Abrir menu principal

Taça Brasil de Basquete Masculino de 1971

Entre 25 e 29 de agosto de 1971 estava marcada para acontecer a 7ª edição da Taça Brasil,[1] tendo a cidade de Franca como sede e os jogos realizados no ginásio do Clube dos Bagres, com 6 times participantes:[2] Fluminense e Vasco da Gama, da Guanabara; Clube dos Funcionários, do Rio de Janeiro; Cruzeiro, do Rio Grande do Sul; Sírio e Clube dos Bagres de Franca, de São Paulo.

Taça Brasil 1971
7ª Taça Brasil de Basquete
{{{PAGENAME}}}
Campeonato Taça Brasil de Basquete
Esporte Basquete
Duração 25 a 27 de agosto de 1971
Número de jogos 6
Número de times 4
Quadrangular
Campeão
São Paulo Clube dos Bagres/Franca
  Vice-campeão São Paulo Sírio
Temporadas da Taça Brasil

Índice

PolêmicasEditar

Descumprimento do regulamentoEditar

Segundo o regulamento da competição, nenhum time poderia pertencer à cidade sede onde seria realizada a competição, salvo se este time fosse o atual campeão do torneio, o que não era o caso do Clube dos Bagres de Franca. Vasco da Gama, Clube dos Funcionários e Cruzeiro, descontentes com o descumprimento do regulamento, resolveram não participar do torneio, sendo substituídos por Arapongas (Paraná), Predefinição:Basquetebol Minass (Minas Gerais) e Sogipa (Rio Grande do Sul).

Suspensão da Taça BrasilEditar

"Juiz adia Troféu Brasil de Basquete". Essa era a principal manchete da sessão de esportes do jornal O Globo em 25/08/1971, dia da estreia do torneio. O Fluminense, também descontente com essa situação, entrou com um mandado de segurança, em liminar que foi concedida pela 5ª Vara Federal do Rio de Janeiro[3] adiando a competição por 90 dias.

Torneio em caráter amistosoEditar

Descontente com toda a situação, o almirante Paulo Meira, presidente da CBB resolveu cancelar a Taça Brasil e indicar o Sírio, campeão de 1970, para representar o Brasil no Campeonato Sul-Americano de Clubes Campeões e que os clubes que fossem a Franca poderiam jogar amistosamente[3].

Clube dos Bagres, um campeão reconhecido anos depoisEditar

Sírio, Arapongas e Minas já estavam em Franca para a disputa do torneio, quando saiu a decisão do juiz. O clima na cidade, que antes estava em festa, com enfeites e cartazes espalhados por todos os lados, agora parecia um velório com a notícia do cancelamento do torneio. As equipes que já estavam na cidade, resolveram jogar um quadrangular amistoso com o Clube dos Bagres, com o clube francano vencendo todos os seus jogos. Anos mais tarde, a CBB homologou este quadrangular como a VII Taça Brasil de Basquete, tornando-se o primeiro título nacional conquistado pelo time do Franca Basquete.[1][4]

ParticipantesEditar

Equipe Cidade Participação
  Arapongas Arapongas
  Clube dos Bagres Franca
  Minas Belo Horizonte
  Sírio São Paulo

TabelaEditar

Fase únicaEditar

Data Placar
25/08/1971 Sírio   -   Minas
25/08/1971 Clube dos Bagres/Franca   88 - 56   Arapongas
26/08/1971 Sírio   -   Arapongas
26/08/1971 Clube dos Bagres/Franca   86 - 51   Minas
27/08/1971 Minas   -   Arapongas
27/08/1971 Clube dos Bagres/Franca   75 - 62   Sírio
Classificação final
Pos Times Pts J V D
1   Clube dos Bagres/Franca 6 3 3 0
2   Sírio 5 3 2 1
3   Minas 4 3 1 2
4   Arapongas 3 3 0 3
Campeão


Taça Brasil de Basquete Masculino 1971
 
Clube dos Bagres/Franca
Campeão
(1° título Brasileiro)

Referências

  1. a b CBB. «Campeões da Taça Brasil». Consultado em 26 de abril de 2014. Arquivado do original em 18 de outubro de 2014 
  2. Revista Placar, edição do dia 27/08/1971. «Todo o Basquete em Franca». Consultado em 26 de abril de 2014 
  3. a b Jornal do Brasil, edição do dia 27/08/1971, pág. 22. «Juiz suspende a Taça Brasil». Consultado em 26 de abril de 2014 
  4. Diário de Franca. «Campeões da Taça Brasil de 1971 serão homenageados». Consultado em 26 de abril de 2014 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar