LuckyChap Entertainment

companhia de produção de filmes e séries de televisão

A LuckyChap Entertainment é uma produtora americana com sede em Los Angeles, fundada em 2014 por Margot Robbie, Tom Ackerley, Josey McNamara e Sophia Kerr.[1] A empresa descreve seu ponto foco como produções de cinema e televisão focadas em mulheres.[2]

LuckyChap Entertainment
Privada
Gênero Produtora
Fundação 2014 (10 anos)
Fundador(es) Margot Robbie
Tom Ackerley
Josey McNamara
Sophia Kerr
Sede Los Angeles, Califórnia, EUA
Produtos Filmes
Séries de televisão

A LuckyChap Entertainment produziu filmes e séries de televisão, incluindo Eu, Tonya (2017), a série de televisão Dollface (2019) do Hulu, Birds of Prey e Promising Young Woman (ambos de 2020).

Até 2022, os trabalhos produzidos pela empresa receberam 8 indicações ao Oscar e 11 ao BAFTA. Em 2018, seu primeiro lançamento Eu, Tonya, ganhou o Oscar de Melhor Atriz Secundária.[3] Três anos depois, Promising Young Woman ganhou o Oscar de Melhor Roteiro Original e os BAFTAs de Melhor Roteiro Original e Melhor Filme Britânico.[4]

Fundação editar

 
Margot Robbie no San Diego Comic-Con de 2016.

A empresa foi fundada por Margot Robbie, Tom Ackerley, Sophia Kerr e Josey McNamara.[2] Robbie, uma atriz australiana, era conhecida principalmente como estrela de cinema, interpretando papéis importantes em O Lobo de Wall Street, Esquadrão Suicida e A Lenda de Tarzan.[5]

Robbie e Kerr cresceram juntos na cidade de Gold Coast em Queensland na Austrália. A dupla britânica McNamara e Ackerley trabalharam juntos durante anos como assistentes de direção. Robbie e Ackerley se conheceram no set do filme Suite Française em 2013, e começaram a namorar em 2014, e se casaram em 2016.[6] Depois de ficarem bêbados juntos na estreia em Londres de O Lobo de Wall Street, os quatro fundadores decidiram se mudar para uma casa juntos em Clapham, Londres. Lá, eles tiveram a ideia de montar uma produtora.[7] O nome "LuckyChap" refere-se a Charlie Chaplin, embora Robbie tenha dito que nenhum deles conseguia lembrar seu significado exato.[8]

Produções editar

Em 2017, a LuckyChap Entertainment lançou sua primeira grande produção cinematográfica Eu, Tonya, baseada na vida da patinadora competitiva americana Tonya Harding, interpretada por Robbie. Ele teve um orçamento de US$ 11 milhões e foi seu primeiro lançamento nos cinemas.[9] Eu, Tonya ganhou um Oscar para Allison Janney como Melhor Atriz Coadjuvante, um BAFTA e um Globo de Ouro, juntamente com várias outras indicações.[3] L. Rose, do The Hollywood Reporter, descreveu o sucesso do filme como uma demonstração da "credibilidade instantânea" da LuckyChap Entertainment.[2]

Em 2018, LuckyChap lançou seu próximo filme, Terminal, em parceria com a Beagle Pug Films e Highland Film Group. O filme de suspense neo-noir, escrito e dirigido por Vaughn Stein e estrelado por Margot Robbie, foi filmado e produzido antes de Eu, Tonya.[10] Não teve sucesso nas bilheterias, arrecadando $ 843.970[11] em comparação com o U$ 53.939.297 de Eu, Tonya.[12]

Em 2019, a empresa, juntamente com a Automatik Entertainment e a Paramount Pictures, lançaram Dreamland, um drama de ação ambientado nos anos 1930, que foi filmado em 2017.[13] Robbie estrela como uma fora da lei em fuga, com um adolescente como ajudante.[14]

Posteriormente, a LuckyChap começou a se envolver na produção de televisão. Brett Hedlom tornou-se vice-presidente de televisão.[15] Eles venderam a série de comédia Dollface para o Hulu em 2018, e então começaram a produção e lançaram a série em 2019. A série também é produzida pela ABC Signature Studios e Clubhouse Pictures, e é estrelado pela atriz Kat Dennings como uma jovem recém-solteira que chega a um acordo com sua imaginação e velhas amizades.[16]

