Daniel Kahneman

Daniel Kahneman (em hebraico: דניאל כהנמן; Tel Aviv, 5 de março de 1934) é um psicólogo e economista israelense-americano notável por seu trabalho sobre a psicologia do julgamento e tomada de decisão, bem como economia comportamental, pelo qual recebeu o Prêmio Nobel de Ciências Econômicas de 2002 (compartilhado com Vernon L. Smith).[1] Suas descobertas empíricas desafiam a suposição da racionalidade humana prevalecente na teoria econômica moderna.

Daniel Kahneman
Nascimento 5 de março de 1934 (88 anos)
Tel Aviv
Nacionalidade israelense, norte-americano
Ocupação psicologia
Prêmios Nobel prize medal.svg Nobel de Economia (2002)

Com Amos Tversky e outros, Kahneman estabeleceu uma base cognitiva para erros humanos comuns que surgem de heurísticas e vieses, e desenvolveu a teoria da perspectiva.

Em 2011, ele foi nomeado pela revista Foreign Policy em sua lista dos principais pensadores globais. No mesmo ano, seu livro Thinking, Fast and Slow, que resume grande parte de sua pesquisa, foi publicado e se tornou um best-seller.[2] Em 2015, The Economist o listou como o sétimo economista mais influente do mundo.[3]

Ele é professor emérito de psicologia e relações públicas na Princeton School of Public and International Affairs da Princeton University. Kahneman é sócio-fundador do TGG Group, uma empresa de consultoria de negócios e filantropia. Ele era casado com a psicóloga cognitiva e membro da Royal Society Anne Treisman, que morreu em 2018.[4]

LivrosEditar

  • Kahneman, Daniel (1973). Attention and Effort. [S.l.]: Prentice-Hall 
  • Kahneman, Daniel; Slovic, Paul; Tversky, Amos (1982). Judgment Under Uncertainty: Heuristics and Biases. [S.l.]: Cambridge University Press 
  • Kahneman, Daniel; Diener, E.; Schwarz, N. (1999). Well-Being: The Foundations of Hedonic Psychology. [S.l.]: Russell Sage Foundation 
  • Kahneman, Daniel; Tversky, Amos (2000). Choices, Values and Frames. [S.l.]: Cambridge University Press 
  • Kahneman, Daniel; Gilovich, Thomas; Griffin, Dale (2002). Heuristics and Biases: The Psychology of Intuitive Judgment. [S.l.: s.n.] ISBN 978-0521792608 
  • Kahneman, Daniel (2011). Thinking, Fast and Slow. [S.l.]: Farrar, Straus and Giroux. ISBN 978-0374275631  (Reviewed by Freeman Dyson in New York Review of Books, 22 December 2011, pp. 40–44.)
  • Kahneman, Daniel; Sibony, Olivier; Sunstein, Cass R. (2021). Noise: A Flaw in Human Judgment. [S.l.]: William Collins. ISBN 978-0008308995 

Referências

  1. «The Sveriges Riksbank Prize in Economic Sciences in Memory of Alfred Nobel 2002». NobelPrize.org (em inglês). Consultado em 5 de março de 2022 
  2. «The New York Times Best Seller List – December 25, 2011» (PDF). www.hawes.com. Consultado em 17 de agosto de 2014 
  3. «Influential economists – That ranking». The Economist. 2015 
  4. «The Sveriges Riksbank Prize in Economic Sciences in Memory of Alfred Nobel 2002». NobelPrize.org (em inglês). Consultado em 5 de março de 2022 

Ligações externasEditar

Precedido por
George Arthur Akerlof, Michael Spence e Joseph Stiglitz
Prémio de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel
2002
com Vernon Smith
Sucedido por
Robert Engle e Clive Granger