Yuri Nikiforov

Yuriy Valeryevich Nikiforov ou Yuriy Valeriyovych Nikiforov - respectivamente, em russo, Юрий Валерьевич Никифоров e, em ucraniano, Юрій Валерійович Нікіфоров (Odessa, 16 de setembro de 1970) é um ex-futebolista ucraniano que atuava como zagueiro. Atualmente está sem clube.

Yuriy Nikiforov
Юрій Нікіфоров
Yuriy Nikiforov Юрій Нікіфоров
Nikiforov durante jogo do Dínamo de Moscou, em 2019.
Informações pessoais
Nome completo Yuriy Valeriyovych Nikiforov
Data de nasc. 16 de setembro de 1970 (49 anos)
Local de nasc. Odessa, União Soviética
Nacionalidade russo
ucraniano
Altura 1,78 m
Informações profissionais
Equipa atual Sem clube
Posição Auxiliar-técnico (Ex-zagueiro)
Clubes de juventude
1986 Chornomorets Odessa
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1987
1988
1988–1989
1989–1993
1993–1996
1996–1998
1998–2002
2002–2003
2003–2004
SKA Odessa
Chornomorets Odessa
Dínamo de Kiev
Chornomorets Odessa
Spartak Moscou
Sporting Gijón
PSV Eindhoven
RKC Waalwijk
Urawa Red Diamonds
5 (0)
1 (0)
2 (0)
89 (7)
85 (15)
65 (3)
99 (5)
29 (1)
12 (0)
Seleção nacional
1986–1987
1987–1989
1992
1992
1993–2002
União Soviética Sub-16
União Soviética Sub-21
CEI
Ucrânia
Rússia

5 (0)
4 (0)
3 (0)
55 (6)
Times/Equipas que treinou
2014–2015
2015
2017
2017
2017–2019
Irtysh Pavlodar (auxiliar-técnico)
Kuban Krasnodar (auxiliar-técnico)
Dínamo-2 (auxiliar-técnico)
Dínamo de Moscou (aux. time reserva)
Dínamo de Moscou (auxiliar-técnico)




CarreiraEditar

Começou em 1986, nos juvenis do Chornomorets Odessa. Passaria no ano seguinte pelo rival SKA Odessa e em seguida voltou ao Chornomorets. Em 1988, após ter sido campeão mundial sub-17 no ano anterior e campeão europeu sub-19 naquele pela União Soviética, transferiu-se ao Dínamo de Kiev, mas jogou apenas 2 vezes. Em 1990, já estava mais uma vez no Chornomorets. Foi convocado pela primeira vez para uma seleção principal já pela CEI, mas não chegou a ir para a Eurocopa 1992. Naquele ano conquistaria uma Copa da Ucrânia.[1]

 
Em amistoso de veteranos do Spartak Moscou.

Com a independência da URSS, inicialmente jogou três partidas pela Ucrânia, mas resolveu adotar a Rússia, a partir de 1993: foi jogar no Spartak Moscou e naquele ano já integrava a Seleção Russa, pela qual foi à Copa do Mundo de 1994.

Saiu do Spartak em 1996, após a Eurocopa daquele ano, tendo conquistado três campeonatos russos no clube, para o Sporting Gijón. A partir de 1998, iniciaria sua trajetória no futebol holandês, jogando até 2002 no PSV Eindhoven, onde foi duas vezes campeão holandês. Após a Copa do Mundo FIFA de 2002 teve breve passagem no RKC Waalwijk, indo jogar no Japão em 2003, pelo Urawa Red Diamonds. No Urawa, jogou uma temporada e meia antes de encerrar a carreira, ganhando uma Copa da Liga Japonesa.

Pós-aposentadoriaEditar

Entre 2014 e 2015, foi auxiliar-técnico do Irtysh Pavlodar e do Kuban Krasnodar, antes de assinar com o Dínamo de Moscou, onde foi auxiliar-técnico da equipe de reservas, função exercida também no time principal até 2019, quando deixou o cargo.

LinksEditar


Referências

  1. «Perfil na Transfemarkt». Consultado em 15 de novembro de 2016