Ao longo de 2019, a empresa também trabalhou na produção de Birds of Prey, que estreou no início de 2020.[17] Também produzido pela Clubhouse Pictures e a Warner Bros. e dirigido por Cathy Yan, é o oitavo filme do Universo Estendido DC, como um spin-off de Esquadrão Suicida (2016).[18] Centra-se na personagem Arlequina que, depois de se ter separada do Coringa busca emancipação e forma uma equipe de super-heróis feminina chamada Aves de Rapina.[19] Tornou-se a produção de maior bilheteria da LuckyChap até hoje, ganhando US$ 200 milhões em todo o mundo.[20]

Mais tarde, em 2020, a empresa lançou o filme de vingança feminino Promising Young Woman, que foi o primeiro longa-metragem de direção de Emerald Fennell. Também produzido pela FilmNation Entertainment e a Focus Features, este filme de comédia negra estrelado pela atriz Carey Mulligan como uma mulher em sua tentativa de se vingar do estupro e consequente suicídio de uma amiga.[21] Este filme ganhou um Oscar, um BAFTA de Melhor Roteiro Original e outro BAFTA de Melhor Filme Britânico.[4]

A empresa coproduziu a minissérie dramática da Netflix, Maid (2021), inspirada no livro de memórias de Stephanie Land, Maid: Hard Work, Low Pay, and a Mother's Will to Survive. Também foi produzida por Molly Smith Metzler, John Wells Productions e a Warner Bros Television.[22]

Foco editar

A LuckyChap se descreveu como uma empresa que visa promover histórias femininas de contadoras de histórias, afirmando que estão preenchendo uma lacuna causada pela desigualdade de gênero na indústria cinematográfica, principalmente em termos de roteiristas e diretoras.[23] [2]

Em 2019, a LuckyChap fez parceria com Christina Hodson, escritora de filmes de ação, incluindo Birds of Prey (2020) e Bumblebee (2018), para formar o 'Lucky Exports Pitch Program' (LEPP).[24] O programa de um mês consistia em seis escritoras, incluindo quatro mulheres de cor, em uma sala de escritoras.[7] As escritoras trabalharam com ideias para projetos de filmes de ação.[24]

Além de garantir que suas equipes sejam principalmente femininas, a LuckyChap descreveu que pretende trabalhar em histórias focadas em mulheres.[25] A executiva da LuckyChap, Margot Robbie, disse que ela sempre gravitava para interpretar papéis de personagens masculinos, pois achava que suas histórias eram melhores.[2] A. Setianto e M. Win descreveram Birds of Prey como uma exploração intrincada dos problemas que as mulheres enfrentam ao tentar ganhar independência.[26] Enquanto N. Curtis e V. Cardo descreveram a Arlequina como uma personagem feminina que tem controle sobre seu próprio corpo e sexualidade.[27]

Algumas pessoas criticaram a LuckyChap por questões de gênero e feminismo. Um grupo de fãs e críticos online previu que Birds of Prey iria "fracassar" nas bilheterias porque o spin-off removeu "qualquer apelo sexual" dos personagens.[28] Harper R. Oreck, do The Harvard Crimson, criticou Promising Young Woman por não ser uma peça de resistência feminista.[29]

Localização editar

A sede inicial consistia em um pequeno escritório localizado no lote da Warner Bros. em Los Angeles. Depois de aumentar seu espaço de escritório inicial, a LuckyChap decidiu se mudar para um escritório maior no centro de Los Angeles, onde eles projetaram um "ambiente aberto e colaborativo", de acordo com a Architectural Digest.[1] A LuckyChap Entertainment disse que na construção eles fizeram um esforço para manter uma estética feminina no escritório, com recursos como o letreiro de néon personalizado escrito LuckyChap Entertainment.[1]

Futuro editar

A LuckyChap Entertainment tem um acordo preliminar com a Warner Bros. Pictures e a Warner Bros. Television para desenvolver e produzir filmes e séries de televisão.[30] Neste acordo, eles fizeram uma parceria com a Mattel Films, a nova divisão de filmes da Mattel, para coproduzir a futura adaptação de Barbie, na qual Robbie estrelará como Barbie.[31] O lançamento inicial planejado para 2017 do filme foi repetidamente adiado.[32]

