Abrir menu principal

Medal of Honor: Allied Assault

vídeojogo de 2002
Medal of Honor: Allied Assault
Desenvolvedora(s) 2015, Inc.
Publicadora(s) Microsoft Windows : EA Games
Mac OS X : Aspyr
Diretor(es) Vince Zampella
Jason West
Escritor(es) Zied Rieke
Steven Spielberg
Compositor(es) Michael Giacchino
Motor id Tech 3 (com Ritual ÜberTools,s)
Plataforma(s) Microsoft Windows
Mac OS X
Linux
Série Medal of Honor
Data(s) de lançamento Microsoft Windows :
Mac OS X :
Linux :
2004
Gênero(s) Tiro em primeira pessoa
Modos de jogo Um jogador, Multijogador
Hardware
Sistema Microsoft Windows 95/98/ME/2000/XP, Linux, Mac OS X
CPU CPU Pentium III 800 MHz ou Athlon equivalente ou superior
Som placa de som compatível
Vídeo 64MB GPU ou superior
Underground (2000)
Frontline (2002)

Medal of Honor: Allied Assault é um jogo eletrônico de tiro em primeira pessoa desenvolvido pela Electronic Arts. Baseado no sistema id Tech 3, o jogo simula combates travados no Norte da África e na Europa durante a Segunda Guerra Mundial. É o terceiro jogo da série a ser lançado, embora seja o primeiro a ser lançado para Windows (em 2002), além do único a ser lançado para Linux.

O jogo foi lançado em três edições, além da edição tradicional (Medal of Honor: Allied Assault), o jogo teve duas outras edições com adições. Medal of Honor: Allied Assault Deluxe Edition, que inclui o Medal of Honor: Spearhead (um dos pacotes de expansão), dois guias de estratégia, a trilha sonora e uma prévia do Medal of Honor: Pacific Assault. A outra edição, Medal of Honor Allied Assault War Chest, inclui o jogo e ambos os pacotes de expansão, Medal of Honor: Spearhead e Medal of Honor: Breakthrough.

Índice

ResumoEditar

O jogo narra a vida do tenente do Exército dos EUA Mike Powell de 27 anos, um Ranger (soldado integrante do grupo tático de elite do exército norte-americano) e agente da OSS (Escritório de Serviços Estratégicos, agência de inteligência norte-americana durante a Segunda Guerra Mundial). Tenente Powell participa de seis missões em importantes operações nos teatros da África do Norte e Europa completando múltiplos objetivos em cada missão. O Coronel Stanley Hargrove, comandante de Powell, o instrui sobre a missão e eventualmente envia comunicados e informações importantes enquanto Powell esta em campo. Ao longo da enredo Powell será frequentemente ajudado por forças aliadas, porém a maior parte do tempo ele está sozinho contra companhias de soldados alemães, seguindo a linha dos jogos anteriores da série. A missão do desembarque na Praia de Omaha foi recriada em Medal of Honor: Frontline, para os consoles. As seis missões de Allied Assault são as seguintes:

