A Deloitte Touche Tohmatsu Limited (pronúncia: /dəˈlɔɪt ˈtuːʃ toʊˈmɑːtsuː/), também conhecida apenas como Deloitte, tem sede global em Nova Iorque, nos Estados Unidos. Fundada em 1845, em Londres, no Reino Unido, conta hoje com 700 escritórios em mais de 150 países, e cerca de 457 mil profissionais em todo o mundo.[1]

Deloitte Touche Tohmatsu
Deloitte
Sociedade Limitada
Atividade Serviços Profissionais
Fundação 1845 (179 anos), Londres, Reino Unido
Sede Nova Iorque, Estados Unidos
Área(s) servida(s) Mundo
Pessoas-chave Anna Marks (Chair)

Joe Ucuzoglu (CEO)

Empregados 457,000 (2023)
Serviços Auditoria
Consultoria Tributária
Consultoria em Gestão de Riscos Empresariais
Financial Advisory
Consultoria Empresarial
Website oficial www.deloitte.com.br

Junto com a PricewaterhouseCoopers (PwC), KPMG e Ernst & Young (EY) forma o Big Four, conjunto das maiores empresas de auditoria do mundo. [2]Entre elas, com faturamento de US$ 64,9 bilhões, a Deloitte é a maior em número de funcionários e em receita, sendo reconhecida como a organização com o portfólio de serviços profissionais mais diversificado do mundo.[3]

Oferece ao mercado serviços um portifólio amplo de soluções em Consultoria Empresarial, Gestão de Riscos (Risk Advisory), Assessoria Financeira (Financial Advisory), Gestão Tributária e Auditoria.[4]

“Deloitte” refere-se à sociedade limitada estabelecida no Reino Unido “Deloitte Touche Tohmatsu Limited” e sua rede de firmas-membro, cada qual constituindo uma pessoa jurídica independente.

No Brasil, a Deloitte está presente em 17 cidades: Brasília, Belo Horizonte, Campinas, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Joinville, Maringá, Porto Alegre, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo, Uberlândia e Vitória.

História editar

Em 1845, William Welch Deloitte abriu um escritório em Basinghall Street, em Londres. Deloitte foi a primeira pessoa a ser nomeado um auditor independente de uma empresa pública, ou seja, o Great Western Railway.  Em 1896, Charles Waldo Haskins e Elias Watt Sells formado Haskins & Sells em Nova York.  Mais tarde, foi descrito como “a primeira grande auditoria empresa a ser estabelecida no país por um americano, em vez de contadores britânicos. “em 1 de março de 1933, o coronel Arthur Hazelton Carter ajudou a convencer o Congresso que as auditorias independentes deveriam ser obrigatórias para as empresas públicas. Em 1989, a Deloitte Haskins & Sells fundiu com Touche Ross nos EUA para formar Deloitte & Touche.[5]

Principais fundadores editar

Desastres financeiros no setor de administração de recursos de terceiros, ainda incipiente, mas em franca expansão, foram a oportunidade de expansão de seus negócios. O talento, a integridade e a perícia de Touche lhe renderam um enorme volume de trabalhos que consistiam em regularizar a administração desses recursos para que a lei fosse cumprida. Seu sucesso em salvar e reestruturar empresas fadadas ao fracasso abriu caminho para a formação da George A. Touche & Co., em 1899. Em 1900, com John Niven, filho de seu primeiro professor de contabilidade, abriu a organização Touche, Niven & Co., em Nova Iorque. [6]

Propósito global editar

A Deloitte possui globalmente o propósito de gerar impactos positivos a partir dos projetos e ações de cada um de seus profissionais. Sob o lema "Making an impact that matters", a organização conduz sua atuação em três dimensões: clientes, seus próprios profissionais e sociedade.[7]

Brasil editar

Presente no País desde 1911, quando iniciou operações no Recife, a Deloitte tem passado por um momento de expansão acelerada no Brasil, consolidando e ampliando alianças, ofertas de serviços, escritórios e número de sócios, sócias e profissionais.[8] Atualmente, a organização tem cerca de 300 sócios e sócias – um aumento de 75% em seu quadro societário em três anos. Ao todo, são 7 mil profissionais[9].

