Abrir menu principal
Virgínia Rau
Nome completo Virgínia de Bivar Robertes Rau
Nascimento 4 de dezembro de 1907
Lisboa
Morte 2 de novembro de 1973 (65 anos)
Lisboa
Nacionalidade Portugal Portuguesa
Progenitores Mãe: Matilde de Bivar de Paula Robertes
Pai: Luís Rau, Jr.
Alma mater Universidade de Toulouse
Ocupação Historiadora

Virgínia de Bivar Robertes Rau GOIP (Lisboa, Anjos, 4 de dezembro de 1907 — Lisboa, 2 de novembro de 1973) foi uma historiadora portuguesa[1].

BiografiaEditar

Era filha de Luís Rau, Jr. (Lisboa, 26 de Outubro de 1865 - 9 de Julho de 1943), de ascendência Alemã, e de sua mulher (casados em Lisboa a 1 de Março de 1902) Matilde de Bivar de Paula Robertes (Lisboa, 24 de Setembro de 1879 - 23 de Dezembro de 1961), de ascendência Espanhola. Terminou o seu curso dos liceus em 1927, matriculou-se na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, mas a partir de 1928 passou a viver no estrangeiro, onde frequentou vários cursos. Em 1939, devido ao início da Segunda Guerra Mundial, regressou a Lisboa, onde recomeçou a frequência da secção de Ciências Históricas e Filosóficas da Faculdade de Letras.

Em 1943, concluiu a sua licenciatura, com 16 valores. Em 1947 alcançou o grau de doutora em Ciências Históricas, sendo aprovada com distinção (18 valores). Em 1951 foi aprovada em concurso de provas públicas para professora extraordinária da sua Faculdade, onde no ano seguinte atingiu a cátedra. Fundou e dirigiu o Centro de Estudos Históricos (Instituto de Alta Cultura), anexo à Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (actual Centro de História da Universidade de Lisboa), entre 1958 e 1973, tendo sido directora da Faculdade entre 1964 e 1969.

Foi membro da Academia Portuguesa de História.

Publicou um vasto conjunto de obras sobre a História Medieval e Moderna em Portugal[1][2]

HomenagensEditar

A 2 de Julho de 1969 foi agraciada com o grau de Grande-Oficial da Ordem da Instrução Pública.[3]

Algumas obrasEditar

  • Sesmarias Medievais Portuguesas. Lisboa : Editorial Presença, 1982[4][5].
  • Feiras Medievais Portuguesas. Lisboa : Editorial Presença, 1983. ISBN 972-23-0044-X[6]
  • Estudos Sobre a História do Sal Português. Lisboa : Editorial Presença, 1984[7][8].
  • Estudos sobre História Económica e Social do Antigo Regime. Lisboa, Editorial Presença, 1984[9]
  • Estudos de História Medieval. Lisboa : Editorial Presença, 1985.
  • A Casa dos Contos: Os Três mais Antigos Regimentos dos Contos. Lisboa : Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 2009.

Referências

  1. a b GARCIA, José Manuel. «Apresentação» in RAU, Virgínia. Estudos Sobre a História do Sal Português. Lisboa : Editorial Presença, 1984.
  2. Uma bibliografia ativa detalhada pode ser encontrada aqui.
  3. Cf. ordens atribuídas a cidadãos portugueses.
  4. Prólogo e adenda documental por José Manuel Garcia.
  5. Tese de doutoramento de Virgínia Rau, apresentada, em 1947, à Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.
  6. Tese de licenciatura de Virgínia Rau, apresentada, em 1943, à Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.
  7. Apresentação e organizaçäo de José Manuel Garcia.
  8. Inclui A Exploração e o Comércio do Sal em Setúbal, trabalho apresentado, em 1951, ao concurso para professor extraordinário da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.
  9. Introdução e organização de José Manuel Garcia.
Precedido por
-
Directora do Centro de Estudos Históricos
anexo à Faculdade de Letras de Lisboa

1958 - 1973
Sucedido por
Jorge Borges de Macedo