Abrir menu principal

Copa Europeia/Sul-Americana de 2002

A Copa Europeia/Sul-Americana de 2002, também conhecida como Copa Toyota e Copa Intercontinental, foi disputada em jogo único pela primeira vez no Estádio Internacional de Yokohama, em 3 de dezembro de 2002, entre o Real Madrid, campeão da Liga dos Campeões da UEFA e o Olimpia, campeão da Copa Libertadores da América.[1]

Copa Europeia/Sul-Americana de 2002
Evento
Data 3 de dezembro de 2002
Local Estádio Internacional, Yokohama
Melhor em campo Ronaldo (Real Madrid)
Árbitro BrasilBRA Carlos Eugênio Simon
Público 66 070

Em 27 de outubro de 2017, após uma reunião realizada na Índia, o Conselho da FIFA reconheceu os vencedores da Copa Intercontinental como campeões mundiais.[2][3]

HistóriaEditar

O Real Madrid viajou ao Japão com a base campeã da Liga dos Campeões da UEFA de 2001–02 (sobre o Bayer Leverkusen), mais o reforço de Ronaldo e Cambiasso, para a disputa da Copa Intercontinental, contra o Olimpia do Paraguai campeão da Copa Libertadores de 2002 (sobre o São Caetano). O Real Madrid havia sido considerado pela FIFA dois anos antes como "O Melhor Clube do Século XX".[4] Já o Olimpia, buscava bater o maior campeão da Liga dos Campeões (até então com nove títulos) que buscava o tricampeonato da Copa Intercontinental. Os paraguaios sentiram a pressão de enfrentar os galácticos e não foram páreos para o esquadrão brancaleone, que venceu por 2 a 0, gols de Ronaldo e Guti. O jogo foi especial por um motivo: ambas as equipes comemoravam 100 anos exatamente em 2002. Pena que apenas uma teve o sabor de ser campeã intercontinental… O clube de Madrid encerrava um centenário praticamente perfeito, com as conquistas da Supercopa da Espanha, da Liga dos Campeões, da Supercopa da UEFA e a Copa Intercontinental. Nunca um centenário foi tão farto como o do Real Madrid em 2002.

Clubes ParticipantesEditar

Localidade das equipes que disputaram a Copa Toyota 2002.
Confederação Equipe Classificação Participação
CONMEBOL   Olimpia Campeão da Copa Libertadores da América de 2002
UEFA   Real Madrid Campeão da Liga dos Campeões da UEFA de 2001–02

ChaveamentoEditar

  A Classificação[NOTA] Copa Intercontinental
                     
   Real Madrid 2  
   Bayer Leverkusen 1  
     Real Madrid 2
     Olimpia 0
   Olimpia (pen) 0 2 (4)
   São Caetano 1 1 (2)
Notas

PartidaEditar

3 de dezembro de 2002 Real Madrid   2 – 0   Olimpia Estádio Internacional, Yokohama
19:20
Ronaldo   14'
Guti   84'
Público: 66 070
Árbitro:  BRA Carlos Eugênio Simon
     
 
 
Real Madrid
     
 
 
Olimpia

REAL MADRID:
G 1   Casillas
LD 2   Salgado
Z 4   Hierro  
Z 6   Helguera
LE 3   Roberto Carlos   89'
V 24   Makélélé
V 18   Cambiasso   90'
M 10   Figo
M 5   Zidane   86'
M 7   Raúl
A 11   Ronaldo   82'
Substituições:
M 14   Guti   82'
M 21   Solari   86'
Z 22   Pavón   90'
Treinador:
  Vicente del Bosque
 

OLIMPIA:
G 1   Tavarelli
LD 2   Isasi
Z 3   Zelaya
Z 15   Pedro Benítez
LE 4   Jara
M 5   Cáceres   34'
M 6   Enciso  
M 11   Córdoba   65'
M 10   Órteman
A 8   López
A 9   Miguel Benítez   81'
Substituições:
A 7   Báez   65'
A 17   Caballero   81'
Treinador:
  Nery Pumpido

Homem do jogo:
  Ronaldo (Real Madrid)

Bandeirinhas:
 COL Jorge Arango
 PER Jorge Jaimes
Quarto árbitro:
 JPN Toru Kamikawa

CampeãoEditar

Copa Européia/Sul-Americana de 2002
 
REAL MADRID
3º Título

Ver tambémEditar

Referências