Perianto

Perianto é o conjunto de invólucros da flor, isto é, o cálice e a corola, que envolvem os órgãos de reprodução deste tipo de plantas.

Diagrama mostra as partes de uma flor madura. Neste exemplo o perianto está separado em cálice (sépalas) e corola (pétalas)

Uma das funções da corola é atrair insetos e pássaros, que desempenham um papel importante na polinização das flores.

Flores que não apresentam perianto são chamadas aclamídeas. Flores que apresentam somente sépalas ou somente pétalas são monoclamídeas. Flores que apresentam ambos são classificadas como diclamídeas. Há casos em que sépalas e pétalas são morfologicamente idênticas, constituindo as tépalas.

Os periantos são diclamídeos ou homoclamídeosflores com dois envoltórios (verticilos florais) distintos, ou seja, o cálice e a corola; ou flores em que os verticilos formam um conjunto unitário sem separação aparente.

Tipos de periantoEditar

  Este artigo sobre Botânica é um esboço relacionado ao Projeto Plantas. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências