Malvales

A ordem das Malvales contém 9 famílias, com 6005 espécies, classificadas em 338 géneros. O nome é originário de sua maior família, Malvaceae, do grego malache, que significa mole, devido à grande quantidade de mucilagem. O grupo inclui plantas cultivadas pelo Homem para efeitos alimentares, como o cacau, ou ornamentais, como as flores de hibisco.[1]

Como ler uma infocaixa de taxonomiaMalvales
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Malvales
Famílias
Ver texto.
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Malvales

As flores das plantas desta ordem são cíclicas ou hemicíclicas, diclamídeas, com pétalas geralmente soldadas na base. O cálice é duplo, em algumas vezes. Os estames geralmente são numerosos, às vezes dispostos em espiral. Os carpelos, geralmente 5, têm ovário normalmente súpero. Os filetes dos estames são geralmente soldados em maior ou menor extensão, formando andróforo envolvendo o gineceue a maioria apresenta mucilagem, para reserva de líquidos.

Na classificação de Cronquist (1981), é composta por 5 famílias :

O Sistema APG II (2003) modificou a composição desta ordem:

(incl. Bombacaceae, Sterculiaceae, Tiliaceae)

N.B. "[+" = família opcional. O AP-Website não aceita as famílias Diegodendraceae e Cochlospermaceae, incluindo-as na Bixaceae.

ReferênciasEditar

  1. «Malvales» (em inglês). ITIS (www.itis.gov) 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Malvales