Maria Delith Balaban

Maria Delith Balaban é uma psicóloga e executiva brasileira[1].

Foi chefe de gabinete de Fernando Henrique Cardoso durante sua passagem pelo Senado. Quando FHC foi reeleito presidente da República, em 1998, ela foi indicada para a diretoria do Sebrae. Na época, seu irmão, Eduardo Jorge Caldas Pereira, era secretário-geral da Presidência[2][3].

Atuou também como secretária executiva do Ministério da Cultura durante a gestão de Francisco Weffort, período em que foi condecorada com a Ordem do Mérito Cultural[4].

Referências

  1. Eduardo Jorge indicou irmã para diretoria do Sebrae no início de 99. Clipping - O Estado de S. Paulo, 19 de julho de 2000
  2. Os efeitos de um vírus palaciano Arquivado em 6 de outubro de 2009, no Wayback Machine.. Época, 24 de julho de 2000
  3. Indicação de nova diretoria provoca protesto no Sebrae. Senadores na Mídia, 30 de dezembro de 1998
  4. FHC entrega ordem do mérito cultural[ligação inativa]. Diário do Grande ABC, 4 de novembro de 1999
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.