Abrir menu principal

Angelique Kerber(alemão: [andʒɛˈliːk ˈkɛɐ̯bɐ]; (Bremen, 18 de Janeiro de 1988) é uma tenista alemã[1] que chegou a número um mundial.[2] Reconhecida como uma das melhores devolvedoras do circuito,[3] tornou-se profissional em 2003.[4] Desde então, ganhou 12 títulos da WTA em simples.[5] Está atualmente classificada como número 13 no ranking da WTA.[6]

Tenista Angelique Kerber
Angelique Kerber (4309087196).jpg
Kerber no Open da Austrália de 2016
Alcunha(s) Angie
País  Alemanha
Residência Puszczykowo, Polónia
Data de nascimento 18 de janeiro de 1988 (31 anos)
Local de nasc. Brema, Alemanha Ocidental
Altura 1,73 m
Peso 68 kg
Treinado por Rainer Schüttler
Profissionalização 2003
Mão Canhoto (Backhand com ambas mãos)
Prize money US$ $28,328,327
Página oficial http://www.angelique-kerber.de/en/
Simples
Vitórias-Derrotas 620–324
Títulos 12 WTA, 11 ITF
Melhor ranking 1 (12 de setembro de 2016)
Open da Austrália V (2016)
Roland Garros QF (2012, 2018)
Wimbledon V (2018)
US Open V (2016)
Torneios principais
Tour Finals F (2016)
Jogos Olímpicos F (2016)
Duplas
Vitórias-Derrotas 57–61
Títulos 0 WTA, 3 ITF
Melhor ranking 103 (26 de agosto de 2013)
Open da Austrália 1R (2008, 2011, 2012)
Roland Garros 2R (2012)
Wimbledon 3R (2011)
US Open 3R (2012)
Última atualização em: 15 de julho 2019.

Kerber já conquistou três torneios do Grand Slam de tênis.[7] A primeira vez foi em 2016, ao vencer o Open da Austrália, diante de Serena Williams.[8] A segunda vez foi poucos meses depois e ainda em 2016, quando ganhou o US Open, desta vez diante de Karolina Pliskova.[9] Já em 2018, chegou ao seu terceiro título de Grand Slam ao vencer Serena Williams e conquistar Wimbledon.[10]

Na temporada de 2016, Kerber disputa inédita final olímpica.[11] Mas torna-se medalhista de prata,[12] ao perder na final da chave de simples feminina dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, por 2 sets a 1, parciais de 6/4, 4/6 e 6/1, para Monica Puig, que entrou para a história do esporte de Porto Rico, e conquistou o primeiro ouro olímpico da história portorriquenha.[13]

Também vale destacar que Angelique Kerber é a tenista mais velha a alcançar pela primeira vez o topo do ranking WTA.[14] Isso aconteceu em 12 de setembro de 2016,[15] quando tinha 28 anos e 07 meses.[16] Naquela ocasião, ela desbanca Serena Williams após 186 semanas seguidas e se torna a 22ª líder da WTA na história do ranking feminino iniciado em 1973.[17]

Vida PessoalEditar

Filha de imigrantes poloneses (Slawomir Kerber, o pai, e Beata, a mãe) Angelique Kerber nasceu em Bremen e tem uma irmã. Ela começou a jogar tênis aos três anos, acabando por ingressar no circuito júnior. Ela fez incursões em eventos na Alemanha e no resto da Europa, mas não ganhou um título júnior antes de 2003, altura em que ela já se tornou profissional 15 anos de idade. Kerber fala alemão, inglês, e devido à sua origem, polonês.

CuriosidadesEditar

Finais importantesEditar

Grand SlamEditar

Simples 4 (3 títulos)Editar

Resultado Ano Campeonato Piso Oponente Placar
Campeã 2016 Australian Open Duro   Serena Williams 6–4, 3–6, 6–4
Vice 2016 Wimbledon grama   Serena Williams 5–7, 3–6
Campeã 2016 US Open duro   Karolína Plíšková 6–3, 4–6, 6–4
Campeã 2018 Wimbledon Grama   Serena Williams 6-3, 6-3

OlimpíadasEditar

Simples: 1 finalEditar

Resultado Ano Torneio Piso Oponente Placar
Prata 2016 Rio de Janeiro Duro   Mónica Puig 4–6, 6–4, 1–6

