MW 18014

MW 18014 foi um lançamento experimental do foguete alemão A-4/V2[nb 1] realizado no dia 20 de junho de 1944,[1][2][3] no Centro de Pesquisas do Exército de Peenemünde, Peenemünde. Foi o primeiro objeto feito pelo homem a atingir o espaço sideral, atingindo um apogeu de 176 quilômetros, acima da linha de Kármán.[4] Foi um lançamento vertical. Apesar de ter atingido o espaço, ele não atingiu velocidade orbital, assim retornando à Terra num impacto, assim se tornando o primeiro voo suborbital, dependendo da definição.

MW 18014
Informações da missão
Operadora Alemanha Nazista
Foguete A-4/V-2[nb 1]
Espaçonave MW 18014
Base de lançamento Centro de Pesquisas do Exército de Peenemünde
Lançamento 20 de junho de 1944
Peenemünde
Aterrissagem 20 de junho de 1944
(destruído)
Altitude orbital 176 km[1][2]
Navegação
V-177
MW 17940

HistóriaEditar

 Ver artigo principal: V2

Os primeiros foguetes A-4, apesar de poderem atingir altitudes de 90 km, tinham vários problemas de confiabilidade.[5] Por exemplo, um problema de projeto na parte dianteira do casco externo fazia com que ele regularmente caisse no meio do voo, resultando no fracasso de 70% dos lançamentos.[5] Numa ocasião, um foguete A-4 sofrendo de efeito pogo durante a ascenção desviou 90º do curso, virando para a plataforma de lançamento, matando quatro operários no processo.[5]

A equipe em Peenemünde realizaram várias melhorias para lidar com os problemas de confiabilidade durante 1943 e a primeira metade de 1944. Prejudicando o programa estavam as interferências constantes da SS, ataques Aliados como parte da Operação Hydra, tentativas de privatizar o programa em junho de 1944,[5] e uma detenção de duas semanas do diretor técnico Wernher von Braun no dia 15 de março de 1944.[6]

Avanços dos aliados no Norte da França e melhorias na fábrica subterranea em Mittelwerk, onde os A-4 eram produzidos, além de melhorias na fórmula do propelente líquido renovaram a enfase de Von Braun ao lidar com os problemas de confiabilidade do A-4.[5]

Recordes quebradosEditar

MW 18014 foi parte de uma série de lançamentos verticais realizados em junho de 1944, projetados para avaliar o comportamento do foguete no vácuo.[3] MW 18014 quebrou o recorde de altitude de um de seus predecessores (lançado em 3 de outubro de 1942[7]) ao atingir um apogeu de 176 km.[3]

MW 18014 foi o primeiro objeto feito pelo homem a atingir o espaço sideral, definido como sendo 100km, na linha de Kármán. Esta altitude em particular não foi considerada importante na época; os engenheiros de Peenemünde comemoraram o lançamento de outubro de 1942, o primeiro a atingir a termosfera.[7] Depois da guerra, a Federação Aeronáutica Internacional definiu a fronteira entre a atmosfera da Terra e o espaço sideral como sendo a linha de Kármán.

Um A-4 subsequente na mesma série de testes viria a quebrar o recorde do MW 18014, com um apogeu de 189 km. A data do lançamento é desconhecida, pois os engenheiros não registravam datas precisas ensta fase.[3]

NotasEditar

  1. a b Os foguetes V-2 eram conhecidos como A-4 até setembro de 1944

ReferênciasEditar

  1. a b M.P. Milazzo; L. Kestay; C. Dundas; U.S. Geological Survey (2017). «The Challenge for 2050: Cohesive Analysis of More Than One Hundred Years of Planetary Data» (PDF). Planetary Science Division, NASA. Planetary Science Vision 2050 Workshop. 1989. 8070 páginas. Bibcode:2017LPICo1989.8070M. Consultado em 7 de junho de 2019 
  2. a b Bright, Michael; Sarosh, Chloe (2019). Earth from Space (em inglês). Introduction: Ebury Publishing. ISBN 9781473531604. Consultado em 7 de junho de 2019 
  3. a b c d Wade, Mark. «Peenemuende». Astronautix.com. Consultado em 7 de junho de 2019. Arquivado do original em 25 de abril de 2005 
  4. Williams, Matt (16 de setembro de 2016). «How high is space?». Universe Today. Consultado em 14 de maio de 2017. Arquivado do original em 2 de junho de 2017 
  5. a b c d e «Chronology - Quarter 1 1944». 8 de abril de 2010. Consultado em 7 de junho de 2019. Arquivado do original em 8 de abril de 2010 
  6. «Highlights in German Rocket Development from 1927–1945». MSFC History Office. NASA Marshall Space Flight Center. Consultado em 7 de junho de 2019. Arquivado do original em 1 de junho de 2012 
  7. a b Dornberger, Walter (1952). V-2. New York: Viking  English translation 1954.