Abrir menu principal

The 2nd Law

álbum da banda de rock inglesa Muse
The 2nd Law
Álbum de estúdio de Muse
Lançamento 1 de outubro de 2012
(ver abaixo o histórico de lançamento)
Gravação 2011–2012
Gênero(s) Rock alternativo, new prog, rock eletrônico, space rock, rock sinfônico, dubstep
Duração 53:49
Gravadora(s) Warner Bros., Helium 3
Produção Muse
Cronologia de Muse
The Resistance
(2009)
Live at Rome Olympic Stadium
(2013)
Singles de The 2nd Law
  1. "Survival"
    Lançamento: 27 de junho de 2012
  2. "Madness"
    Lançamento: 20 de agosto de 2012
  3. "Follow Me"
    Lançamento: 10 de dezembro de 2012
  4. "Supremacy"
    Lançamento: 25 de fevereiro de 2013
  5. "Panic Station"
    Lançamento: 3 de junho de 2013

The 2nd Law é o sexto álbum de estúdio da banda inglesa de rock alternativo Muse.[1] O disco foi lançado oficialmente em 1 de outubro de 2012 no Reino Unido.[2][3]

O disco foi muito bem recebido pelos críticos, com elogios as tendências usadas, a ambição sonora do álbum e a variedade de gêneros e influências abordadas nas canções.[4]

Índice

ProduçãoEditar

Muse decidiu entrar no estúdio para gravar seu sexto álbum em setembro de 2011. O baixista Christopher Wolstenholme disse a BBC Radio 1 que "setembro e outubro será a data que entraremos em estúdio para começar a trabalhar no novo álbum."[5] Em uma entrevista para a revista americana Billboard em 18 de outubro de 2011, o manager da banda, Anthony Addis, revelou que o Muse começou a gravar seu novo disco em Londres e deveria ser lançado provavelmente em outubro de 2012.[6] Bellamy então brincou e publicou em seu twitter que o álbum seria uma "odisséia gangsta cristã com rap e jazz, com um pouco de dubstep e com um flamenco metal cowboy".[7]

Em uma entrevista para a revista Kerrang! em 14 de dezembro de 2011, Wolstenholme disse que o novo álbum do Muse seria "algo radicalmente diferente" do que eles já haviam feito. Ele também disse que era como se a banda tivesse "traçado uma linha num certo periodo" da carreira deles com este disco.[8] Também foi revelado via twitter pelo publicista da banda, Tom Kirk, que o compositor David Campbell, que já havia trabalhado com Radiohead, Paul McCartney, Beck e Adele, estava ajudando Matt Bellamy a compor o álbum.[9] Em uma entrevista feita em abril de 2012 para a NME, Bellamy disse que a banda iria incluir vários elementos de música eletrônica, com influências de conjuntos como French house, Justice e do grupo inglês de rock eletrônico Does It Offend You, Yeah?.[10] Matt também confirmou o lançamento do CD para o outono de 2012.[11]

LançamentoEditar

 
A banda se apresentando no Air Canada Centre, em 2013, durante a turnê de divulgação do disco.

Em 6 de junho de 2012, Muse lançou oficialmente um trailer para o novo álbum e anunciou seu titulo, The 2nd Law, e também confirmou a data de lançamento definitiva para 17 de setembro daquele ano.[12] Mais tarde a data foi alterada para 1 de outubro.[2] O trailer, que incluia elementos de dubstep, dividiu opiniões dos fãs pelo mundo.[13][14] Em 7 de junho, a banda anunciou uma turnê pela europa para ajudar na divulgação do novo disco, intitulada The 2nd Law Tour. Os shows seriam principalmente na França, Espanha e no Reino Unido, mas também com várias apresentações em diversos países do continente europeu.[15]

Em 26 de junho de 2012 foi anunciado a liberação da primeira música do álbum, intitulada "Survival", que fez sua estréia no programa de Zane Lowe na BBC Radio 1 em 27 de junho.[16][17] No mesmo dia, a canção foi corfirmada como a música oficial dos Jogos Olímpicos de Verão de 2012.[18]

Em 9 de agosto, Muse liberou a faixa "The 2nd Law: Unsustainable" para quem realizou a pré-venda no site da banda e, no dia seguinte, lançaram a canção oficialmente pelo seu canal no youtube.[19]

Em 20 de agosto, foi a vez da canção "Madness" ser lançada pela BBC Radio 1.[20] Em 23 de setembro, a banda liberou oficialmente todas as faixas do álbum via sites de compra online e rádios por todo o mundo.[21]