WTA Premier Mandatory & Premier 5Editar

Simples: 3 (3 vices)Editar

Resultado Ano Campeonato Piso Oponente Placar
Vice 2012 Cincinnati Masters Duro   Li Na 6–1, 3–6, 1–6
Vice 2013 Pan Pacific Open Duro   Petra Kvitová 2–6, 6–0, 3–6
Vice 2014 Qatar Open Duro   Simona Halep 2–6, 3–6

Finais da WTAEditar

Simples: 21 (10 títulos, 11 vices)Editar

Legenda
Grand Slam (2–0)
WTA Tour (0–0)
Premier Mandatory & Premier 5 (0–3)
Premier (5–6)
International (2–2)
Títulos por Piso
Duro (5–8)
Grama (1–2)
Saibro (2–1)
Carpete (0–0)
Resultado N. Data Campeonato Piso Oponente Placar
Vice 1. Fevereiro 21, 2010 Copa Sony Ericsson Colsanitas, Bogotá, Colombia Saibro   Mariana Duque Mariño 4–6, 3–6
Campeã 1. Fevereiro 12, 2012 Open GDF Suez, Paris, França Duro (i)   Marion Bartoli 7–6(7–3), 5–7, 6–3
Campeã 2. Abril 15, 2012 e-Boks Open, Copenhague, Dinamarca Duro (i)   Caroline Wozniacki 6–4, 6–4
Vice 2. Junho 24, 2012 WTA de Eastbourne, Eastbourne, Reino Unido Grama   Tamira Paszek 7–5, 3–6, 5–7
Vice 3. Agosto 19, 2012 Western & Southern Open, Cincinnati, EUA Duro   Li Na 6–1, 3–6, 1–6
Vice 4. Abril 8, 2013 Monterrey Open, Monterrey, México Duro   Anastasia Pavlyuchenkova 6–4, 2–6, 4–6
Vice 5. Setembro 28, 2013 Toray Pan Pacific Open, Toquio, Japão Duro   Petra Kvitová 2–6, 6–0, 3–6
Campeã 3. Outubro 13, 2013 Generali Ladies Linz, Linz, Áustria Duro (i)   Ana Ivanovic 6–4, 7–6(8–6)
Vice 6. Janeiro 10, 2014 Apia International Sydney, Sydney, Austrália Duro   Tsvetana Pironkova 4–6, 4–6
Vice 7. Fevereiro 16, 2014 Qatar Total Open, Doha, Qatar Duro   Simona Halep 2–6, 3–6
Vice 8. Junho 21, 2014 WTA de Eastbourne, Eastbourne, Reino Unido Grama   Madison Keys 3–6, 6–3, 5–7
Vice 9. Agosto 3, 2014 Bank of the West Classic, Stanford, EUA Duro   Serena Williams 6–7(1–7), 3–6
Campeã 4. Abril 12, 2015 Family Circle Cup, Charleston, EUA Saibro   Madison Keys 6–2, 4–6, 7–5
Campeã 5. Abril 26, 2015 Porsche Tennis Grand Prix, Stuttgart, Alemanha Saibro (i)   Caroline Wozniacki 3–6, 6–1, 7–5
Campeã 6. Junho 21, 2015 Aegon Classic, Birmingham, Reino Unido Grama   Karolína Plíšková 6–7(5–7), 6–3, 7–6(7–4)
Campeã 7. Agosto 9, 2015 Bank of the West Classic, Stanford, Estados Unidos Duro   Karolína Plíšková 6–3, 5–7, 6–4
Vice 10. Outubro 18, 2015 Hong Kong Open, Hong Kong, China Duro   Jelena Jankovic 6–3, 6–7(4–7), 1–6
Vice 11. Janeiro 9, 2016 Brisbane International, Brisbane, Austrália Duro   Victoria Azarenka 3–6, 1–6
Campeã 8. Janeiro 30, 2016 Aberto da Austrália, Melbourne, Austrália Duro   Serena Williams 6–4, 3–6, 6–4
Vice 12. Julho 10, 2016 Wimbledon, Londres, Reino Unido Grama   Serena Williams 5-7, 3-6
Campeã 9. Setembro 10, 2016 US Open, Nova Iorque, Estados Unidos Duro   Karolína Plíšková 6/3, 4/6 e 6/4
Vice 13. Outubro 24, 2016 Singapura, Singapura Duro   Dominika Cibulkova 6-3, 6-4
Campeã 10. Julho 15, 2018 Wimbledon, Londres, Reino Unido Grama  Serena Williams 6-3, 6-3
Vice 14. Março 17, 2019 BNP Paribas Open, Indian Wells, EUA Duro  Bianca Andreescu 4-6, 6-3, 4-6
Vice 15. Junho 29, 2019 WTA de Eastbourne, Eastbourne, Reino Unido Grama   República Checa 1-6, 4-6


