Mafalda Afonso, Infanta de Portugal

Infanta de Portugal

Mafalda Afonso de Portugal, (Coimbra, 11531162 ou depois de março de 1164[1]) foi uma infanta de Portugal. Foi a quarta dos filhos de Afonso I de Portugal e Mafalda de Saboia e a terceira rapariga.

Mafalda de Portugal
Representação de Mafalda, Infanta de Portugal na obra Genealogia dos Reis de Portugal.
Casa Dinastia de Borgonha
Nome completo Mafalda Afonso de Portugal
Nascimento 1153
  Coimbra, Portugal
Morte 1162 (9 anos)
  Coimbra, Portugal
Pai Afonso I de Portugal
Mãe Mafalda de Saboia
Religião Cristianismo

A 30 de janeiro de 1160, O seu pai Afonso reuniu-se em Santa María del Palo, perto de Tui com o conde de Barcelona, Raimundo Berengário IV, para a negociação do casamento de Mafalda com o futuro rei Afonso II de Aragão[2], que rondaria, naquela altura os quatro anos de idade[2]. Depois da morte do conde, no verão de 1162, Fernando II de Leão convenceu a viúva, a rainha Petronila de Aragão, a cancelar o compromisso com Mafalda e acordou-se, no seu lugar, o casamento com a infanta Sancha, meia-irmã de Fernando, filha do segundo casamento de Afonso VII de Leão[3]. O falecimento de Mafalda, nesse mesmo ano ou pouco depois, veio gorar a esperança de uma renovação do acordo de 1160[4]. Em 1164 o nome de Mafalda é referido numa escritura sobre o Mosteiro de Santa Maria de Salzedas[5].

Este insucesso, porém, não impediu o estabelecimento de ligações duradouras entre o Reino de Portugal e a Coroa de Aragão, vindo o irmão mais novo de Mafalda, Sancho, a casar-se em 1174 com Dulce de Aragão, irmã do dito Afonso de Aragão, que entretanto ascendera ao trono.

Referências

BibliografiaEditar