Abrir menu principal
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde setembro de 2010).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
XXXV Copa América
Chile 1991
Dados
Participantes 10
Organização CONMEBOL
Anfitrião Chile
Período 621 de julho
Gol(o)s 73
Partidas 26
Média 2,81 gol(o)s por partida
Campeão Argentina (13º título)
Vice-campeão Brasil
3.º colocado Chile
Melhor marcador Argentina Gabriel Batistuta – 6 gols
Melhor ataque (fase inicial) Argentina – 11 gols
Melhor defesa (fase inicial) Colômbia – 1 gol
Maior goleada
(diferença)
Paraguai 5 – 0 Venezuela
Estádio NacionalSantiago
10 de julho
Premiações
Melhor jogador
(CONMEBOL)
Argentina Leonardo Rodríguez
◄◄ Brasil 1989 Soccerball.svg 1993 Equador ►►

A Copa América de 1991, foi disputada no Chile durante os dias de 6 e 21 de julho de 1991. O torneio contou com a participação de todas as dez seleções da CONMEBOL. Foi o último torneio que contou apenas com seleções pertencentes à confederação. Nas edições seguintes, os torneios contaram com doze seleções, com as duas seleções extras convidadas.

O torneio foi vencido pela Argentina, que venceu a competição pela 13ª vez (a última havia sido em 1959), ao terminar a fase final na primeira colocação. O Brasil ficou na segunda colocação e a seleção anfitriã, Chile, terminou na terceira colocação.

EstádiosEditar

A competição foi realizada em quatro cidades diferentes. A relação dos estádios e das cidades está abaixo:

Cidade População Estádio Lotação
Santiago do Chile 5.000.000 Estádio Nacional 77.000
Concepción 350.000 Estádio Municipal de Concepción 35.000
Viña del Mar 340.000 Estádio Sausalito 19.000
Valparaíso 250.000 Estádio Regional Chiledeportes 18.000

Fase de gruposEditar

Nesta parte da competição, as dez seleções participantes da competição foram divididas em dois grupos de cinco. Para a fase final, classificam-se os dois primeiros de cada grupo. Caso duas equipes terminem empatadas em números de pontos, são aplicados os seguintes critérios de desempate, pela ordem:

  • Maior saldo de gols.
  • Maior quantidade de gols marcados.
  • Confronto direto entre as seleções empatadas.

Grupo AEditar

Pos. Seleção P J V E D GP GC SG
  Argentina 8 4 4 0 0 11 3 8
  Chile 6 4 3 0 1 10 3 7
  Paraguai 4 4 2 0 2 7 8 -1
  Peru 2 4 1 0 3 9 9 0
  Venezuela 0 4 0 0 4 1 15 -14

Partidas realizadas: 6 de julho:

8 de julho:

10 de julho:

12 de julho:

14 de julho:

Grupo BEditar

Pos. Seleção P J V E D GP GC SG
  Colômbia 5 4 2 1 1 3 1 2
  Brasil 5 4 2 1 1 6 5 1
  Uruguai 5 4 1 3 0 4 3 1
  Equador 3 4 1 1 2 6 5 1
  Bolívia 2 4 0 2 2 2 7 -5

Partidas realizadas: 7 de julho:

9 de julho:

11 de julho:

13 de julho:

15 de julho:

Fase finalEditar

Na fase final, as quatro seleções classificadas foram colocadas num único grupo. Ao final de todos os jogos realizados, a seleção que ficasse na primeira colocação, seria a campeã da competição.

Pos. Seleção P J V E D GP GC SG
  Argentina 5 3 2 1 0 5 3 2
  Brasil 4 3 2 0 1 6 2 3
  Chile 2 3 0 2 1 1 3 -2
  Colômbia 1 3 0 1 2 2 5 -3

Partidas realizadas: 17 de julho:

19 de julho:

21 de julho:

Campeão da Copa América:

Seleção Argentina de Futebol (13º vez)

1991


Ligações externasEditar