Abrir menu principal

Shinichiro Watanabe (渡辺 信一郎 Watanabe Shin'ichirō, nascido em 24 de maio de 1965 em Kyoto, Japão) é um diretor e escritor. Ele é mais conhecido pelos animes Cowboy Bebop, Samurai Champloo e Zankyou no Terror.

Também fez duas animações para a série Animatrix: Era Uma Vez Um Garoto e Uma História de Detetive, além do curta Blade Runner: Black Out 2022.

CarreiraEditar

Após ingressar no estúdio de animação Sunrise, Watanabe trabalhou como assistente de produção e, posteriormente, fez sua estréia profissional como co-diretor da bem sucedida continuação de Macross, Macross Plus. Seu próximo esforço foi no anime para televisão Cowboy Bebop, seguido por um filme em 2001: Knockin' on Heaven's Door. Em 2003, Watanabe dirigiu seu primeiro anime estadunidense: os curtas de animação Kid's Story e A Detective Story, parte da série Animatrix, uma antologia em curtas-metragens animados sobre o universo de The Matrix. Seu próximo trabalho foi no anime para televisão Samurai Champloo, que começou a veicular na Fuji TV no Japão em 19 de maio de 2004. Mais tarde em 2014, Shinichiro dirigiu o Anime Zankyou no Terror, com a ajuda do estúdio MAPPA.

Trabalhos notáveisEditar

Roteirista/DiretorEditar

Co-diretorEditar

Diretor musicalEditar

  • Mind Game (マインド ゲーム Maindo Gēmu?) (2004)

CaracterísticasEditar

MúsicaEditar

Watanabe tem uma visão distinta sobre a importancia da trilha sonora nos seus trabalhos e acredita que a música é a linguagem universal. Cowboy Bebop é amplamente respeitado pelas suas múltiplas camadas de história e profundos personagens, combinado com um clima de despretenção na história em si (fortemente influenciado pela cultura americana, especialmente os movimentos do jazz da década de 1940 e, daí, o "bebop"). Esse estilo é misturado com um fenomenal trabalho da compositora Yoko Kanno, com jazz, blues e funk. Em Samurai Champloo, que se passa no Japão da era Edo, a trilha sonora anacrônica é inspirada fortemente no hip hop e está cheia de sons de vinil com scratches.

Velocidade e FocoEditar

Os animes de Watanabe são todos estimulantes. Suas histórias fluem muito livremente; uma constante entre calmaria e aceleração mantendo o espectador fora de equilíbrio e totalmente envolvido. As personagens de Watanabe agem muitas vezes dessa mesma forma. Em Cowboy Bebop, Spike parece quase preguiçoso e desinteressado no que acontece a maior parte do tempo, suas mãos permanecem em seu bolso, ou ele inclina-se contra um muro, ou fumando um cigarro. Mas logo que a ação começa, Spike se move rapidamente e de forma livre, usando tudo que o rodeia a sua vantagem.

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre mangá e anime é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.