Abrir menu principal
Seu Jorge e Almaz
Álbum de estúdio de Seu Jorge e Almaz
Lançamento 27 de julho de 2010 (2010-07-27)[1]
Gravação 2010
Gênero(s) MPB, soul, funk
Duração 47:54
Idioma(s) Português e inglês
Formato(s) CD
Gravadora(s) EMI Records
Produção Almaz[2] e Mário Caldato[3]
Cronologia de Seu Jorge
América Brasil
(2007)
Músicas para Churrasco, Vol. 1
(2011)

Seu Jorge e Almaz é o álbum de estréia do projeto coletivo Almaz, formado pelo músico carioca Seu Jorge, pelo multi-instrumentista Antonio Pinto, e pelo guitarrista e o baterista da banda Nação Zumbi, Lúcio Maia e Pupillo.[4] O disco foi lançado em 27 de julho de 2010 primeiramente no Japão e nos Estados Unidos, no dia 14 de setembro, na Europa[5] e, somente no início do ano seguinte, foi lançado no mercado brasileiro.

Antecedentes e produçãoEditar

O projeto surgiu quando o trio estava gravando a trilha sonora do filme Linha de Passe, de Walter Salles, e convidou Jorge para gravar os vocais em uma das faixas, "Juízo Final", de Nelson Cavaquinho.[6] Acabaram decidindo gravar um disco juntos e se reuniram no estúdio Ambulante, de Antonio Pinto, gravando 18 canções ao vivo.[3] As canções trazem um pouco das preferências e descobertas pessoais de cada artista e, com a palavra final de Mário Caldato - o produtor do disco - sobre quais faixas entravam e quais saíam, fecharam as 12 músicas do álbum.[3]

FaixasEditar

N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Errare Humanum Est"  Jorge Ben Jor 4:50
2. "Das Model"  Ralf Hütter, Karl Bartos, Emil Schult 3:07
3. "Cristina"  Tim Maia / Carlos Imperial 3:08
4. "Saudosa Bahia"  Noriel Vilela 3:17
5. "Cirandar"  João de Aquino / Martinho da Vila 4:15
6. "Tempo de Amor"  Vinicius de Moraes / Baden Powell 3:23
7. "Everybody Loves The Sunshine"  Roy Ayers 4:56
8. "Pai João"  Tribo Massahi 3:53
9. "Rock With You"  Rod Temperton 4:51
10. "Cala Boca, Menino"  Dorival Caymmi 2:21
11. "Girl You Move Me"  French Thompson 5:32
12. "Juizo Final"  Nelson Cavaquinho / Élcio Soares 4:54

Recepção da críticaEditar

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic      [7]
  Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

MúsicosEditar

Dada pelo Discogs:[2]

Ficha técnicaEditar

Dada pelo Discogs:[2]

  • Direção de arte: Lewis Heriz
  • Coordenação: Egon
  • Masterização: Roberto Carranza
  • Mixagem: Mário Caldato
  • Fotografia: Mariana Jorge
  • Gravação: Mário Caldato e Missionário José
  • Assistente de gravação: Phacio Palanca
  • Produção: Almaz e Mário Caldato

Desempenho nas paradasEditar

Paradas (2010) Melhor
posição
França (SNEP)[8] 189

Referências

  1. Seu Jorge & Almaz. Publicado em Allmusic. Página visitada 20 de setembro de 2012.
  2. a b c Seu Jorge And Almaz. Publicado em Discogs. Página visitada em 20 de setembro de 2012.
  3. a b c DUARTE, Bruno. Seu Jorge e Almaz enfim em casa. Publicado em Saraiva, em 04 de fevereiro de 2011. Página visitada em 20 de setembro de 2012.
  4. LICHOTE, Leonardo. Seu Jorge e Almaz cantam Michael Jackson e Tim Maia com um pé na 'afrociberdelia' de Chico Science. Publicado em OGlobo, Caderno Cultura, em 04 de janeiro de 2011. Página visitada em 20 de setembro de 2012.
  5. Seu Jorge lança CD no exterior com novo projeto. Publicado em R7, em 15 de julho de 2010. Página visitada em 20 de setembro de 2012.
  6. FIBE, Cristina (2 de agosto de 2010). «Seu Jorge reinterpreta músicas de Kraftwerk e Michael Jackson». Publicado em Folha.com. Site da Folha de S. Paulo. Consultado em 20 de setembro de 2012 
  7. AllMusic reviwes
  8. Seu Jorge and Almaz – Seu Jorge and Almaz (em francês). Lescharts.com. Hung Medien.
  Este artigo sobre um álbum de Seu Jorge é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.