A Deloitte tem passado por um momento de expansão acelerada no Brasil, consolidando e ampliando alianças, ofertas de serviços, escritórios e número de sócios, sócias e profissionais. Atualmente, a organização tem quase 300 sócios e sócias no País – um aumento de 75% em seu quadro societário em três anos. Ao todo, são 7 mil profissionais.[10]

Durante a pandemia de Covid-19, a Deloitte doou R$ 12,5 milhões em serviços de consultoria para os governos estaduais de Pernambuco e de São Paulo, e também para a prefeitura da cidade de São Paulo, nas áreas de preservação de negócios, de promoção da saúde e de combate à fome. A Deloitte comprou, ainda, dez mil máscaras e 3.500 aventais médicos para quatro hospitais do Rio de Janeiro visando colaborar com o combate ao COVID-19 antes, durante e após a pandemia.[11]

O crescimento da Deloitte no Brasil no ano fiscal 2022 foi de 30%, atingindo receita local de R$ 2,5 bilhões. Em um ano e meio, a companhia conquistou 45% dos contratos que disputou em auditoria no Brasil.[12] Metade do faturamento no país vem de frentes que não existiam seis anos atrás.[13]

Atualmente a área que mais cresce e que tem sido o motor de expansão da companhia no Brasil é a que concilia o serviço de consultoria com a implementação e, depois, a operação, dos planos propostos aos clientes. São mudanças estratégicas que vão de transformação tecnológica e gestão de capital humano a práticas associadas aos princípios ESG (ambientais, sociais e de governança).[14]

Deloitte Digital editar

Em novembro de 2021, a Deloitte anunciou a chegada ao Brasil da Deloitte Digital.  Hoje, a Deloitte Digital está presente em mais de 60 países, entre os mais de 150 em que a Deloitte atua.[15]

Ao chegar no Brasil, a Deloitte Digital combinou o portfólio internacional da marca aos serviços de Customer & Marketing já estabelecidos localmente e à chegada de cinco sócios da CbCloud, boutique de Belo Horizonte especializada em plataformas de CRM da Salesforce. [16]

A Deloitte Digital reúne recursos em estratégia, inovação, design, tecnologia, operações e inteligência de dados. No Brasil, atuará especialmente para impulsionar a transformação digital dos clientes com soluções relacionadas ao redesenho digital de frentes de vendas, relacionamento com clientes, marketing, operações, processos internos e formas de trabalhar[17]

Deloitte Ventures editar

O propósito central é conectar grandes negócios, de empresas já bem estruturadas e estabelecidas, com as startups do mercado e impulsionar o crescimento dos agentes envolvidos nesses ecossistemas de inovação. Além disso, a oferta também contempla o programa de conexões entre a própria Deloitte e startups.[18]

No Brasil, a Deloitte já atua com diversas startups investidas, parceiras e aceleradas, por meio de soluções escaláveis que podem transformar os negócios. A empresa estabeleceu aliança com alguns dos mais importantes agentes e hubs de inovação do Brasil e do mundo, como a Singularity University.[19]

Aliança em soluções tecnológicas de supply chain editar

Em dezembro de 2022, a Deloitte adquiriu 100% dos serviços de logística e parte da área de compras da Nimbi, empresa de tecnologia do setor de suprimentos.[20]

A Deloitte estabeleceu uma aliança de negócios que vem atender ao plano de crescimento dessa frente de serviços. Por um lado, a Deloitte passou a apresentar serviços ao mercado de forma conjunta à Nimbi, buscando novos clientes e potencializando vendas, além de poder ofertar soluções às empresas que já atende no País. Por outro, a Deloitte recebeu cerca de 80 dos profissionais que atuavam na Nimbi.[21]

Maior atualização de ERP da América Latina editar

Em agosto de 2022, a Petrobras anunciou a conclusão do projeto liderado pela Deloitte em parceria com SAP e Microsoft para lançamento do novo sistema de ERP da petroleira.[22]

Considerada a maior atualização de sistemas integrados de gestão da América Latina e uma das maiores do mundo com a conversão do sistema SAP para a mais nova geração do software, a iniciativa gera a perspectiva de economia de US$ 190 milhões até 2025 na estatal.[23]

Abordagem para operações editar

A Deloitte apoia seus clientes ao desenhar, implementar e operar aplicações de cloud, IA, analytics, robotics e outras frentes de atuação no mercado de serviços profissionais.[24]

Alguns exemplos dessa abordagem de ponta a ponta: apoio da transformação da estratégia de negócios à definição e aplicação de tecnologias avançadas; da gestão do capital humano à reestruturação dos canais de venda e relacionamento com clientes; da análise sofisticada de dados à investigação forense; da gestão dos riscos empresariais às novas oportunidades cibernéticas; do compliance tributário à entrega das atividades secundárias no dia a dia; da reestruturação financeira às grandes transações corporativas; da preparação para abrir capital à auditoria das demonstrações financeiras. [25]

ESG editar

Em março de 2023, a Deloitte anunciou parceria estratégia com a AYA Earth Partners, hub que se autodefine como "uma coalização global que une pessoas, empresas e tecnologias com foco em ações e soluções para acelerar a transição para uma economia de baixo carbono"[26]

