Abrir menu principal
Munhoz & Mariano
Munhoz & Mariano em 2013.
Informação geral
Origem Campo Grande (Mato Grosso do Sul)
País  Brasil
Gênero(s) Sertanejo universitário, sertanejo romântico e arrocha, ocasionalmente moda de viola e funk nos shows.[1]
Período em atividade 2006 - presente
Gravadora(s) Som Livre
Integrantes Raphael Calux Munhoz Pinheiro
(Munhoz)
20 de abril de 1986 (33 anos)


Ricardo Mariano Bijos Gomes
(Mariano)
15 de outubro de 1986 (33 anos)

Página oficial munhozemariano.com.br

Munhoz & Mariano é uma dupla sertaneja brasileira de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul,[2] formada em 2006 pelos amigos de infância Raphael Calux Munhoz Pinheiro (20 de abril de 1986), mais conhecido como Munhoz,[3] e Ricardo Mariano Bijos Gomes, (15 de outubro de 1986), nome artístico Mariano.[4]

Em 2011, a dupla lançou seu primeiro dvd ao vivo, em uma casa de shows de Campo Grande. Em 2012 foi lançado o segundo álbum da dupla, em CD e DVD nomeado Ao vivo em Campo Grande Vol. 2. Seu single "Camaro Amarelo" atingiu a primeira posição da tabela brasileira compilada pela Crowley Broadcast Analysis.[5]

Biografia e carreiraEditar

Início da CarreiraEditar

A dupla Munhoz & Mariano, começou após Munhoz que era violinista de uma dupla sertaneja de Campo Grande chamar seu amigo Mariano para ajudar a dupla, após um tempo Frango & Toiço como eram conhecidos, decidem formar sua propria dupla, e os amigos que se conheciam desde os 6 anos, finalmente se juntam na carreira artística.[6]

Assim, Mariano como primeira voz e Munhoz como segunda voz, além de empresário, técnico de som e produtor musical da dupla, seguem seu sonho, a já que ambos faziam faculdades e já trabalhavam.[7] A dupla começou com o nome de Ricardo & Raphael, porém já existia uma dupla com esse nome, e após insistência de Munhoz, finalmente a dupla define seu nome artístico como Munhoz & Mariano, o sobrenome da dupla.[8]

  • Os músicos que começaram se apresentando em postos de gasolina e casas de shows, com salários que variavam de 150 a 350 reais por show, ou apenas 6 latinhas de cervejas, sofreram preconceito devido ao nome pesado Munhoz & Mariano e ao timbre grave de Mariano, em contraste com a conhecida voz aguda, predominante na música sertaneja, além do fato da dupla abusar da sexualidade em suas coreografias.[9]

Garagem do FaustãoEditar

Em outubro de 2010, a dupla Munhoz & Mariano ganhou o concurso Garagem do Faustão do programa Domingão do Faustão. Com a vitória, eles tocaram no Festival Pop Sertanejo. A música "Sonho Bom" venceu com 35% dos votos, numa votação realizada pela internet. Foi a primeira aparição da dupla do Mato Grosso do Sul em rede nacional.[10] Depois do programa, muitas portas se abriram para dupla que antes fazia entre dez e doze shows por mês, e hoje faz entre 22 a 25 shows.[11]

Ao Vivo em Campo Grande I e IIEditar

Em 2011, Munhoz & Mariano escolhem Campo Grande como sede do seu primeiro DVD, o repertório foi escolhido a dedo pela dupla, pelo empresário e pelo produtor musical.[12] Com canções animadas e letras despojadas, a dupla animou 3 mil pessoas em 2 horas de show. O CD ao vivo teve 16 faixas e canções de sucesso como "Zé Goré", "Putaiada" e "Beberrão". Após a gravação, a dupla escolheu mais uma vez a cidade natal para o lançamento do CD onde novamente surpreenderam: sucesso de público e quase 5 mil pessoas em um clube fechado da cidade.[13]

