Abrir menu principal

São Bento do Mato

freguesia de Évora, Portugal
Portugal Portugal São Bento do Mato - Azaruja 
  Freguesia  
Igreja Paroquial de São Bento do Mato (séc.XVI-XVIII)
Igreja Paroquial de São Bento do Mato (séc.XVI-XVIII)
Gentílico Azarujense
Localização
São Bento do Mato - Azaruja está localizado em: Portugal Continental
São Bento do Mato - Azaruja
Localização de São Bento do Mato - Azaruja em Portugal
Coordenadas 38° 43' 12" N 7° 47' 25" O
País Portugal Portugal
Região Alentejo
Sub-região Alentejo Central
Província Alto Alentejo
Concelho COA of Évora municipality (Portugal).png Évora
Administração
Tipo Junta de freguesia
Presidente Manuel Matias Bonito Recto (PS)
Características geográficas
Área total 66,55 km²
População total (2011) 1 151 hab.
Densidade 17,3 hab./km²
Código postal 7005
Outras informações
Orago São Bento
http://www.evora.net/jfazaruja/

São Bento do Mato, também denominada Azaruja é uma freguesia portuguesa do concelho de Évora, na região do Alentejo, com 66,55 km² de área e 1 151 habitantes (2011). A sua densidade populacional é de 17,3 h/km². A sede da freguesia situa-se na vila de Azaruja. Faz parte desta freguesia o aglomerado populacional das Courelas da Azaruja.

A freguesia de São Bento do Mato parece ter origem no século XVI, data em que o seu território terá sido separado da vizinha freguesia de São Miguel de Machede. Pertenceu ao extinto concelho de Evoramonte até cerca de 1836, data em que transitou para o município de Évora.[1]

A vila de Azaruja começou a ter importância na segunda metade do século XVIII, no local situado a cerca de dois quilómetros da igreja paroquial. Aí se desenvolveu a indústria corticeira, que ainda hoje é a principal actividade da vila. A Azaruja teve efemeramente, durante o século XIX, o nome de Vila Nova do Príncipe. Para o desenvolvimento populacional da freguesia contribuiu também, no final do século XIX, o Conde de Azarujinha, que aforou as suas propriedades em courelas, dando origem à fixação de rendeiros. Nesta situa-se também o antigo Santuário de Nossa Senhora do Carmo, que até às duas primeiras décadas do século XX foi um importante centro de peregrinações. Os principais acontecimentos desta freguesia são as Festas em Honra do Divino Espírito Santo (7 semanas depois da Páscoa) e a Feira Anual (2º fim-de-semana de Setembro). São Bento do Mato é a mais populosa e desenvolvida freguesia rural do município de Évora.[carece de fontes?]

PopulaçãoEditar

População da freguesia de São Bento do Mato [2]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
1 143 1 236 1 302 1 173 1 444 1 438 1 565 2 129 2 190 2 030 1 865 1 616 1 447 1 343 1 151

PatrimónioEditar

Cultura/DesportoEditar

Na vila de Azaruja existem diversos grupos associativos:

Festas e RomariasEditar

  • Festas em Honra do Divino Espírito Santo (realizam-se 7 semanas depois da Páscoa)
  • Feira Anual de Azaruja (2º fim-de-semana de Setembro)
  • Marchas Populares de Santo António (Junho)
  • Festa da Sardinha (Julho)
  • Feiras e Mostras Gastronómicas

GastronomiaEditar

Um dos ex-libris desta localidade é a rica gastronomia. Na primeira metade do século XIX, ingleses e catalães instalaram em Azaruja as primeiras fábricas de cortiça, transformando esta localidade no principal centro corticeiro do Alentejo. Esta mistura cultural foi-se consolidando com o passar dos anos, o que trouxe à população local uma personalidade muito própria.

Principais petiscos:

Referências

  1. «Paróquia de São Bento do Mato». Arquivo Distrital de Évora. Consultado em 6 de Dezembro de 2013 
  2. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes


  Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.