A canção "Follow Me" foi lançado como o terceiro single do disco em novembro de 2012.[22] O single seguinte foi a música "Supremacy", com lançamento previsto para 25 de fevereiro de 2013.[23][24]

ComposiçãoEditar

De acordo com uma entrevista para a revista NME, o álbum possui elementos de rock sinfônico, dubstep e synthpop. "Madness", segundo a da NME, tem referências óbvias a canção "I Want to Break Free" do Queen e ao álbum Scary Monsters and Super Creeps de David Bowie.[25] O líder da banda, Matt Bellamy, disse que o som brostep do músico Skrillex foi uma grande influência, em especial nas últimas duas canções - "The 2nd Law: Unsustainable" e "The 2nd Law: Isolated System".[26] Ele também falou que a canção "Follow Me" é sobre o filho de Matt, Bingham Bellamy. Já "Panic Station" contém influências da canção "Superstition" de Stevie Wonder e também há elementos de funk rock. A primeira faixa do álbum, "Supremacy", tem guitarras ao estilo das músicas de Led Zeppelin, com um toque de rock progressivo. O baixista Chris Wolstenholme escreveu e também atuou como vocalista em duas canções para o disco - "Save Me" e "Liquid State" - que falam de sua batalha contra o alcoolismo e outras dificuldades de sua vida.[27]

FaixasEditar

Todas as canções escritas e compostas por Matt Bellamy, exceto "Save Me" e "Liquid State" por Christopher Wolstenholme

CD[28]
N.º Título Duração
1. "Supremacy"   4:55
2. "Madness"   4:39
3. "Panic Station"   3:03
4. "Prelude"   1:03
5. "Survival"   4:17
6. "Follow Me"   3:51
7. "Animals"   4:23
8. "Explorers"   5:48
9. "Big Freeze"   4:41
10. "Save Me"   5:09
11. "Liquid State"   3:03
12. "The 2nd Law: Unsustainable"   3:48
13. "The 2nd Law: Isolated System"   4:59
Duração total:
53:39

RecepçãoEditar

Críticas profissionais
Pontuações agregadas
Fonte Avaliação
Metacritic 70/100[4]
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
AllMusic      [29]
BBC Positiva[30]
Digital Spy      [31]
Drowned in Sound           [32]
Entertainment Weekly C+[33]
The Telegraph      [34]
The Guardian      [35]
NME 8/10[36]
The Observer      [37]
Rolling Stone      [38]

CríticaEditar

O The 2nd Law recebeu boas críticas dos especialistas. No site Metacritic, que dá uma nota ao álbum que pode ir até 100 baseada na análise de vários críticos, conquistou uma nota de 70 baseado em 30 resenhas, indicando uma "recepção muito favorável pela crítica".[4] O analista do The Guardian, Alexis Petridis, deu ao álbum 4 de 5 estrelas, elogiando a ambição do trabalho mas falando que as tendências cobertas pelo disco já haviam sido exploradas nos CDs anteriores da banda e completou dizendo que "ninguém vai ver um filme de alta bilheteria pela profunda e intensa caracterização. Eles vão para assistir aos efeitos especiais, algo que o The 2nd Law cobre muito bem".[35] Por outro lado, Kyle Anderson, da Entertainment Weekly, deu ao álbum um C+, dizendo que "vai ao fundo com o estilo do Queen" e expressou desapontamento com a falta de elementos de música eletrônica frente as expectativas criadas para o disco, o que, segundo ele, seria algo bem diferente dos trabalhos anteriores do trio britânico.[33] O crítico musical Ian Winwood da BBC também deu ao disco um parecer positivo, saudando as canções "Supremacy", "Liquid State" e "The 2nd Law: Isolated System", dizendo que "o Muse se apresenta bem em qualquer forma que quiserem".[39] Helen Brown, da The Telegraph, deu ao álbum 4 de 5 estrelas, elogiando o single "Madness" em particular.[34] A crítica do The Observer fez referência as "tendências bombásticas" do Muse, dizendo que "[Matt] Bellamy não está cego para as contradições de sua banda em suas tentativas de levar sua comicidade ao level 11; crescimento sem fim, e é claro, insustentável. Mas no momento eles parecem bem confortáveis com a idéia de obscena super-inflação. Nós também deveríamos".[40]

