Abrir menu principal

Herói (revista)

(Redirecionado de Revista Herói)

Revista Herói foi uma revista brasileira, criada em 1994 pela Conrad Editora (na época conhecida como Acme e publicada em parceira com a Nova Sampa)[1], quando da exibição no Brasil do desenho animado japonês (anime) Os Cavaleiros do Zodíaco.[2][3]

Era voltada ao acompanhamento de séries de TV, especialmente de super-heróis, tratando de spoilers, bastidores e curiosidades sobre as séries.

A popularidade alcançada pela revista gerou a criação, algum tempo depois, de um website próprio, o heroi.com.br.[2][4]

Antecedentes e históricoEditar

 
Parte da equipe da revista na Comic Con Experience de 2014 em São Paulo, Brasil. Da esquerda para a direita: Ricardo Cruz, Cassius Medauar, Alexandre Nagado e André Forastieri.

Entre 1992 e 1993, a Editora Azul publicou uma revista spin-off da Revista Set chamada Set Terror & Ficção, editada por Carlos Eduardo Miranda e tendo como redatores os jornalistas André Forastieri e Rogério de Campos. No final de 1994, Forastieri e Campos fundaram a editora Acme e tiveram a ideia de criar uma revista nos moldes da revista Set Terror & Ficção; surgia assim a revista Herói, que seria publicada em conjunto com a editora Nova Sampa. Com o sucesso da série de anime Os Cavaleiros do Zodiaco e demais produções japonesas[5], foram contratados Marcelo Del Greco (editor da linha de mangás da Editora JBC)[6] para escrever sobre Cavaleiros do Zodíaco[7] e Alexandre Nagado (que era roteirista de revistas em quadrinhos baseadas nas séries Maskman, Flashman e Street Fighter, além de ter colaborado com a revista SET, escrevendo matérias sobre Ultraman, Godzilla, entre outras produções) para escrever sobre outras séries nipônicas.[5] Com o tempo, a revista seria publicada apenas pela Conrad Editora (nome adotado pela Acme).[3]

A revista circulou, com várias pausas, intervalos e mudanças de nome (como Herói Gold, Herói 2000 e Herói.com.br), por 12 anos, inclusive ganhando um website (no ar até os dias atuais), quando teve uma última tentativa nas bancas pela Editora Futuro, uma dissidência da Conrad, porém com numeração reiniciada.[2] .

Referências

  1. Pedro Hunter (29 de novembro de 2000). «Quadrinhos japoneses invadem as bancas tupiniquins». Omelete 
  2. a b c Marcelo Naranjo (18 de agosto de 2006). «Revista Herói está de volta». Universo HQ 
  3. a b Carlos Costa (10 de agosto de 2006). «A volta da revista Herói». HQManiacs 
  4. Marcelo Naranjo. «Revista Herói está de volta». Herói.com.br (arquivado pelo Wayback Machine). Consultado em 20 de agosto de 2011 
  5. a b Nagado, Alexandre (2008). «Minha Ligação Com o Lado Pop do Japão». Almanaque do Centenário da Imigração Japonesa. [S.l.]: Editora Escala 
  6. Samir Naliato (29 de maio de 2012). «Cassius Medauar é o novo gerente de conteúdo da Editora JBC». Universo HQ 
  7. Marcelo Del Greco (20 de novembro de 2003). «Saraba, Kenshin!». Universo HQ 

Ligações externasEditar