Alderano I Cybo-Malaspina

Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Alderano Cybo-Malaspina (desambiguação).

Alderano I Cybo-Malaspina (Massa, 22 de julho de 1690 – Massa, 18 de agosto de 1731) foi o quarto Duque de Massa e Príncipe de Carrara de 1715 a 1731, oitavo da sua dinastia a governar os estados de Massa e Carrara.

Alderano I Cybo-Malaspina
Duque de Massa e Príncipe de Carrara
Consorte Ricarda Gonzaga, de Novellara
Casa Casa Ducal de Massa e Carrara
Dinastia Cybo-Malaspina
Nascimento 22 de julho de 1690
  Massa, Ducado de Massa e Carrara
Morte 18 de agosto de 1731 (41 anos)
  Massa, Ducado de Massa e Carrara
Filho(s) Maria Teresa Cybo-Malaspina
Maria Anna Matilde Cybo-Malaspina
Maria Camilla Cybo-Malaspina
Pai Carlos II (Carlo II) Cybo-Malaspina
Mãe Teresa Pamphili

BiografiaEditar

Para além de Duque soberano de Massa e Carrara, possuía também os títulos de Príncipe do Sacro Império, sexto Duque de Ferentillo (até 1730, quando vendeu o feudo a Don Nicolò Bendetti), quinto Duque de Ajello, Conte palatino de Laterano, Barão de Paduli, Senhor Soberano de Moneta e Avenza, Senhor de Lago, Laghitello, Serra e Terrati, Barão romano, patrício romano e patrício genovês, patrício de Pisa e Florença, patrício napolitano, nobre de Viterbo. Por documento escrito em Montefiascone em 2 de Dezembro de 1715 e ratificado em Roma no ano seguinte, deixou em apanágio ao seu irmão Camilo Cybo-Malaspina os feudos e bens que possuía localizados no reino de Nápoles e nos Estados Pontifícios.

Casou em Milão em 29 de Abril de 1715 com Ricarda Gonzaga (Ricciarda), do ramo Gonzaga-Novellara, (22 de Fevereiro de 1698 - Massa, 24 de Novembro de 1768), filha de Camilo III Gonzaga, oitavo Conde de Novellara, e da Princesa Matilde d'Este, dos Príncipes de San Martino in Rio, Princesa de Módena e Reggio. Alderano e Ricarda eram primos em terceiro grau[1].

O Duque Alderano que, em 1715, sucedera a seu irmão Alberico III Cybo-Malaspina morto sem descendência, passou os primeiros dez anos da sua vida conjugal e de soberano sob o espectro da extinção da Dinastia e do desmembramento dos seus Estados. Finalmente, em 1725, nasce-lhe a primeira filha Maria Teresa Cybo-Malaspina, à qual se seguiram duas outras. Maria Teresa, a filha mais velha, sucedeu-lhe em 1731 quando o duque inesperadamente faleceu com apenas 41 anos de idade, tornando-se no último representante masculino dos Cybo-Malaspina.

DescendênciaEditar

Do casamento de Alderano e Ricarda, nasceram três meninas:

  • Donna Maria Teresa Cybo-Malaspina (Novellara, 1725Reggio Emilia, 1790), sepultada na Basilica della Madonna della Ghiara de Reggio, sucedeu a seu pai no governo do estato;
  • Donna Maria Anna Matilde (Massa, 1726 - Roma, 1797), casou em 1748 com Don Orazio Albani, segundo Príncipe de Soriano al Cimino, Patrício de Urbino e Patrício Genovês.
  • Donna Maria Camilla (Massa, 1728 - 1760) casou em 1755 Don Restaino Gioacchino di Tocco Cantelmo Stuart, quinto Príncipe de Montemiletto, quinto Príncipe de Pettorano, Príncipe Titular da Acaia, décimo Duque de Popoli, quarto Duque de Sicignano e Duque de Apice, Patrício Napolitano, Patrício Veneto e Grande de Espanha.

AscendênciaEditar

Ver tambémEditar

ReferênciasEditar

  1. O avô paterno de Alderano (o duque Alberico II) era irmão da avó paterna de Ricarda (Ricarda Cybo-Malaspina) - ver http://genealogy.euweb.cz.italy/cybo2.html[ligação inativa]

Ligações externasEditar


Precedido por
Alberico III Cybo-Malaspina
 
Duque Soberano de Massa e
Príncipe Soberano de Carrara

1715 - 1731
Sucedido por
Maria Teresa Cybo-Malaspina
Precedido por
Alberico III Cybo-Malaspina
Duque de Ferentillo
1715 - 1730
Sucedido por
feudo adquirido por
Nicolò Bendetti
Precedido por
Alberico III Cybo-Malaspina
Duque de Ajello
1715 - 1731
Sucedido por
Maria Teresa Cybo-Malaspina