Abrir menu principal

Museu Cais do Sertão

Museu Cais do Sertão
Tipo museu
Inauguração 2014 (5 anos)
Administração
Curador(a) Isa Grinspum Ferraz
Website oficial
Geografia
Coordenadas 8° 3' 36.3287" S 34° 52' 11.9392" O
Localização Recife
País Brasil

O Museu Cais do Sertão é um museu interativo sobre o Sertão e Luiz Gonzaga localizado na cidade do Recife, capital de Pernambuco, Brasil.[1]

Foi eleito um dos vinte melhores museus da América do Sul em 2015 pelos usuários do site de viagens TripAdvisor.[2]

HistóriaEditar

Um dos mais modernos equipamentos culturais do Brasil, o Cais do Sertão, instalado no antigo Armazém 10 do Porto do Recife, é um local de convivência, diversão e conhecimento, polo gerador de novas ideias e experiências. Abrigando e reverenciando a obra de Luiz Gonzaga, o grande homenageado do espaço, traz para a beira-mar da capital do estado um pouco do solo rico e generoso da cultura popular do sertão. O museu teve como curadora e diretora de criação a socióloga pernambucana Isa Grinspum Ferraz, também autora do Museu da Língua Portuguesa em São Paulo.[1]

O Cais do Sertão utiliza os mais variados e inovadores recursos expositivos e tecnológicos para, em um diálogo entre a tradição e a invenção, proporcionar aos visitantes uma experiência de imersão no belo e sofrido universo sertanejo — origem e fonte de inspiração gonzaguiana — em toda a sua diversidade e complexidade.[1]

Instalações físicasEditar

O museu está localizado na Avenida Alfredo Lisboa, S/N, no Recife Antigo. Conta com atrações e ambientes como a Sala do Imbalança, o Sertãomundo, a Casa do Transtempo, a Sala de Poesia, o Túnel do Capeta, o Túnel das Origens, cabines de Karaokê, dentre outros. O segundo módulo, ainda não inaugurado, conta com salas para cursos, auditório, cafeteria e restaurante.[3][4]

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c «Museu Cais do Sertão de porta aberta». SDEC-PE. Consultado em 21 de maio de 2016 
  2. «Brasil tem 12 dos 25 melhores museus da América do Sul, diz pesquisa». UOL. Consultado em 21 de maio de 2016 
  3. «Cais do Sertão comemora um ano com sucesso de público e atraso nas obras». Diario de Pernambuco. Consultado em 21 de maio de 2016 
  4. «Museu Cais do Sertão será ampliado e vai virar centro cultural». G1. Consultado em 21 de maio de 2016 

Ligações externasEditar