Robbie e Hedblom decidiram trabalhar com a ABC, Tracey Robertson e Nathan Mayfield da produtora australiana Hoodlum e o agente de Robbie, Aran Michael da Aran Michael Management, em uma série de 10 partes chamada Shakespeare Now. A série será uma adaptação moderna de William Shakespeare, contada a partir de perspectivas femininas e liderada por uma equipe de produção totalmente feminina.[33] Em dezembro de 2020, a empresa assinou um contrato com a Amazon Studios para projetos de televisão.[15]

Filmes editar

Ano Título Diretor(a) Bilheteria Prêmios Indicações
2017 Eu, Tonya Craig Gillespie US$ 53,9 milhões Oscar de Melhor Atriz Secundária

Globo de Ouro de Melhor Atriz Coadjuvante

Prêmio BAFTA de Melhor Atriz Coadjuvante

Oscar de Melhor Atriz

Oscar de Melhor Edição de Filme

2018 Terminal Vaughn Stein $ 626.245
2019 Dreamland Miles Joris-Peyrafitte $ 312.052
2020 Birds of Prey Cathy Yan US$ 201,8 milhões
2020 Promising Young Woman Emerald Fennell US$ 16,3 milhões Oscar de Melhor Roteiro Original

BAFTA de Melhor Roteiro Original

BAFTA de Melhor Filme Britânico

Oscar de Melhor Filme

Oscar de Melhor Atriz

Oscar de Melhor Diretor

Oscar de Melhor Edição de Filme

2022 Boston Strangler[34] Matt Ruskin TBA
2023 Barbie Greta Gerwig TBA
TBA My Year of Rest and Relaxation Yorgos Lanthimos TBA
TBA Tank Girl[35] Miles Joris-Peyrafitte TBA

Televisão editar

Ano Título Rede Prêmios
2019–presente Dollface Hulu
2021 Maid Netflix
TBA The Wildest Animals in Griffith Park[36] TBA

