Tibia melanocheilus

espécie de molusco

Tibia melanocheilus (nomeada, em inglês, dark-mouthed tibia)[2][3] é uma espécie de molusco gastrópode marinho pertencente à família Rostellariidae[1] (antes entre os Strombidae).[2] Foi classificada por Arthur Adams, com o nome de Gladius melanocheilus, em 1855, no texto "Descriptions of a new genus and of several new species of gasteropodous Mollusca, from the Cumingian collection"; publicado no Proceedings of the Zoological Society of London, número 22, páginas 41-42.[1] Já foi considerada, no século XX, uma subespécie de Tibia fusus, a espécie-tipo do gênero Tibia[4]; nomeada T. fusus melanocheilus. É nativa do sudoeste do oceano Pacífico, das Filipinas[2], Indonésia e Malásia, no Sudeste Asiático, ao mar da China Meridional até Bangladesh, no oceano Índico.[3][5]

Como ler uma infocaixa de taxonomiaTibia melanocheilus
Vista inferior da concha de T. melanocheilus; espécime de Bornéu, proveniente da coleção do Museu de História Natural de Leiden.
Vista inferior da concha de T. melanocheilus; espécime de Bornéu, proveniente da coleção do Museu de História Natural de Leiden.
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Mollusca
Classe: Gastropoda
Subclasse: Orthogastropoda
Superordem: Caenogastropoda
Ordem: Sorbeoconcha
Subordem: Hypsogastropoda
Infraordem: Littorinimorpha
Superfamília: Stromboidea
Família: Rostellariidae[1]
Género: Tibia
Röding, 1798[1]
Espécie: T. melanocheilus
Nome binomial
Tibia melanocheilus
(A. Adams, 1855)[1]
Sinónimos
Gladius melanocheilus A. Adams, 1855
Rostellaria fusus var. melanostoma Kobelt, 1875[1]

Descrição da concha e hábitos editar

Concha de coloração creme-cinzenta a amarelada, alongada, de espiral alta e bem aparente, com superfície lisa e voltas arredondadas. Seu canal sifonal é delicado, longo e fino, retilíneo ou ligeiramente curvo, porém mais curto do que em Tibia fusus. Lábio externo contendo 5 a 6 prolongamentos destacados em forma de dedos. Columela e interior da abertura de coloração castanha ou alaranjada. Chegam de 15 a 16.5 centímetros, em suas maiores dimensões.[2][3][5] Opérculo córneo, em forma de folha.[5]

É encontrada em águas de profundidades rasas a moderadas, entre os 20 e os 150 metros, enterrada na areia[5] e com a ponta de seu canal sifonal exposta, assim como ocorre com Tibia fusus.[6]

Ligações externas editar

Referências

  1. a b c d e f «Tibia melanocheilus» (em inglês). World Register of Marine Species. 1 páginas. Consultado em 6 de outubro de 2020 
  2. a b c d ABBOTT, R. Tucker; DANCE, S. Peter (1982). Compendium of Seashells. A color Guide to More than 4.200 of the World's Marine Shells (em inglês). New York: E. P. Dutton. p. 82. 412 páginas. ISBN 0-525-93269-0 
  3. a b c «Tibia (Tibia) melanocheilus» (em inglês). Hardy's Internet Guide to Marine Gastropods. 1 páginas. Consultado em 6 de outubro de 2020. Arquivado do original em 11 de agosto de 2021 
  4. FERRARIO, Marco (1992). Guia del Coleccionista de Conchas (em espanhol). Barcelona, Espanha: Editorial de Vecchi. p. 76. 220 páginas. ISBN 84-315-1972-X 
  5. a b c d Ver também ligações externas.
  6. LINDNER, Gert (1983). Moluscos y Caracoles de los Mares del Mundo (em espanhol). Barcelona, Espanha: Omega. p. 140. 256 páginas. ISBN 84-282-0308-3