Burgos-BH

(Redirecionado de Burgos BH-Castilla y León)
Burgos-BH
Denain - Grand Prix de Denain, 24 mars 2019 (C044).JPG
Informações
Estatuto
continental (-)
continental pro (-)
UCI ProTeam (d) (a partir de )
Código UCI
VMC (de a ), BUR (de a ) e BBH (a partir de )
Disciplina
País
Fundação
2006
Temporadas
17Visualizar e editar dados no Wikidata
Pessoas chave
Director geral
Julio Andrés Izquierdo (d) (a partir de )
Director(s) desportivo(s)
Designação anterior
2006-2007
2008-2009
2010-2011
2012-2013
2014-2020
Vinha Magna-Cropu
Burgos Monumental
Burgos 2016-Castela e Leão
Burgos-BH-Castela e Leão
Burgos-BH
Equipamento
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
equipamento

O Burgos-BH (código UCI: BBH) é uma equipa ciclista profissional espanhola, de categoria UCI ProTeam, com sede principal em Burgos. Participa nas divisões de ciclismo de estrada UCI ProSeries, e os Circuitos Continentais da UCI, correndo assim mesmo naquelas corridas do circuito UCI WorldTour às que é convidado.

A equipa está patrocinada pelo patronato de turismo da Deputação Provincial de Burgos e desde 2012 também pela BH, que já tinha colaborado com a equipa sendo o fornecedor de bicicletas.

Na temporada de 2018 a equipa sobe de categoria UCI e passa a Continental Profissional (2° divisão) podendo participar mediante convite na Volta a Espanha.[1]

HistóriaEditar

A equipa actual tem suas origens na equipa de aficionados CROPUSA.

Em novembro de 2004, o Cropusa encabeçava o ranking nacional nas categorias elite e sub-23, mais tarde em 2006 inscreveu-se baixo o nome Viña Magna-Cropu,como equipa de categoria Continental. Entre seus corredores encontrava-se Sergio Pardilla, quem nesse ano ganharia uma etapa do Tour de l'Avenir.

Em 2008 produziu-se uma mudança de patrocinador, com a entrada da Deputação Provincial de Burgos. Assim, a equipa passou a se denominar Burgos Monumental, com o objectivo de promover a zona com fins turísticos além de impulsionar o ciclismo local.

Em 2010 a Deputação burgalesa decidiu mudar a marca utilizada até então, passando a denominar-se Burgos 2016 para promover a candidatura da cidade para obter a Capital Europeia da Cultura em 2016.

O director da equipa é Julio Andrés Izquierdo, que tem um trabalho próprio aparte do que realiza na formação.[2]

Problemas de dopagemEditar

Em novembro de 2018 a União Ciclista Internacional (UCI) sancionou à equipa com um período de 45 dias por ter registado três casos de dopagem num período de 12 meses dos corredores espanhóis David Belda, Igor Merino e Ibai Salas.[3][4]

Corredor melhor classificado nas Grandes VoltasEditar

Ano Giro d'Italia   Tour de France   Volta a Espanha  
2006 - - -
2007 - - -
2008 - - -
2009 - - -
2010 - - -
2011 - - -
2012 - - -
2013 - - -
2014 - - -
2015 - - -
2016 - - -
2017 - - -
2018 - - 83.º
  José Mendes
2019 - - 104.º
  Jetse Bol
2020 - - 43.º
  Ángel Madrazo

Material ciclistaEditar

A equipa utiliza bicicletas BH. A equipa é vestida pela marca de roupa espanhola Mobel Sport

SedeEditar

A equipa tem a sua sede em Burgos (C/ Arenales 34).[5]

Classificações UCIEditar

Ficheiro:Volta a Burgos - San Juan del Monte.jpg
Ciclistas do Burgos 2016-Castela e Leão ascendendo ao alto de San Juan do Monte em Miranda de Ebro (Volta a Burgos de 2011).