Referências

  1. a b c Nast, Condé (9 de agosto de 2019). «Inside Margot Robbie's Homey New L.A. LuckyChap Entertainment Office». Architectural Digest (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  2. a b c d e Rose, Lacey; Rose, Lacey (18 de dezembro de 2020). «Margot Robbie and LuckyChap Partners Talk Their Producing Strategy: "If It's Not a 'F***, Yes,' It's a 'No'"». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  3. a b «I, Tonya: Nominations and awards - The Los Angeles Times». latimes.com (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  4. a b Rosario, Alexandra Del; Rosario, Alexandra Del (26 de abril de 2021). «Emerald Fennell Scores First Career Oscar, Pays Tribute To "Most Incredible" Cast & Crew For Completing 'Promising Young Woman' In 23 Days». Deadline (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  5. Cook, Meghan. «All of Margot Robbie's movies, ranked by critics». Insider (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  6. Entenman, Elizabeth. «Margot Robbie's Husband Shares Her Dream Of A More Equal Hollywood». www.refinery29.com (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  7. a b Aurthur, Kate; Aurthur, Kate (2 de janeiro de 2020). «Margot Robbie on 'Bombshell,' 'Birds of Prey' and How She Fell in Love With Harley Quinn». Variety (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  8. Staff, Guardian (3 de fevereiro de 2018). «Margot Robbie: 'I asked my girlfriends what they'd been through. And they were angry'». the Guardian (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  9. Davis, Arianna. «Margot Robbie Talks To R29 About "I, Tonya", Women In Sports, #MeToo, & More». www.refinery29.com (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  10. «Terminal review – Margot Robbie hit-woman thriller misfires». the Guardian (em inglês). 4 de julho de 2018. Consultado em 16 de abril de 2022 
  11. «Terminal». Box Office Mojo. Consultado em 16 de abril de 2022 
  12. «I, Tonya». Box Office Mojo. Consultado em 16 de abril de 2022 
  13. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (8 de setembro de 2020). «Paramount Takes Home Entertainment & TV Rights To Three Romulus Movies, Including Margot Robbie's 'Dreamland'». Deadline (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  14. «Dreamland review – Margot Robbie hits the bank in twist on Bonnie and Clyde». the Guardian (em inglês). 10 de dezembro de 2020. Consultado em 16 de abril de 2022 
  15. a b Otterson, Joe; Otterson, Joe (7 de dezembro de 2020). «Margot Robbie, LuckyChap Entertainment Sign First-Look TV Deal at Amazon (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  16. Andreeva, Nellie; Andreeva, Nellie (2 de novembro de 2018). «'Dollface' Comedy Starring Kat Dennings Ordered to Series By Hulu From Margot Robbie, Bryan Unkeless & ABC Signature». Deadline (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  17. «BIRDS OF PREY PREMIERE, LONDON». Average Socialite (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  18. «How to watch DC movies in order - DCEU in chronological and release date order». Radio Times (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  19. Itzkoff, Dave (24 de março de 2020). «Cathy Yan on the Rerelease of 'Birds of Prey,' the Harley Quinn Movie». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331. Consultado em 16 de abril de 2022 
  20. Mendelson, Scott. «Box Office: 'Harley Quinn: Birds Of Prey' Finally Passes $200 Million». Forbes (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  21. Harvey, Dennis; Harvey, Dennis (26 de janeiro de 2020). «'Promising Young Woman': Film Review». Variety (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  22. Petski, Nellie Andreeva,Denise; Andreeva, Nellie; Petski, Denise (14 de setembro de 2020). «Anika Noni Rose Joins Netflix Series 'Maid' Produced By John Wells & Margot Robbie». Deadline (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  23. «Margot Robbie: I feel obligation to attack statistics on female-driven content». belfasttelegraph (em inglês). ISSN 0307-1235. Consultado em 16 de abril de 2022 
  24. a b «SMASHING DOORS OPEN: A SPOTLIGHT ON THE LUCKY EXPORTS PITCH PROGRAM SCREENWRITERS». freethework.com. Consultado em 16 de abril de 2022 
  25. «Birds of Prey and Beyond: LuckyChap's Fantabulous Plans for Hollywood». MovieMaker Magazine (em inglês). 4 de fevereiro de 2020. Consultado em 16 de abril de 2022 
  26. Setianto, Angelica L.; Win, Maria V. (3 de dezembro de 2020). «The Application of Girl Power Through Third-Wave Feminism in Birds of Prey». Atlantis Press (em inglês): 574–580. ISBN 978-94-6239-285-4. doi:10.2991/assehr.k.201201.100. Consultado em 16 de abril de 2022 
  27. Curtis, Neal; Cardo, Valentina (4 de maio de 2018). «Superheroes and third-wave feminism». Feminist Media Studies (3): 381–396. ISSN 1468-0777. doi:10.1080/14680777.2017.1351387. Consultado em 16 de abril de 2022 
  28. «'Birds of Prey' Producer Shuts Down One 'Asinine' Criticism». HuffPost (em inglês). 8 de fevereiro de 2020. Consultado em 16 de abril de 2022 
  29. «'Promising Young Woman' Review: Hardly a Feminist Pièce de Résistance | Arts | The Harvard Crimson». www.thecrimson.com. Consultado em 16 de abril de 2022 
  30. Galuppo, Borys Kit,Mia; Kit, Borys; Galuppo, Mia (14 de setembro de 2016). «Margot Robbie Signs First-Look Deal With Warner Bros. (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  31. «Mattel And Warner Bros. Pictures To Bring Barbie To The Big Screen Starring Margot Robbie | Mattel, Inc.». corporate.mattel.com (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  32. O'Malley, Katie (12 de julho de 2021). «Greta Gerwig Confirmed To Direct 'Barbie' Movie Starring Margot Robbie». ELLE (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  33. Petski, Denise; Petski, Denise (23 de março de 2018). «Margot Robbie To Produce Female-Focused Shakespearean Drama Series With 'Secrets & Lies' Producer & ABC Studios Int'l». Deadline (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  34. Jr, Mike Fleming; Jr, Mike Fleming (4 de outubro de 2021). «Keira Knightley To Star In 20th Century Studios' 'Boston Strangler'; Scott Free, LuckyChap Producing». Deadline (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 
  35. «Margot Robbie's Tank Girl Movie Lands Director Miles Joris-Peyrafitte | Collider». web.archive.org. 12 de setembro de 2019. Consultado em 16 de abril de 2022 
  36. Goldberg, Kim Masters,Lesley; Masters, Kim; Goldberg, Lesley (26 de maio de 2020). «The Ultimate Social-Distance Pitch? Margot Robbie, Kaitlyn Dever, Joey King and 'Peanut Butter Falcon' Duo Shopping Hot TV Series (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2022 

Ligações externas editar

LuckyChap Entertainment no Instagram