No mesmo ano, a Deloitte realizou o estudo “Finanças Sustentáveis” para a AYA Earth Partners. O pré-lançamento da pesquisa ocorreu em Nova York, na semana em que a cidade sediou a Climate Week e a Assembleia Geral da ONU. [27]

Deloitte Cyber editar

A operação brasileira de serviços cibernéticos da Deloitte, Deloitte Cyber, cresceu 74% no ano fiscal 2022 após a contratação de novos profissionais, promoções internas, treinamentos, alianças com provedores de tecnologia e diversificação de portfólio. O plano da Deloitte para a área é dobrá-la de tamanho entre os anos fiscais de 2021 e 2024; já são mais de 300 profissionais, sendo 15 deles sócios, dedicados nesta área; 45 especialistas foram contratados só em 2022.[28]

Para auxiliar as empresas que atuam no País nessa frente, a Deloitte, que já conta com um Cyber Intelligence Center (CIC) com unidades em Campinas e São Paulo, está criando um hub no Porto Digital, polo tecnológico localizado no Recife. [29]

Controvérsias editar

Junto com PricewaterhouseCoopers, Ernst & Young e KPMG, a Deloitte é uma das principais envolvidas no escândalo financeiro internacional chamado Luxemburgo leaks, em que grandes empresas transnacionais evitaram o pagamento de impostos através de um artifício legal chamado elisão fiscal.[30]

Em Novembro de 2010, o trabalho de empresas de auditorias independentes foi questionado por não terem ajudado a identificar um rombo de caixa de mais de R$ 2,5 bilhões[31] no Banco Panamericano. Na ocasião, a Deloitte não negou ou confirmou possível erro ou mesmo o que a levou a não identificar tal inconsistência financeira nos balanços do banco. A Deloitte respondeu que "de acordo com o Código de Ética e Conduta Profissional e em respeito aos compromissos de confidencialidade assumidos, não emite comentários sobre situações relacionadas a clientes".

O PCAOBmultou a Deloitte em US$ 8 milhões, além de outras punições. A empresa de auditoria emitiu parecer com afirmações falsas e tentou encobrir as violações através da alterações de documentos, referente as demonstrações contábeis da empresa aérea brasileira GOL no exercício de 2010[32]. Esta foi a maior multa já aplicada pelo regulador americano.

Em abril de 2018, a Deloitte Brasil emitiu a certificação que formaliza o cumprimento dos requerimentos do PCAOB, órgão regulador das atividades de auditoria nos Estados Unidos, para permitir o fim da restrição para a aceitação de novos clientes emissores de ações ou dívidas no mercado americano.[33]

O fim dessa restrição refletiu os resultados alcançados na revisão de processos internos durante o período, assim como a atitude rigorosa em questões éticas e o compromisso de executar auditorias de alta qualidade.

A Deloitte encerrou, em maio de 2019, a questão regulatória iniciada em dezembro de 2016, ao receber uma Order do PCAOB (Public Company Accounting Oversight Board), que previa implementações e requerimentos em processos na prática de Auditoria.[34][2]