Apesar das excelentes críticas e boa recepção comercial, o álbum não foi unanimidade. Alguns especialistas criticaram a ruptura da banda com seu antigo estilo de rock e a vontade de experimentar novos gêneros e influências. A allmusic deu ao The 2nd Law 3 de 5 estrelas, notando que "a excursão ao dubstep e a dance music nas faixas "Madness" e "Follow Me" parecem mais com remixes do que com canções originais. Elas parecem com a típica música do Muse, mas a produção que a construiu parece quase alienígena".[29]

ComercialEditar

Comercialmente, o The 2nd Law foi um sucesso internacional. O álbum estreou em segundo lugar nas paradas dos Estados Unidos, vendendo pelo menos 101 000 cópias em sua primeira semana naquele país, dando ao Muse sua melhor estréia em solo americano, apesar do número de unidades comercializadas ter sido menor que o disco anterior do grupo, o The Resistance, que estreou na terceira posição por lá vendendo perto de 130 mil cópias.[41] O disco também estreou na segunda posição na Austrália, na Alemanha, na Irlanda, na Coreia e na Espanha. Este álbum deu ao Muse seu quarto lançamento consecutivo a chegar ao topo dos mais vendidos no Reino Unido, enquanto também estreou na primeira posição em pelo menos mais treze países.[42]

No começo de 2013, o álbum já havia vendido mais de 300 000 cópias na Grã-Bretanha.[43]

PessoalEditar

Muse
Pessoal adicional

TabelasEditar

Histórico de lançamentoEditar

País Data Formato Gravadora
  Alemanha[70] 28 de setembro de 2012 CD, Deluxe, Boxset, 2 LP Warner Music
  Austrália[71]
  Áustria[72]
  Bélgica[73]
  Países Baixos[74]
  Suíça[75]
  Irlanda[76] 1 de outubro de 2012
  Reino Unido[77] Helium 3
  Itália[78] 2 de outubro de 2012 Warner Music
  Canadá[79] Warner Bros.
  Estados Unidos[80] CD, Deluxe, 2 LP
  Brasil[81] 3 de outubro de 2012 CD Warner Music
  Suécia[82] CD, Deluxe, Boxset, 2 LP
  Japão[83] CD, Deluxe, Boxset