  • Lighting the Torch (Acendendo a Tocha) (7 de novembro de 1942): A primeira missão de Mike Powell é durante a campanha aliada no norte da África em 1942, durante a Operação Tocha, ofensiva aliada que propunha expulsar as tropas do Eixo do norte da África intensificando o controle aliado sobre o Mar Mediterrâneo. O primeiro passo era tomar pontos-chave ao longo da costa norte-africana. Powell com a ajuda de um pequeno grupo de rangers, tem a missão de tomar uma pequena aldeia ocupada pelos alemães perto de Arzew (Argélia) e destruir baterias de artilharia dirigidas para costa, abrindo as praias para mais tarde, o desembarque das tropas. É sabido também que o agente da OSS infiltrado Major Jack Grillo foi capturado e deve ser resgatado antes que informações importantes sejam reveladas. O grupo de rangers sofre muitas baixas e é forçado s prosseguir pela cidade debaixo de fogo inimigo intenso até ser parado por uma emboscada inimiga. Powell como único sobrevivente deve continuar avançando por dentro da vila ocupada até encontrar o agente capturado e cumprir os objetivos da missão. Após libertar o Major Jack Grillo da prisão, Powell ganha um aliado e segue sabotando as defesas da cidade, enquanto Jack procura um transporte para a fuga. Powell destrói dois caminhões, cinco tanques, e dois canhões de 88 mm voltados para praia, cumprindo mais um objetivo da missão. Major Grillo encontra um jipe equipado com uma metralhadora alemã MG42. Próximo a cidade existe uma pista de pouso usada pelos nazistas, Jack e Powell seguem armados com o jipe e destroem vários aviões, eles se separam novamente e Powell segue para um farol, onde envia um sinal chamando atenção das últimas forças alemãs na área e sinalizando que a costa esta desprotegida. Em seguida, Jack e Powell, fogem em um caminhão de suprimentos alemão. É também possível resgatar outro prisioneiro de guerra durante uma interrogação para ganhar uma medalha mais tarde.
  • Scuttling the U-529 (Afundando o U-529) (14 de fevereiro de 1943): Powell está agora em Trondheim, Noruega. Sua missão é se infiltrar em uma base da Kriegsmarine alemã localizada na cidade, com a ajuda do comandante Grillo já infiltrado, e da resistência norueguesa. Os objetivos são destruir um protótipo de detector de sinais de radar chamado Naxos, um dispositivo alemão que poderia perigosamente minar a vitória aliada na Batalha do Atlântico, e roubar alguns documentos e planos secretos para sabotar o submarino alemão U-529. Grillo ajuda Powell até o momento em que é identificado como espião e morto por guardas nazis. Powell fica por conta própria e terá que obter uniforme, documentação alemã e usar o silenciador para entrar no complexo e atingir seus objetivos sem ser detectado. Esta é uma das duas missões em que Powell deve passar incógnito, disfarçado de oficial alemão, para entrar no submarino alemão, sabotar e fugir. É possível obter um manifesto de um oficial alemão dentro do submarino para ganhar uma medalha mais tarde.
  • Operation Overlord (Operação Overlord) (6 e 7 junho de 1944): Nesta terceira campanha, Powell recebe a carta de convocação para a Invasão da Normandia e é transferido para o 2º Batalhão da U.S. Rangers. (Considera-se que esta missão é inspirada no filme O Resgate do Soldado Ryan de Steven Spielberg) O primeiro objetivo da missão é sobreviver ao desembarque na praia de Omaha (um dos cinco setores de assalto na costa da Normandia durante o Dia D), em seguida, limpar as casamatas que protegem a praia. Na próxima parte da missão, Powell está sob o comando do capitão Ramsey e com a ajuda do oficial, Powell deve encontrar e proteger pára-quedistas pertencentes da 101ª Divisão Aerotransportada que saltaram na Normandia e ajudá-los a tomar uma bateria de lançadores de foguete Nebelwerfer, próximo a cidade de Carentan.
  • Behind Enemy Lines (Atrás das Linhas Inimigas) (22 de junho de 1944): Powell volta como um agente da OSS solitário, vai para atrás das linhas inimigas para coletar informações sobre as estratégias de movimentação das tropas alemãs e investigar rumores sobre um novo protótipo de tanque alemão chamado Tiger II ou King Tiger. Powell precisa primeiro salvar um piloto de reconhecimento e escoltá-lo para um abrigo seguro mantido pela resistência francesa. No abrigo, ele deve encontrar Manon Batiste (personagem protagonista de Medal of Honor: Underground, lançado em 2000 para PlayStation), também agente da OSS que passará a localização exata dos documentos que Powell deve coletar e também fornecerá transporte até lá. Powell agora deve se infiltrar em un posto de comando alemão instalado em uma mansão, sede de fazenda e reunir várias informações e documentos referentes à missão. Este é um dos poucos pontos de jogabilidade não-linear de Medal of Honor: Allied Assault, onde os objectivos podem ser alcançados em qualquer ordem. É possível obter explosivos e destruir dois tanques King Tiger para ganhar uma medalha mais tarde.
  • Day of the Tiger (Dia do Tigre) (20 de agosto de 1944): Com os aliados crescendo rapidamente o domínio sobre o território francês, a cidade de Brest, na Bretanha, torna-se um ponto estratégico crucial para o avanço aliado, o segundo porto mais importante da França está na cidade. Com as informações recolhidas na última missão, um grupo treinado especialmente para pilotar o King Tiger é escolhida por Hargrove para rouba-lo e trazê-lo para Brest, fora das linhas inimigas para ser estudado. Powell e sua equipe deve atravessar as ruas escuras de uma vila cercada de snipers alemães espalhados por torres, telhados e janelas escuras até encontrar o tanque, o episódio é conhecido como "Sniper Town" (lar do atirador). Depois de capturar o tanque, seus tripulantes devem chegar em Brest com o tanque ainda utilizável, até lá o grupo deve enfrentar uma série de adversários alemães, incluindo tanques Tiger, infantaria armada com lança-rojões Panzerschreck, canhões de 88 mm, e metralhadoras MG42. Chegando a cidade, Powell deve encontrar um ponto alto onde pode proteger o tanque capturado e a ponte que conduz ao centro da cidade. Ocupando a posição de sniper com um rifle de longo alcance, Powell pode derrubar qualquer inimigo que tente explodir a ponte e caso haja tanques inimigos, está disponível um rádio para pedir suporte aéreo. É possível manter todos os membros do grupo treinado vivos para ganhar uma medalha mais tarde.
  • The Return to Schmerzen (O Retorno à Schmerzen) (18 de janeiro de 1945): Schmerzen (dor, em alemão) é um forte que foi convertido em uma grande instalação nazista para diversos fins, dois deles é servir de unidade de produção de gás mostarda e campo de extermínio. No primeiro Medal of Honor, o tenente James Patterson poucos meses antes (novembro de 1944) destruiu parte das instalações, mas pouco tempo depois, a instalação foi reativada sob comando coronel Muller. Após vários ataques estratégicos sobre o Forte, Powell e um grupo de rangers infiltram-se na fábrica, plantam explosivos e sabotam o sistema de gás do Forte. Powell segue sozinho para a área subterrânea do forte equipado com uma máscara de gás e após muita resistência inimiga, consegue chegar no núcleo de produção de gás. Powell deve destruir o sistema de distribuição de gás consequentemente liberando-o por toda área subterrânea, enquanto isso os outros rangers sabotam o resto da base e libertam os prisioneiros, todas as ações culminam no colapso do forte e todos são forçados a escapar rapidamente antes de tudo explodir. É possível infiltrar-se na base com menos de 5 mortes entre os rangers para ganhar uma medalha mais tarde.

