USA for Africa

(Redirecionado de USA For Africa)
USA for Africa
Informação geral
País  Estados Unidos
Período em atividade 1985
Integrantes Vários artistas
Página oficial USAforAfrica.org

USA for Africa (United Support of Artists for Africa), é o nome sob o qual quarenta e cinco artistas norte-americanos, liderados por Michael Jackson, Lionel Richie, Harry Belafonte, e Kenny Rogers, gravaram o compacto "We Are The World" em 1985. A canção alcançou a primeira colocação na parada de sucessos dos Estados Unidos e do Reino Unido em abril daquele ano.

A maioria dos lucros da empreitada foi para a USA for Africa Foundation, que os usou para ajudar as vítimas da fome e doenças na África, especialmente para a Etiópia; alguns críticos da ação alegam, entretanto, que o dinheiro arrecadado foi entregue aos governos (muitos dos quais ditatoriais) dos países afetados pela fome em vez da população final.

O USA for Africa também realizou um evento beneficente, Hands Across America, no qual aproximadamente 7 milhões de pessoas seguraram as mãos em uma corrente humana durante 15 minutos, num caminho que se espalhava pelos Estados Unidos. Os participantes pagaram 10 dólares para ingressar na fila. O dinheiro arrecadado também serviu para aliviar a fome e a falta de moradias na África.

As receitas combinadas da vendas de "We Are the World" e do evento "Hands Across America" totalizaram cerca de 100 milhões de dólares.

"We are the world"Editar

A canção foi composta por Michael Jackson e Lionel Richie, produzida por Quincy Jones e gravada em 28 de janeiro de 1985 no A&M Studios em Hollywood, Califórnia.

A gravação de uma apresentação ao vivo, feita em 13 de junho de 1985, foi lançada no DVD do Live Aid em 8 de novembro de 2004.

A sugestão veio de Harry Belafonte, inspirado pelo sucesso da Band Aid e seu compacto "Do They Know It's Christmas?" em 1984.

Para a gravação foi escolhido o mesmo dia da premiação American Music Awards, para assegurar que o maior número possível de artistas comparecesse. No total, participaram 45, inclusive Bob Geldof, que organizou o Band Aid no Reino Unido. Os vocais foram dividos entre 21 cantores, incluindo Richie, Michael Jackson, Tina Turner, Bob Dylan e Bruce Springsteen.

Como era de se esperar, o compacto foi um grande sucesso, vendendo mais de 7,5 milhões de cópias só nos Estados Unidos, seguido por um álbum, USA for África: We Are The World, que vendeu mais 3 milhões, e que trazia músicas de outros artistas. O montante arrecadado com as gravações, um videoclipe e merchandising chegou a 50 milhões de dólares.

Músicos participantesEditar

Vocalistas principaisEditar

Lista completa dos vocalistasEditar

InstrumentistasEditar

DiscografiaEditar

Ver tambémEditar