Referências

  1. "The 2nd Law (album)". Acessado em 13 de junho de 2012.
  2. a b «1st Single Announced: New Album Release Date». 2 de agosto de 2012. Consultado em 31 de agosto de 2012. Arquivado do original em 13 de março de 2015 
  3. «Muse: Trailer de The 2nd Law». RollingStone.com. Consultado em 10 de junho de 2012 
  4. a b c «The 2nd Law reviews at Metacritic.com». Consultado em 5 de outubro de 2012 
  5. Muse To Begin Recording New Album In September. Gigwise (10 de agosto de 2011). Acessado em 23 de agosto de 2011.
  6. «Exclusive: Muse Manager Anthony Addis Talks New Album, Touring and the Challenges of Conquering America». Billboard.biz. Consultado em 18 de outubro de 2011 
  7. Muse start recording new album Sky News. Acessado em 23 de dezembro de 2011
  8. Muse: 'It feels like it's time to do something radically different on our next album' NME. Acessado em 15 de dezembro de 2011
  9. «Instagram». Instagram. Consultado em 28 de fevereiro de 2012 
  10. Reid, Poppy. «New Muse album set for September - Artists». The Music Network. Consultado em 27 de junho de 2012 
  11. "MUSE interview to NME"[ligação inativa]. Acessado em 27 de junho de 2012.
  12. «Muse publish trailer for their new album». Rekwired. 6 de junho de 2012. Consultado em 6 de junho de 2012 
  13. «Fans react to Muse's dubstep-tinged trailer for new album 'The 2nd Law'». NME. IPC Media. 6 de junho de 2012. Consultado em 27 de junho de 2012 
  14. Montgomery, James (6 de junho de 2012). «Muse Move Toward Dubstep In Apocalyptic The 2nd Law Trailer». MTV. Viacom. Consultado em 27 de junho de 2012 
  15. «MUSE». Muse.mu. Consultado em 27 de junho de 2012 
  16. «Muse's new single 'Survival' to be London 2012 Olympics official song». NME.com. Consultado em 27 de junho de 2012 
  17. «Muse to debut new single 'Unsustainable' tomorrow on Radio 1 | News». Nme.com. Consultado em 27 de junho de 2012 
  18. «Muse unveil official Olympic song». BBC News. Consultado em 27 de junho de 2012 
  19. «Muse - "The 2nd Law: Unsustainable"». Rolling Stone Brasil. Consultado em 20 de agosto de 2012 
  20. «Madness Monday». Muselive. Consultado em 20 de agosto de 2012. Arquivado do original em 24 de dezembro de 2013 
  21. "Listen To The 2nd Law Online". Página acessada em 24 de setembro de 2012.
  22. «Next Muse Single Confirmed as Follow Me». MuseLive. Consultado em 30 de outubro de 2012 
  23. «Supremacy Lyric Video Online Now». Muse. Consultado em 16 de janeiro de 2013 
  24. «Muse - "Supremacy" video». NME.com. Consultado em 6 de fevereiro de 2013 
  25. The 2nd Law - Album Summary - News - Muselive Arquivado novembro 24, 2012 no WebCite . Acessado em 7 de agosto de 2012.
  26. Muse Reveals Skrillex As Major Influence On New Album 'The 2nd Law'. Acessado em 7 de agosto de 2012.
  27. Muse's Chris Wolstenholme on alcohol battle: 'I had to stop or die' | News | NME.COM. Acessado em 7 de agosto de 2012.
  28. «The 2nd Law Tracklisting Unveiled». Muse.mu. Consultado em 13 de julho de 2012 
  29. a b Heaney, Gregory. «The 2nd Law - Muse : Songs, Reviews, Credits, Awards». AllMusic. Consultado em 2 de outubro de 2012 
  30. 21:58 (28 de setembro de 2012). «Music - Review of Muse - The 2nd Law». BBC. Consultado em 2 de outubro de 2012 
  31. «Muse: 'The 2nd Law' - Album review - Music Album Review». Digital Spy. Consultado em 2 de outubro de 2012 
  32. «Muse - The 2nd Law (review)». Drowned in Sound. Consultado em 28 de setembro de 2012 
  33. a b «Music Review: The 2nd Law (2012) - Muse». Entertainment Weekly. Consultado em 28 de setembro de 2012 
  34. a b «Muse, The 2nd Law, CD review». The Daily Telegraph. Consultado em 28 de setembro de 2012 
  35. a b «Muse: The 2nd Law – review». The Guardian. Consultado em 28 de setembro de 2012 
  36. «NME Album Reviews - Muse - 'The 2nd Law'». Nme.Com. Consultado em 2 de outubro de 2012 
  37. Kitty Empire (23 de agosto de 2010). «Muse: The 2nd Law – review | Music | The Observer». The Guardian. Consultado em 2 de outubro de 2012 
  38. Dolan, Jon. «Review: Muse – The Second Law». Rolling Stone. Consultado em 4 de outubro de 2012 
  39. 21:58 (28 de setembro de 2012). «Music - Review of Muse - The 2nd Law». BBC. Consultado em 2 de outubro de 2012 
  40. Kitty Empire (23 de agosto de 2010). «Muse: The 2nd Law – review | Music | The Observer». The Guardian. Consultado em 5 de outubro de 2012 
  41. a b «Muse's 'The 2nd Law' Leads Seven Top 10 Debuts on Billboard 200». Billboard. Consultado em 11 de outubro de 2012 
  42. a b "Muse - Official Charts Company". Página acessada em 10 de outubro de 2012.
