Afonso II do Congo

Afonso II (1632 - 1669) foi o Manicongo (rei) do Reino do Congo apenas em São Salvador pelo breve período de um mês entre novembro á dezembro de 1665.[1]

Afonso II
Manicongo em São Salvador
Rei de São Salvador
Reinado Novembro - Dezembro de 1665
Rainha Ana Afonso de Leão
Antecessor(a) António I
Sucessor(a) Álvaro VIII
Rei de Incondo
Reinado 1666 - 1669
Sucessor Afonso III
 
Nascimento 1632
Morte 1669 (37 anos)
Mãe Suzana da Nóbrega

BiografiaEditar

Afonso era marido de Dona Ana Afonso de Leão, irmã do rei Garcia II. Ele reivindicou o trono após a morte de António I na Batalha de Ambuíla e posterior devastação de São Salvador.

Ele foi apoiado pelo principado de Soio, tornando-se o manicongo (rei), apenas em São Salvador. A casa de Quinzala não reconhece a proclamação do rei, por isso promove uma invasão á São Salvador e depõem Afonso, que fuge com um grupo de seguidores para Incondo, margens de Ambriz, onde vive até 1669 ainda reivindicando o trono congolês. Após seu curto reinado deu-se início a Segunda Guerra Civil do Congo, a mais devastadora de sua história.

Ele assumiu como nome de Afonso II sem saber que já havia um outro rei com este nome em 1561, mas que assim como ele reinou por menos de um mês.

Referências

  1. K. Thornton, John (1982). «The Kingdom of Kongo, ca. 1390-1678. The Development of an African Social Formation». Cahiers d’études africaines. 22 (87): 325–342. ISSN 0008-0055. doi:10.3406/cea.1982.3380 

BibliografiaEditar

  • The Origins and Early History of the Kingdom of Kongo, in International Journal of African Historical Studies 34/1, 2001.

Precedido por
António I
Reis do Congo
16651666
Sucedido por
Álvaro VII
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.