MúsicaEditar

Medal of Honor: Allied Assault (EA Games Soundtrack)
Trilha sonora de Michael Giacchino
Lançamento 30 de agosto de 2005 (2005-08-30) (Digital)
Gênero(s) Música de jogos eletrônicos
Duração 17:36

A música para Medal of Honor: Allied Assault foi composta pelo premiado Michael Giacchino. A trilha sonora oficial foi lançado em 30 de agosto de 2005, no iTunes e Amazon. A trilha sonora é composta por 5 faixas.

Medal of Honor: Allied Assault (EA Games Soundtrack) (Digital Release) (17:36)
N.º Título Duração
1. "Medal of Honor: Allied Assault (Main Theme)"   4:04
2. "North Africa"   3:19
3. "Schmerzen"   3:37
4. "Sniper Town"   3:20
5. "Tiger Tank"   3:23

ArmasEditar

MultiplayerEditar

Medal of Honor também apresenta um modo multiplayer onde é possível jogar até 64 jogadores ao mesmo tempo e oferece modos de jogo com objetivos diversos.

Modos de jogo padrão.

  • Free for All - Um clássico Deathmatch, onde cada jogador luta cada um por si.
  • Team Deathmatch - Onde equipe de Aliados enfrenta uma equipe do Eixo, quem tiver mais mortes vence.
  • Round Based - O mesmo que o Team Deathmatch, mas os jogadores não voltam ao jogo depois de serem mortos. A equipe que tiver o último homem de pé ganha a rodada.
  • Objective - Aliados ou Nazistas devem plantar uma ou mais bombas em um determinado local e o outro time deve impedir.

Modos de jogo modificados.

  • Freeze Tag - Uma modificação popular. Assim como Team Deathmatch, exceto que uma vez o jogador morto deve esperar no lugar em que morreu até que um dos seus colegas de equipe ainda vivo toque nele e o desparalize.
  • Freeze Tag Objective - Modificação semelhante a do objetivo que você deve explodir/defender os alvos exceto que uma vez o jogador morto deve esperar no lugar em que morreu até que um dos seus colegas de equipe ainda vivo toque nele e o desparalize.
  • Demolition - Cada lado tem de impedir que seja bombardeado pelo lado oposto, (semelhante ao modo Objective) mas é jogado em mapas de Deathmatch.
  • Capture The Flag - As equipes têm de roubar a bandeira do lado oposto e trazê-la à sua base.
  • Basebuilder - Jogadores gastam alguns minutos colocando objetos como caixas em um certo mapa e depois jogam esse mapa.
  • Assassination - Um jogador é escolhido aleatoriamente para ser o "protegido", sua equipe deve escolta-lo a um ponto de extração, enquanto o outro tenta eliminá-lo.
  • Survival Horror - Um dos jogadores escolhidos aleatoriamente se torna o assassino, que joga sozinho, é invisível (aparece apenas em curtos períodos quando ataca, brilhando em vermelho). É equipado com uma pistola silenciosa dando-lhe uma vantagem tática, apesar de estar em menor número, enquanto todo o resto dos jogadores tentam manter-se vivos e caçando o assassino. Depois que ele está morto (ou o seu tempo da rodada termina), um assassino novo é escolhido.
  • Sniper-Only - Clássico Deathmatch, onde cada jogador luta cada um por si mas só com rifles de longo alcance.
  • Team Deathmatch Sniper-Only - Equipe contra equipe apenas com rifles de longo alcance.
  • Airborne - Equipe contra equipe sendo que todo jogador do time Aliado que é morto, volta ao jogo tendo de pular de um avião C47, podendo cair em qualquer ponto do mapa de acordo com o manejo do para-quedas.

Ligações externasEditar