Referências

  1. Redação (11 de julho de 2023). «Eu Capacito e Deloitte abrem inscrições para 48 bolsas integrais de graduação». Jornal de Araraquara. Consultado em 6 de setembro de 2023 
  2. Foley, Stephen (7 de setembro de 2023). «Deloitte extends Big Four lead with $65bn in annual revenue». Financial Times. Consultado em 14 de setembro de 2023 
  3. «Estudo revela quais são as prioridades dos executivos de compras em 2023». IstoÉ Dinheiro. 4 de agosto de 2023. Consultado em 6 de setembro de 2023 
  4. «Deloitte ganha mais de 80 sócios e sócias em 1,5 ano e consolida portfólio mais amplo de soluções no País». www.segs.com.br. 6 de setembro de 2023. Consultado em 6 de setembro de 2023 
  5. Freitas, Ricardo de (28 de setembro de 2017). «AS 9 EMPRESAS DE CONTABILIDADE MAIS INFLUENTES DO MUNDO». Jornal Contábil. Consultado em 12 de setembro de 2023 
  6. Murphy, Mary E. (janeiro de 1960). «Sir George Touche, Bart., C.A. 1861–1935: A Memoir». Business History Review (em inglês) (4): 467–477. ISSN 2044-768X. doi:10.2307/3111431. Consultado em 13 de setembro de 2023 
  7. «IOC names Deloitte a top-tier consulting partner of the Olympics». www.consultancy-me.com (em inglês). 11 de abril de 2022. Consultado em 13 de setembro de 2023 
  8. JC (29 de setembro de 2020). «Centro de Tecnologia da Deloitte no Recife deve gerar 80 vagas de emprego». JC. Consultado em 8 de setembro de 2023 
  9. «Deloitte aumenta receita em 30% e chega a R$ 2,5 bi». Valor Econômico. 5 de dezembro de 2022. Consultado em 8 de setembro de 2023 
  10. Redação (14 de março de 2022). «Deloitte incorpora mais de 80 sócios e sócias em 1,5 ano e consolida portfólio mais amplo de soluções no País». TI INSIDE Online. Consultado em 8 de setembro de 2023 
  11. «Solidariedade S/A: equipamentos para pacientes de Covid-19 e consultoria gratuita para governos estaduais». G1. 22 de abril de 2020. Consultado em 8 de setembro de 2023 
  12. «Deloitte aumenta receita em 30% e chega a R$ 2,5 bi». Valor Econômico. 5 de dezembro de 2022. Consultado em 8 de setembro de 2023 
  13. Rodrigues, Patricia Junqueira (2 de dezembro de 2022). «Revolução: consultorias puxam agenda de transformação no mercado». Forbes Brasil. Consultado em 8 de setembro de 2023 
  14. Sakate, Marcelo (21 de novembro de 2022). «Na Deloitte, novas áreas já respondem por 50% da receita. E o desafio é contratar». Bloomberg Línea Brasil. Consultado em 8 de setembro de 2023 
  15. «Deloitte lança braço digital voltado para clientes no Brasil». propmark. 10 de novembro de 2021. Consultado em 8 de setembro de 2023 
  16. «Deloitte Digital marca nova jornada da empresa no Brasil». Inforchannel. 10 de novembro de 2021. Consultado em 30 de outubro de 2023 
  17. Redação (10 de novembro de 2021). «Deloitte Digital chega ao Brasil para impulsionar a transformação digital dos clientes». TI INSIDE Online. Consultado em 11 de setembro de 2023 
  18. admin (30 de novembro de 2022). «Deloitte Ventures chega ao Brasil para fortalecer ecossistemas de inovação, conectando startups a grandes negócios». Valor Agregado - Tecnologia e Inovação. Consultado em 11 de setembro de 2023 
  19. «Deloitte busca startups no Brasil». Baguete. Consultado em 11 de setembro de 2023 
  20. «BDO e Deloitte compram áreas de negócios da Nimbi». Valor Econômico. 15 de dezembro de 2022. Consultado em 12 de setembro de 2023 
  21. «Deloitte fecha parceria com a Nimbi e mira em outsourcing de compras e logística». Inforchannel. 16 de dezembro de 2022. Consultado em 12 de setembro de 2023 
  22. «Petrobras - Fatos e Dados - Temos maior projeto de sistema de gestão da América Latina». Petrobras. Consultado em 12 de setembro de 2023 
  23. «Petroleira faz a maior migração de sistema SAP da AL». Valor Econômico. 1 de dezembro de 2022. Consultado em 12 de setembro de 2023 
  24. «Consultorias fazem a lição de casa e revolucionam os próprios processos e serviços». IstoÉ Dinheiro. 6 de janeiro de 2023. Consultado em 25 de outubro de 2023 
  25. Redação (21 de dezembro de 2022). «Deloitte cria campanha focada em sua capacidade de transformar as empresas de ponta a ponta». Marcas pelo Mundo. Consultado em 25 de outubro de 2023 
  26. Redação (7 de março de 2023). «Deloitte faz parceria estratégica com AYA Earth Partners». TI INSIDE Online. Consultado em 26 de outubro de 2023 
  27. «Brasil carece de investimentos em descarbonização, mas tem amplo potencial na área, apontam Deloitte e AYA». Um só Planeta. 19 de setembro de 2023. Consultado em 26 de outubro de 2023 
  28. Redação (14 de fevereiro de 2023). «Deloitte Cyber cresce mais de 70% no ano fiscal 2022». TI INSIDE Online. Consultado em 27 de outubro de 2023 
  29. «Porto Digital cresce 29% em 2022 e aumenta o faturamento em quatro anos». www.folhape.com.br. Consultado em 27 de outubro de 2023 
  30. Michael Hudson, Sasha Chavkin e Bart Mos (5 de novembro de 2014). «Big 4 Audit Firms Play Big Role in Offshore Murk». The International Consortium of Investigative Journalists. Consultado em 9 de novembro de 2014 
  31. [1]
  32. «Deloitte no Brasil paga US$ 8 milhões para encerrar processo nos EUA». Valor Econômico 
  33. A Deloitte está liberada da restrição iniciada em dezembro de 2016, e tem, portanto, sinal verde para novos clientes no EUA | Valor Econômico | 24 de abril de 2018
  34. Após ajustes, Deloitte diz ter superado crise | Valor Econômico | 2 de setembro de 2019

Ligações externas editar