Abrir menu principal

Wikipédia β

Estádio da Cidade do Cabo

O Estádio da Cidade do Cabo (em inglês: Cape Town Stadium) é um estádio na África do Sul, sede da Copa do Mundo de 2010. Localiza-se no bairro de Green Point, entre a montanha da Mesa e o Oceano Atlântico, na Cidade do Cabo.

Estádio da Cidade do Cabo

Nomes
Nome Cape Town Stadium
Antigos nomes Estádio Green Point
Características
Local Cidade do Cabo, África do Sul
Capacidade 66 005
Construção
Data 2007–2009
Inauguração
Data 14 de dezembro de 2009 (7 anos)
Partida inaugural 23 de janeiro de 2010
Ajax Cape Town 0–0 Santos (AFS)
Outras informações
Demolido 26 de março de 2007
Proprietário Prefeitura da Cidade do Cabo
Arquiteto Gerkan, Marg und Partner
Mandante Ajax Cape Town
Visão aérea do antigo Estádio Green Point, que foi demolido em 2007.

Tendo sido designado African Renaissance Stadium ("Estádio da Renascença Africana") ainda na fase de planejamento,[1] foi construído no lugar do antigo Estádio Green Point (Green Point Stadium), que foi demolido no ano de 2007. Em 28 de outubro de 2009 foi votada por unanimidade a atribuição do nome oficial de "Cape Town Stadium" pelo Conselho da Cidade do Cabo (Cape Town City Council).[2] Devido ao facto de ter sido introduzido no sistema de vendas de bilhetes o nome do antigo estádio "Green Point", ainda antes da sua nomeação oficial, foram impressos e vendidos bilhetes e folhetos com esse nome,[3] passando a ser esse o nome utilizado pela FIFA e por muitos sítios ligados à Copa do Mundo 2010.

Índice

Copa do Mundo FIFA de 2010Editar

O estádio recebeu oito jogos da Copa, inclusive uma das semifinais.[4]

Data Hora
(UTC+2)
1ª equipe Placar 2ª equipe Fase Público
11 jun 20:30 Uruguai   0–0   França Grupo A 64 100
14 jun 20:30 Itália   1–1   Paraguai Grupo F 62 869
18 jun 20:30 Inglaterra   0–0   Argélia Grupo C 64 100
21 jun 13:30 Portugal   7–0   Coreia do Norte Grupo G 63 644
24 jun 20:30 Camarões   1–2   Países Baixos Grupo E 63 093
29 jun 20:30 Espanha   1–0   Portugal Oitavas 62 955
3 jul 16:00 Argentina   0–4   Alemanha Quartas 64 100
6 jul 20:30 Uruguai   2–3   Países Baixos Semifinal 62 479
Total 507 340
Média (8 partidas) 63 418

PrejuízoEditar

Após a Copa, o estádio não conseguiu se manter sustentável economicamente, com permanente prejuízo com sua manutenção para sua proprietária, a prefeitura da Cidade do Cabo.[5] As causas principais são o número insuficiente de eventos abrigados, a proibição de instalação de comércio dentro e nos arredores do estádio - imposição da população local, e a negativa da popular equipe de rugby Stormers em deixar seu próprio estádio, o Newlands Stadium, e mandar seus jogos ali.[5]

Referências

  1. «African Renaissance Stadium» (em inglês). Soccer World Cup 2010. 31 de Outubro de 2006. Consultado em 22 de junho de 2010 
  2. «World Cup venue now called Cape Town Stadium» (em inglês). Cape Argus. 29 de outubro de 2009. Consultado em 22 de junho de 2010 
  3. «Fifa prints old stadium name on tickets» (em inglês). iol.co.za. 19 de Abril de 2010. Consultado em 22 de junho de 2010 
  4. «Estádio Green Point - Cidade do Cabo». FIFA.com. Consultado em 8 de julho de 2010 
  5. a b Paulo Passos (18 de março de 2014). «Arena mais cara é renegada e vive às moscas». UOL 

Ligações externasEditar