor da música do Hino de Santa Catarina». Diário Catarinense 

BibliografiaEditar

  • El-Khatib, Faissal (1970). História de Santa Catarina. 4. Curitiba: Grafipar