  43. Dan Lane. «The Official Top 40 Biggest Selling Albums Of 2012 revealed!». Official Charts Company. Consultado em 16 de janeiro de 2013 
  44. "9. Oktober 2012 - Seeed erstmals auf Platz eins". Página acessada em 10 de outubro de 2012.
  45. "ARIA Albums Chart". Página acessada em 10 de outubro de 2012.
  46. "MUSE - THE 2ND LAW (ALBUM)". Página acessada em 12 de outubro de 2012.
  47. «Muse - The 2nd Law». Ultratop (Flanders). Hung Medien. Consultado em 5 de outubro de 2012 
  48. «Muse - The 2nd Law». Ultratop (Wallonia). Hung Medien. Consultado em 5 de outubro de 2012 
  49. "TOP 100 ALBUMES". Página acessada em 10 de outubro de 2012.
  50. "MUSE - THE 2ND LAW (ALBUM): The Official Finnish Charts". Página acessada em 12 de outubro de 2012.
  51. «Muse - The 2nd Law». Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 11 de outubro de 2012 
  52. «MAHASZ – Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége». mahasz.hu. Consultado em 11 de outubro de 2012 
  53. «Irish Albums Chart > Archive > Week Ending: October 4, 2012». GFK. Consultado em 4 de outubro de 2012 
  54. «Muse - The 2nd Law». Acharts.us. Consultado em 12 de outubro de 2012 
  55. «Weekly Ranking CD album of 07 October 2012 to 01 October 2012» (em japonês). Consultado em 11 de outubro de 2012 
  56. "New Zealand Music Charts". Página acessada em 10 de outubro de 2012.
  57. "Dutch Albums Top 100". Página acessada em 10 de outubro de 2012.
  58. "SwedishCharts.com: MUSE - THE 2ND LAW (ALBUM)". Página acessada em 6 de novembro de 2012.
  59. "Muse - The 2nd Law (ALBUM)". Página acessada em 12 de outubro de 2012.
  60. "Ultratop − Goud en Platina – 2012". Belgian Entertainment Association. Página acessada em 11 de agosto de 2013.
  61. "Canadian album certifications – Muse – The 2nd Law". Music Canada. Página acessada em 28 de outubro de 2012.
  62. "SNEP décerne-t-il les certifications" Arquivado abril 29, 2013 no WebCite . Syndicat National de l'Édition Phonographique. Página acessada em 6 de fevereiro de 2013.
  63. "Irish album certifications – Muse – The 2nd Law" Arquivado abril 29, 2013 no WebCite . Irish Recorded Music Association. Página acessada em 6 de fevereiro de 2013.
  64. "Certificazione Album fisici e digitali settimana 43 del 2012" Arquivado em 2 de dezembro de 2012, no Wayback Machine.. Federazione Industria Musicale Italiana. Página acessada em 5 de novembro de 2012.
  65. "NZ Top 40 Albums Chart - 29 October 2012". Recording Industry Association of New Zealand. Página acessada em 31 de outubro de 2012.
  66. "Polish album certifications – Muse – The 2nd Law" Arquivado em 21 de julho de 2011, no Wayback Machine.. Związek Producentów Audio Video. Página acessada em 14 de novembro de 2012.
  67. "The Official Swiss Charts and Music Community: Awards (Muse; 'The 2nd Law')". Hung Medien. Página acessada em 5 de novembro de 2012.
  68. "British album certifications – Muse – The 2nd Law". British Phonographic Industry. Página acessada em 28 de outubro de 2012.
  69. «RIAA Certifications». Recording Industry Association of America. Consultado em 4 de setembro de 2016 
  70. «The 2nd Law (Deluxe Edition): Amazon.de: Musik». Amazon.de. Consultado em 17 de setembro de 2012 
  71. «2nd Law, The (Limited Edition Deluxe Box Set)». JB Hi-Fi. Consultado em 20 de setembro de 2012 
  72. «The 2nd Law (Special Edition, CD+DVD+2LP) von Muse». Weltbild (Austria). Consultado em 20 de setembro de 2012 
  73. «The 2nd Law (Limited Boxset, 2LP+CD+DVD) / Muse / 0825646568765». Freerecordshop.be. Consultado em 20 de setembro de 2012 
  74. «The 2nd Law (Limited Boxset, 2LP+Cd+Dvd), Muse». Bol (Netherlands). Consultado em 20 de setembro de 2012 
  75. «2nd Law,The - MUSE - CD - Musik». exlibris.ch. Consultado em 20 de setembro de 2012 
  76. «2nd Law (Box Set) by Muse». WOW HD. Consultado em 20 de setembro de 2012. Arquivado do original em 2 de janeiro de 2014 
  77. «The 2nd Law (Box Set): Amazon.co.uk: Music». Amazon.co.uk. Consultado em 20 de setembro de 2012 
  78. «The 2nd Law: Muse: Amazon.it: Musica». Amazon.it. Consultado em 20 de setembro de 2012 
  79. «2ND LAW/ LIMITED BOXSET by MUSE». HMV Group (Canada). Consultado em 20 de setembro de 2012. Arquivado do original em 23 de maio de 2015 
  80. «Amazon.com: 2nd Law (Limited Edition CD/DVD): Muse: Music». Amazon.com. Consultado em 20 de setembro de 2012 
  81. «The 2nd Law em Pré-venda no Brasil». Muse BR. Consultado em 20 de setembro de 2012 
  82. «The 2nd Law (Box Set) (CD+DVD+2LP) - Muse - Musik». CDON Group (Sweden). Consultado em 20 de setembro de 2012 
  83. «The 2nd Law Special Edition (w/ DVD, Limited Edition)». CD Japan. Consultado em 20 de setembro de 2012 

Ver tambémEditar