A partir de 2005 a UCI instaurou os Circuitos Continentais da UCI, onde a equipa está desde que se criou em 2006, registado dentro do UCI Europe Tour. Estando nas classificações do UCI Europe Tour Ranking e UCI América Tour Ranking. As classificações da equipa e do seu ciclista mais destacado são as seguintes:[6][7]

Temporada Classificação por equipas Melhor corredor na classificação individual Posição
2005-2006
(Europe Tour)
41.º   Carlos Torrent 65.º
2006-2007
(America Tour)
26.º   Víctor Manuel Gómez 150.º
2006-2007
(Europe Tour)
46.º   Jaume Rovira 249.º
2007-2008
(America Tour)
36.º   Joaquín Sobrinho 183.º
2007-2008
(Europe Tour)
44.º   Sergio Pardilla 40.º
2008-2009
(America Tour)
12.º   Byron Guamá 13.º
2008-2009
(Europe Tour)
78.º   Joaquín Sobrinho 229.º
2009-2010
(America Tour)
7.º   Gregory Brenes 26.º
2009-2010
(Europe Tour)
57.º   Andrés Avelino Antuña 246.º
2010-2011
(Africa Tour)
18.º   Jacques Janse Van Rensburg 125.º
2010-2011
(Europe Tour)
88.º   David Belda 556.º
2011-2012
(Europe Tour)
99.º   Moisés Dueñas 402.º
2012-2013
(Europe Tour)
101.º   Moisés Dueñas 529.º
2012-2013
(Asia Tour)
31.º   Lluís Mas 83.º
2013-2014
(America Tour)
36.º   David Belda 273.º
2013-2014
(Europe Tour)
42.º   David Belda 32.º
2013-2014
(Asia Tour)
26.º   Juan José Oroz 37.º
2015
(Europe Tour)
81.º   David Belda 144.º
2016
(Europe Tour)
87.º   Pablo Torres 509.º
2017
(Europe Tour)
62.º   David Belda 449.º
2017
(America Tour)
37.º   Óscar Quiroz 99.º
2018
(Europe Tour)
67.º   Diego Rubio 484.º
2018
(Asia Tour)
78.º   Daniel López 218.º
2019
(Europe Tour)
40.º   Ángel Madrazo 381.º
2020
(Europe Tour)
32.º   Diego Rubio 318.º

PalmarésEditar

Para anos anteriores, veja-se Palmarés do Burgos-BH

Palmarés 2021Editar

UCI WorldTourEditar

Datas Corridas Ganhador

UCI ProSeriesEditar

Datas Corridas Ganhador

Circuitos Continentais da UCIEditar

Datas Corridas Ganhador

Campeonatos nacionaisEditar

Datas Corridas Ganhador

ElencoEditar

Para anos anteriores, veja-se Elencos da Burgos-BH

Elenco de 2021Editar

Nome[8] Nascimento Nacionalidade Equipa de 2020
Mario Aparicio 23/04/2000   Espanha Neo (Gomur-Cantábria Infinita)
Edwin Ávila 21/11/1989   Colômbia Israel Cycling Academy
Jetse Bol 08/09/1989   Países Baixos Burgos-BH
Óscar Cabedo 12/11/1994   Espanha Burgos-BH
Carlos Canal 28/06/2001   Espanha Burgos-BH
Isaac Cantón 13/06/1996   Espanha Burgos-BH
Jesús Ezquerra 30/11/1990   Espanha Burgos-BH
Ángel Fontes 05/11/1996   Espanha Burgos-BH
Victor Langellotti 07/06/1995   Mónaco Burgos-BH
Juan Antonio López-Cózar 20/08/1994   Espanha Manuela Fundação Bike Team
Ángel Madrazo 30/07/1988   Espanha Burgos-BH
Alex Molenaar 13/07/1999   Países Baixos Burgos-BH
Gabriel Muller 04/12/1985   França Cambodia Cycling Academy
Dani Navarro[2021 1] 18/07/1983   Espanha Israel Start-Up Nation
Ander Okamika 02/04/1993   Espanha Neo (Netllar Telecom-ALÉ)
Felipe Orts 01/04/1995   Espanha Neo (GSport Velofutur)
Juan Felipe Osorio 30/01/1995   Colômbia Burgos-BH
Manuel Peñalver 10/12/1998   Espanha Burgos-BH
Diego Rubio 13/06/1991   Espanha Burgos-BH
Pelayo Sánchez 27/03/2000   Espanha Neo (Gomur-Cantábria Infinita)
Willie Smit 29/12/1992   África do Sul Burgos-BH
Jaume Sureda[2021 2] 25/07/1996   Espanha Burgos-BH

  1. Desde 12 de março
  2. Até a 29 de janeiro

Stagiaires
Desde 1 de agosto, os seguintes corredores passaram a fazer parte da equipa como stagiaires (aprendizes à prova).

Corredor Nascimento Nacionalidade Equipa 2021
Rodrigo Álvarez 24/08/1999   Espanha
Adrià Moreno 19/08/1991   Espanha Team Vorarlberg

ReferênciasEditar

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Burgos-BH