Abrir menu principal

Wilfried Van Moer

futebolista belga

Wilfried Van Moer (Beveren, 1 de março de 1945) é um ex-futebolista e treinador de futebol belga que jogava como meio-campista.

Wilfried Van Moer
Wilfried Van Moer
Informações pessoais
Nome completo Wilfried Van Moer
Data de nasc. 1 de março de 1945 (74 anos)
Local de nasc. Beveren,  Bélgica
Nacionalidade belga
Altura 1,68 m
Apelido De Kleine Generaal
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Meio-campista
Clubes de juventude
1959–1964 Bélgica Beveren
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1960–1965
1965–1968
1968–1976
1976–1980
1980–1982
1982–1984
Bélgica Beveren
Bélgica Royal Antwerp
Bélgica Standard de Liège
Bélgica Beringen
Bélgica Beveren
Bélgica Sint-Truiden
121 (56)
77 (14)
170 (24)
53 (7)
50 (6)
26 (0)
Seleção nacional
1966–1982 Flag of Belgium.svg Bélgica 57 (9)

CarreiraEditar

Conhecido como De Kleine Generaal ("O Pequeno General"), Van Moer iniciou sua carreira no Beveren, clube de sua cidade natal, em 1960. Pelos auriazuis, foram 121 jogos e 56 gols marcados. Teve, ainda, passagem destacada pelo Royal Antwerp entre 1965 e 1968.

Porém, seria com o Standard de Liège que ele viveria sua melhor fase, conquistando 3 Campeonatos Belgas (1968-69, 1969-70 e 1970-71) e 1 Copa da Liga, em 1975, além de ter sido eleito 3 vezes o melhor jogador belga, em 1966, 1969 e 1970.

Deixou o Standard em 1976, jogando ainda por Beringen, Beveren e Sint-Truiden, onde deixaria os gramados em 1984, aos 39 anos.

Seleção BelgaEditar

Pela Seleção Belga, estreou em outubro de 1966, contra a Suíça, porém não conseguiu levar a equipe à disputa da Eurocopa de 1968.

Jogou a Copa de 1970[1], atuando em 3 jogos. Foi preterido para a Eurocopa de 1972, e, prejudicado por lesões, chegou a se aposentar da seleção, voltando a defendê-la em 1979, ajudando a Bélgica a se classificar para a Eurocopa de 1980, sua primeira competição internacional em uma década.

A experiência do "Pequeno General" não foi suficiente, porém, para evitar o título da Alemanha Ocidental graças ao gol de Horst Hrubesch, já na parte final do jogo. Em 1982, foi convocado para a Copa da Espanha, aos 37 anos - foi o único remanescente da equipe que jogou a Copa de 1970 a disputar a competição, encerrando definitivamente sua carreira internacional em seguida.

Curta carreira como treinadorEditar

Em 1996, com a saída de Paul Van Himst, com quem atuou na Copa de 1970, Van Moer foi escolhido como treinador da Seleção Belga, treinada por ele durante 5 jogos.

Referências

  1. «Fifa.com - Seleção Belga na Copa do Mundo FIFA de 1970». Consultado em 15 de julho de 2010. Arquivado do original em 18 de junho de 2010