Abrir menu principal

David Vélez (Medellín, Colômbia) é um engenheiro e empresário colombiano. Ele é CEO da startup brasileira Nubank.[1]

BiografiaEditar

Vélez tinha um sonho de criar uma empresa e não precisar de ter nenhum chefe. Quando completou a maioridade foi cursar engenharia na Universidade Stanford, todavia não obteve uma ideia para inovar o mercado através de uma empresa inovadora. Seu sonho inicial não pode ser atingido: após a graduação trabalhou na Goldman Sachs e depois conseguiu um emprego de analista na Morgan Stanley uma empresa de serviços financeiros de Nova Iorque.

NubankEditar

A ideia do Nubank surgiu quando David Vélez precisou abrir uma conta corrente no Brasil. Para tanto, precisou guardar sua bolsa num armário e ainda assim a porta giratória travou prendendo ele na entrada da agência. Quando precisou de um gerente ficou muito tempo na espera e as exigências de documentos todas eram muito burocráticas, por ele ser estrangeiro. Depois de finalmente conseguir abrir uma conta, notou que tudo era muito caro, taxas absurdas de serviços simples. Foi nisto que pensou em criar um banco utilizando a tecnologia aproveitando o gancho dos smartphones usados para outros serviços no Brasil. Daí então a empresa iniciou-se sendo ele e seus funcionários seus primeiros clientes. Passou a receber aportes da Sequoia e da Kaszek Ventures e assim aumentou sua base de clientes.[2]

Referências

  1. «Até onde vai o Nubank?». epocanegocios.globo.com. Consultado em 13 de outubro de 2018 
  2. Mendonça, Heloísa (18 de janeiro de 2018). «Fundador do Nubank: "Queremos trazer quem paga as tarifas absurdas dos grandes bancos brasileiros"». EL PAÍS. Consultado em 13 de outubro de 2018 
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.