Caio Júlio Silano

Caio Júlio Silano (em latim: Gaius Julius Silanus) foi um senador romano nomeado cônsul sufecto para o nundínio de janeiro a abril de 92 com Quinto Júnio Aruleno Rústico.[1][2] Sua existência é comprovada apenas através de inscrições.

Caio Júlio Silano
Cônsul do Império Romano
Consulado 92

CarreiraEditar

O historiador Ronald Syme afirma que Silano veio da Gália e acrescenta que seu cognome não tem nenhuma relação com os aritocráticos Júnios Silanos.[3] Silano foi co-optado pelos irmãos arvais em 22 de janeiro de 86 no lugar do recém-falecido Caio Vipstano Aproniano.[4] Apesar de ter sido nomeado mestre (magister) em 87, ele desapareceu dos registros do colégio pelo resto do ano e novamente entre 89 e 91, o que levou Syme a propor que ele tenha sido nomeado comandante de uma legião ou governador de uma das oito províncias imperiais.[5]

Ver tambémEditar

Cônsul do Império Romano
 
Precedido por:
'Mânio Acílio Glabrião

com Marco Úlpio Trajano I
com Cneu Minício Faustino (suf.)
com Públio Valério Marino (suf.)
com Quinto Valério Vegeto (suf.)
com Públio Metílio Nepos (suf.)

Domiciano XVI
92

com Quinto Volúsio Saturnino
com Lúcio Venuleio Montano Aproniano (suf.)
com Lúcio Estertínio Ávito (suf.)
com Tibério Júlio Celso Polemeano (suf.)
com Caio Júlio Silano (suf.)
com Quinto Júnio Aruleno Rústico (suf.)

Sucedido por:
'Sexto Pompeu Colega

com Quinto Peduceu Priscino
com Tito Avídio Quieto (suf.)
com Sexto Lusiano Próculo (suf.)
com Caio Cornélio Raro Sêxtio (suf.)


Referências

  1. König 1997, p. 474.
  2. Gallivan 1981, p. 191; 218.
  3. Syme 1981, p. 53.
  4. Syme 1981, p. 18, 28.
  5. Syme 1981, p. 28.

BibliografiaEditar

  • König, Ingemar (1997). Der Römische Staat. II. Estugarda: Reclam, Philipp 
  • Syme, Ronald (1981). Some Arval Brethren. Oxônia: Oxford University Press