Duplas: 2 (2 vices)Editar

Legenda (pre/pos 2009)
Grand Slam (0–0)
WTA Tour (0–0)
Tier I / Premier Mandatory & Premier 5 (0–0)
Tier II / Premier (0–1)
Tier III, IV & V / International (0–1)
Títulos por Piso
Duro (0–1)
Grama (0–1)
Saibro (0–0)
Carpete (0–0)
Resultado N. Data Torneio Piso Parceira Oponente Placar
Vice 1. Junho 20, 2008 Ordina Open, 's-Hertogenbosch, Holanda Grama   Līga Dekmeijere   Marina Erakovic
  Michaëlla Krajicek
3–6, 2–6
Vice 2. Janeiro 9, 2016 Brisbane International, Brisbane, Austrália Duro   Andrea Petkovic   Martina Hingis
  Sania Mirza
5–7, 1–6

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Angelique Kerber

ReferênciasEditar

  1. «Angelique KERBER». www.itftennis.com. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  2. «Angie, a herdeira de Steffi Graf seguiu o sonho e chegou a número um mundial». www.dn.pt. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  3. «Kerber adia façanha de Serena e conquista o 3º Slam». tenisbrasil.uol.com.br. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  4. «Conheça a linda tenista que pode destronar Serena Williams no Australian Open». www.torcedores.com. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  5. «Angelique Kerber». www.wtatennis.com. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  6. «Angelique Kerber». www.wtatennis.com. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  7. «Kerber domina Serena e é campeã de Wimbledon, seu 3º Grand Slam». tenisnews.com.br. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  8. «Open da Austrália: Angelique Kerber vence Serena Williams e sagra-se campeã». www.lux.iol.pt. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  9. «Kerber confirma liderança mundial com triunfo no US Open». www.dn.pt. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  10. «Kerber vence Serena e conquista Wimbledon pela primeira vez». www.folhape.com.br. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  11. «Kerber volta a brilhar e disputa o ouro com Puig». tenisbrasil.uol.com.br. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  12. «O Medalhista de prata». pt.dreamstime.com. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  13. «Puig bate Kerber e fatura primeiro ouro olímpico da história de Porto Rico». www.foxsports.com.br. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  14. «Líder da WTA, Kerber elogia Serena e afirma: "Vai ser um desafio ser a nº1"». sportv.globo.com. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  15. «Campeã do US Open, Kerber se torna número 1 do mundo». veja.abril.com.br. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  16. «Vencedora de Wimbledon em 2018, Angelique Kerber é dona de academia – mas ama sorvete». www.torcedores.com. Consultado em 6 de agosto de 2018 
  17. «Kerber desbanca Serena e se torna a 22ª líder da WTA». www.tenisnews.com.br. Consultado em 11 de agosto de 2018 
  18. «Angelique Kerber na primeira posição no ranking mundial». tiooda.com.br. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  19. «Campeã do US Open, Kerber se torna 22ª tenista a liderar o ranking da WTA». esportes.estadao.com.br. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  20. «US Open: Kerber, final e número 1 do mundo». www.eurosport.pt. Consultado em 11 de agosto de 2018 
  21. «Alemã Kerber termina ano como número 1 do mundo». istoe.com.br. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  22. «Kerber acabará com reinado de Serena e se tornará a número 1». www.terra.com.br. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  23. «Kerber é a mais popular do ano no site da WTA». tenisbrasil.uol.com.br. Consultado em 11 de agosto de 2018 
  24. «Alemã Angelique Kerber surpreende Serena e ganha Open da Austrália». www-dn-pt.cdn.ampproject.org. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  25. «Nova número 1, alemã Angelique Kerber conquista título do US Open». www.gazetadopovo.com.br. Consultado em 7 de agosto de 2018 
  26. «Angelique Kerber derrota Serena Williams e vence Wimbledon». www.dn.pt. Consultado em 7 de agosto de 2018