Planalto Central de Angola

O Planalto Central de Angola, também chamado de Planalto do Bié, é um planalto que ocupa grande parte da região central angolana. A sua altitude varia entre os 1 520 e os 1 830 metros.[1] A região tem grande importância geográfica, pois serve de nascente e divisória de águas para cinco grandes bacias da África Austral: Cuango-Congo, Cuanza, Cunene, Calaári-Cubango e Zambeze.[1]

Planalto Central de Angola

O clima é temperado e a precipitação é suficiente para permitir o cultivo de café, milho, arroz, sisal, cana-de-açúcar e amendoim.[1] As zonas mais elevadas recebem mais precipitação. Cerca de metade da população rural de Angola reside no planalto do Bié, como a região também é conhecida.[1] O Caminho de Ferro de Benguela liga-o ao Oceano Atlântico e as suas principais localidades são Huambo e Cuíto.[1]

Referências

  1. a b c d e Editores da Britannica (2015). «Bié Plateau». Encyclopaedia Britannica. Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  Este artigo sobre geografia de Angola, integrado no Projecto Angola, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.