Em 6 de maio de 2012, cerca de 90 mil pessoas prestigiaram a gravação do segundo DVD de Munhoz e Mariano. O evento aconteceu no Parque das Nações Indígenas, também em Campo Grande, e contou com participações especiais de Maria Cecília e Rodolfo, João Neto & Frederico e Fred & Gustavo.[14] Com a megaestrutura, orçada em R$ 2 milhões, os dois foram recebidos por show pirotécnico e fogos de artifícios. Com gritos histéricos dos fãs, a estrutura, helicóptero e câmera de aeromodelismo sobrevoam para registrar imagens aéreas, com aparelhos de última geração. No repertorio, músicas de sucessos como "Final de Semana", "Te Quero Bem", "Eu Vou Pegar Você e Tãe", "Eu Te Avisei" e "Sonho Bom". Das canções novas, destaque para "Nuvem Negra" e "Camaro Amarelo". Os convidados deram o tom em "Casa Amarela" com Fred & Gustavo, "Dois Mundos" com Maria Cecília e Rodolfo e "Balada Louca" com João Neto e Frederico.[13]

Características da DuplaEditar

A dupla acabou ficando famosa por promover uma dança cheia de rebolados como parte da coreografia das músicas, a ideia de investir em coreografias sensuais foi incentivada inicialmente pela mãe de Mariano, dona Valentina, que segundo o vocalista, teria dito "vocês têm que usar o sexo, mexer com a mulherada".[15]

Apesar do sucesso atual, a dupla sofreu preconceito devido ao fato da dupla abusar dos rebolados e da sexualidade em suas coreografias e devido ao timbre grave da voz do Mariano.[9]

DiscografiaEditar

ÁlbunsEditar

SinglesEditar

  • 2010: "Sonho Bom"
  • 2011: "Comendo Água"
  • 2011: "Te Quero Bem"
  • 2011: "Eu Vou Pegar Você e Tãe"
  • 2012: "Camaro Amarelo"
  • 2012: "Balada Louca" (Part. João Neto & Frederico)
  • 2013: "A Bela e o Fera"
  • 2013: "Pantera Cor de Rosa"
  • 2014: "Copo na Mão"
  • 2014: "Longe Daqui" (Part. Luan Santana)
  • 2014: "Bote Quente"
  • 2014: "Seu Bombeiro"
  • 2015: "Se Quer Ir Então Vai"
  • 2015: "Ela Não Pode Saber"
  • 2016: "Amor a 3"
  • 2016: "Pen Drive de Modão" (Part. Zé Neto & Cristiano)
  • 2017: "Tomador de Whisky"
  • 2017: "Mulherão da Porra" (part. Jerry Smith)
  • 2019: "Guitarrinha Malvada"

Referências

  1. «"Funk do Mariano" - Munhoz e Mariano Show na Flórida, EUA - USA Tour». webtvbrasileira.com. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. Instituto Cultural Cravo Albin. «Munhoz e Mariano». Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Consultado em 25 de maio de 2012 
  3. «Histórico - Munhoz». Site Oficial. Consultado em 25 de maio de 2012 
  4. «Histórico - Mariano». Site Oficial. Consultado em 25 de maio de 2012 
  5. «Top 5 Brasil: Música (Semanal), 05/11/2012 a 09/11/2012». Crowley Broadcast Analysis. Consultado em 16 de novembro de 2012. Arquivado do original em 16 de novembro de 2012 
  6. Munhoz & Mariano (24 de março de 2013). De Frente com Gabi (entrevista). Entrevista com Marília Gabriela. Marília Gabriela. São Paulo: SBT  Verifique data em: |acessodata= (ajuda); Em falta ou vazio |título= (ajuda);
  7. «Entrevista: Munhoz & Mariano». kboing.com.br. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  8. Munhoz & Mariano (13 de julho de 2013). Estrelas (entrevista). Entrevista com Angélica. Angélica. Rede Globo  Verifique data em: |acessodata= (ajuda); Em falta ou vazio |título= (ajuda);
  9. a b «Dupla Munhoz e Mariano é destaque no G 1 da Globo». agazetanews.com.br. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  10. «Para recordar: Quando Munhoz e Mariano venceram o "Garagem do Faustão"». tudosobresertanejo.com. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  11. «Vencedores do "Garagem do Faustão" comemoram mudanças na carreira». gente.ig.com.br. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  12. «Entrevista com a dupla Munhoz & Mariano.». ingressonaweb.com.br. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  13. a b «Biografia da dupla». munhozemariano.provisorio.ws. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  14. «Munhoz e Mariano fazem grande festa em Campo Grande para gravação do segundo DVD». universosertanejo.blogosfera.uol.com.br. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  15. «Munhoz e Mariano contam como decidiram investir no rebolado nos palcos». revistaquem.globo.com. Consultado em 01 de outubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externasEditar