Rui Pregal da Cunha

Rui José Pregal da Cunha (Macau, 21 de Fevereiro de 1963) é um músico e cantor português fundador e vocalista da banda Heróis do Mar.

Rui Pregal da Cunha
Informação geral
Nome completo Rui José Pregal da Cunha
Nascimento 21 de fevereiro de 1963 (57 anos)
Local de nascimento Macau
Nacionalidade Português
Ocupação(ões) Vocalista

BiografiaEditar

Rui Pregal da Cunha nasceu em Macau,[1] no dia 21 de Fevereiro de 1963, vindo viver para Portugal com 4 anos.[2]

Foi fundador e vocalista da banda portuguesa de pop-rock Heróis do Mar.[1] Em conjunto com Paulo Pedro Gonçalves, seu colega na anterior banda, fundou os LX-90 que editaram o álbum 1 Revolução por Minuto.[1] Posteriormente emigraram para Inglaterra e alteraram o nome do grupo para Kick Out of The Jams.[1]

Em finais de 1999 foi um dos participantes no www.invisivel.pt, um álbum de música mas com características multimédia inovadoras inserido no projecto "O Homem Invisível" que contou, entre outros, com Rui Reininho.[3][4]

Após longa ausência do panorama musical, Rui Pregal da Cunha cantou, em 2010, na canção "Vá Lá Senhora" da banda Os Golpes.[1] Regressou aos concertos ao vivo participando em apresentações de grupos como Os Golpes e Nouvelle Vague.[1]

Trabalhou em publicidade, como produtor executivo de audiovisual e, em 2012, abriu um restaurante ("Can the Can") numa homenagem às conservas nacionais e ao fado.[5][6]

Em 2013 foi, juntamente com Antony Millard, Pedro Abrunhosa e Victor Varela um dos pilares de Diagnóstico: Dandy, um documentário de Luís Hipólito estreado na RTP2.[7]

Ao longo da década de 2010, foram vários os convites a Rui Pregal da Cunha para parcerias, quer em discos (como Ala dos Namorados[8], Os Capitães da Areia,[9] ou Rogério Charraz[10]) quer em espectáculos (como Ena Pá 2000,[11] ou Miguel Ângelo[12]).

Em 2014, Rui Pregal da Cunha participou numa homenagem a António Variações, que completaria 70 anos, com uma actuação, a 31 de maio, no festival Rock in Rio Lisboa, juntamente com os Deolinda, os Linda Martini e Gisela João.[13]

Em 2019, foi a voz da canção "Rapazes da Praia", o hino do centenário do Clube de Futebol "Os Belenenses", do qual é adepto.

DiscografiaEditar

Com Heróis do MarEditar

 Ver artigo principal: Discografia dos Heróis do Mar

OutrosEditar

ParticipaçõesEditar

CompilaçõesEditar

  • 2011 - Leopoldina - Apresenta Clássicos Infantis, Tema: "Indo eu a caminho de Viseu"[1][17]

Referências

  1. a b c d e f g «Rui Pregal da Cunha: "De betinhos só tínhamos o 'você'"». Correio da Manhã. 22 de abril de 2012. Consultado em 4 de junho de 2016 
  2. Rui Miguel Abreu (Setembro de 2006). «Heróis do Mar: uma lenda por contar». Revista Blitz''. Consultado em 4 de junho de 2016 
  3. a b «Catálogo - Detalhes do registo de "www.invisivel.pt"». Fonoteca Municipal de Lisboa. Consultado em 4 de junho de 2016 
  4. Pedro Ribeiro (4 de fevereiro de 2000). «Música que não se vê». Jornal Público. Consultado em 4 de junho de 2016 
  5. Sónia Morais Santos (9 de outubro de 2013). «Se Portugal fosse uma canção». Jornal Diário de Notícias. Consultado em 4 de junho de 2016 
  6. Fernando Jobral (1 de março de 2016). «Rui Pregal da Cunha: Gosto de acreditar que há por aí uns heróis à solta». Jornal de Negócios. Consultado em 4 de junho de 2016 
  7. «O que têm Antony Millard e Pedro Abrunhosa em comum?». RTP. 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  8. a b «Ala dos Namorados regressa com novo álbum em Fevereiro». Disco Digital : Sapo. 18 de janeiro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  9. Davide Pinheiro (23-01-2012-01-23). «Crítica: «A Bordo do Apolo 70», Os Capitães da Areia». Disco Digital : Sapo. Consultado em 4 de junho de 2016  Verifique data em: |data= (ajuda)
  10. a b «Música dos Portugueses : Entrevista Rogério Charraz». Lourinhã: Rádio Clube da Lourinhã. 13 de outubro de 2015. Consultado em 4 de junho de 2016 
  11. «Ena Pá 2000 festejam novo álbum no Porto e em Lisboa». Disco Digital : Sapo. 23 de janeiro de 2012. Consultado em 4 de junho de 2016 
  12. «Delfins e Lena D´Água fecham lista de convidados de Miguel Ângelo». Disco Digital : Sapo. 18 de agosto de 2014. Consultado em 4 de junho de 2016 
  13. Agência Lusa (01/04/2014-04-01). «Deolinda, Linda Martini e Gisela João cantam Variações no Rock in Rio-Lisboa». Jornal i. Consultado em 4 de junho de 2016  Verifique data em: |data= (ajuda)
  14. «Os Golpes : Concerto de lançamento de "G"». Lisboa: Museu da Marioneta. 30 de setembro de 2010. Consultado em 4 de junho de 2016 
  15. «ar de Rock reviveu memórias». Lisboa: CM. 26 de fevereiro de 2011. Consultado em 20 de junho de 2016 
  16. «Capitães da Areia editam novo álbum «à Beyoncé»». Disco Digital : Sapo. 26 de janeiro de 2015. Consultado em 4 de junho de 2016 
  17. «Alcobaça: Escola Secundária D. Pedro I recebeu visita da Leopoldina». Benedita: Rádio Benedita FM. 14 de dezembro de 2011. Consultado em 4 de junho de 2016 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um(a) cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.