Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Arquidiocese de Montes Claros
Archidiœcesis Montisclarensis
Localização
País  Brasil
Dioceses sufragâneas Janaúba
Januária
Paracatu
Estatísticas
Área 45,450 km²
Informação
Rito romano
Criação da diocese 10 de dezembro de 1910 (108 anos)
Elevação a arquidiocese 25 de abril de 2001 (18 anos)
Padroeiro Nossa Senhora Mãe da Igreja
Governo da arquidiocese
Arcebispo João Justino de Medeiros Silva
Arcebispo emérito José Alberto Moura, CSS
Jurisdição Arquidiocese Metropolitana
(Região Leste 2)
Contatos
Página oficial http://arquimoc.com/
dados em catholic-hierarchy.org

A Arquidiocese de Montes Claros (Archidioecesis Montisclarensis) é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica no estado de Minas Gerais. Pertence ao Conselho Episcopal Regional Leste II da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. A sede arquiepiscopal está na cidade de Montes Claros, no estado de Minas Gerais.[1]

Índice

HistóricoEditar

A Diocese de Montes Claros foi criada em 10 de dezembro de 1910 pela bula Postulat Sane de São Pio X, sendo desmembrada da Arquidiocese de Diamantina. No dia 25 de abril de 2001 foi elevada a arquidiocese[1] pela bula Maiori Christifidelium, do Papa João Paulo II, sendo suas dioceses sufragâneas Janaúba, Januária e Paracatu.

Território[2]Editar

O território está subdividido em 40 municípios com 63 paróquias[1] em 7 setores: Norte, Sul, Sudeste, Sudoeste, Oeste, Leste e Centro.

A arquidiocese de Montes Claros é composta pelos seguintes 40 municípios do estado de Minas Gerais: Montes Claros, Berizal, Bocaiúva, Botumirim, Brasília de Minas, Campo Azul, Capitão Enéas, Claro dos Poções, Coração de Jesus, Cristália, Engenheiro Navarro, Francisco Dumont, Francisco Sá, Fruta de Leite, Glaucilândia, Grão Mogol, Guaraciama, Ibiaí, Itacambira, Japonvar, Jequitaí, Josenópolis, Juramento, Lagoa dos Patos, Lontra, Luislândia, Mirabela, Novorizonte, Olhos-d'Água, Padre Carvalho, Patis, Ponto Chique, Rubelita, Salinas, Santa Cruz de Salinas, São João da Lagoa, São João do Pacuí, São João da Ponte, Taiobeiras e Ubaí.

A sede da arquidiocese se localiza em Montes Claros, na Catedral de Nossa Senhora da Aparecida.

Bispos e arcebisposEditar

Referências

  1. a b c d Cheney, David M. (2019). «Archdiocese of Montes Claros». The Hierarchy of the Catholic Church. Consultado em 18 de julho de 2019. Cópia arquivada em 24 de dezembro de 2018 
  2. «Arcidiocesi di Montes Claros». Wikipedia (em italiano). 5 de julho de 2018 

Ligações externasEditar


  Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.