Júlio Pinto Leite

(Redirecionado de Clotilde da Veiga de Araújo)
Júlio Pinto Leite
Nascimento 1836
Cidadania Portugal
Ocupação empresário
Prêmios Comendador da Ordem de Cristo

Júlio Pinto Leite ComC (29 de Julho de 1836 - 27 de Dezembro de 1926), 2.º Visconde dos Olivais jure uxoris e 1.º Conde dos Olivais, foi um empresário comercial português.

FamíliaEditar

Filho de José Pinto Leite (Oliveira de Azeméis, Vila de Cucujães, Gandarinha - ?), Negociante de grosso trato na Praça da Baía, Fidalgo Cavaleiro da Casa Real, Comendador da Ordem de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa e Fidalgo de Cota de Armas concedidas por Carta de D. Pedro V de Portugal de 22 de Junho de 1855: escudo partido, a 1.ª Pinto e a 2.ª Leite; timbre: Pinto, irmão do 1.º Conde de Penha Longa e 1.º Visconde da Gandarinha, e de sua mulher Carlota Bárbara Leite (Baía - ?) e tio paterno do Deputado Licínio Pinto Leite.[1][2]

BiografiaEditar

Foi Fidalgo Cavaleiro da Casa Real e Comendador da Ordem de Cristo.[2][3]

O título de 2.ª Viscondessa dos Olivais foi renovado na sua mulher, em verificação de segunda vida, e tornado extensivo a seu marido por Decreto de D. Luís I de Portugal de 25 de Setembro de 1879 e foi elevado à Grandeza, como 1.º Conde dos Olivais, por Decreto de D. Luís I de Portugal de 16 de Setembro de 1886.[3]

Casamento e descendênciaEditar

Casou com Clotilde da Veiga de Araújo (? - 9 de Maio de 1916), 2.ª Viscondessa dos Olivais, em quem se verificou a segunda vida concedida no título, filha de João Francisco de Araújo e de sua mulher Clotilde da Veiga, sobrinha paterna do 1.º Visconde dos Olivais, do qual seu pai era o irmão imediato na ordem do nascimento, e sobrinha materna da mulher do 1.º Visconde dos Olivais, com geração, incluindo o primogénito José Pinto Leite, 2.º Conde dos Olivais e 2.º Conde de Penha Longa, e o secundogénito João Pinto Leite (5 de Abril de 1873 - 24 de Fevereiro de 1941), 3.º Visconde dos Olivais por Decreto de reinado e data desconhecidos, em vida de sua mãe e seu pai, casado a 16 de Julho de 1895 com Maria da Piedade Correia de Sá (11 de Novembro de 1872 - ?), filha do primeiro casamento do 8.º Visconde com Grandeza de Asseca, com geração.[4]

Referências

  1. "Nobreza de Portugal e do Brasil", Direcção de Afonso Eduardo Martins Zúquete, Editorial Enciclopédia, 2.ª Edição, Lisboa, 1989, Volume Terceiro, pp. 73, 74 e 121
  2. a b "Costados Nobres de Portugal", D. Gonçalo de Mesquita da Silveira de Vasconcelos e Sousa e José Manuel de Seabra da Costa Reis, Livraria Esquina, 1.ª Edição, Porto, 1992, Árv. 87
  3. a b "Nobreza de Portugal e do Brasil", Direcção de Afonso Eduardo Martins Zúquete, Editorial Enciclopédia, 2.ª Edição, Lisboa, 1989, Volume Terceiro, p. 73
  4. "Nobreza de Portugal e do Brasil", Direcção de Afonso Eduardo Martins Zúquete, Editorial Enciclopédia, 2.ª Edição, Lisboa, 1989, Volume Terceiro, pp. 73 e 74
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre um empresário é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.