Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Edvaldo Nogueira.
Etevaldo Nogueira Lima
Etevaldo Nogueira Lima
Deputado federal  Ceará
Período 1978-1986, 1986-1994
Dados pessoais
Nascimento 8 de julho de 1932
Pedro II, Piauí
Morte 22 de março de 2009 (76 anos)
São Paulo
Alma mater Universidade Federal do Ceará
Cônjuge Marly Nogueira Lima
Partido ARENA, PFL
Profissão advogado e empresário

Etevaldo Nogueira Lima (Pedro II, 8 de julho de 1932São Paulo, 22 de março de 2009) foi um político brasileiro[1][2].

Filho de Manoel Nogueira Lima e Maria de Lourdes Lima, em 1946 saiu de Pedro II, no Piauí, para Fortaleza, onde se formou pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Ceará em 1961. No curso de direito foi colega de turma do humorista Renato Aragão.

Em 1958 casou-se com Maria Marly Nogueira Lima; os dois tiveram quatro filhas e dois filhos, além de 18 netos.

Foi presidente do Ferroviário Atlético Clube na década de 1960[3].

Como empresário, atuava nas áreas de comércio e exportação, construção civil e comunicação (rádio). Entre os anos de 1975 e 1978 foi vice-presidente da Federação do Comércio Atacadista do Estado do Ceará. Neste mesmo período também foi diretor administrativo do antigo Banco do Estado do Ceará e delegado regional do Trabalho.

Morreu em São Paulo, no Hospital Sírio-Libanês, em decorrência de uma parada cardíaca.

Era tio do político piauiense Ciro Nogueira Lima Filho e irmão dos políticos Ciro Nogueira Lima, Manoel Nogueira Lima Filho e Aquiles Nogueira Lima.

Carreira políticaEditar

Iniciou a carreira política elegendo-se deputado estadual pelo Ceará, representando a Arena, em 1978. Exerceu dois mandatos consecutivos, até 1986, quando foi eleito deputado federal pelo PFL, atual DEM. Reelegeu-se para a Câmara em 1990.

Na Assembléia Nacional Constituinte lutou para aumentar a autonomia do Ministério Público e para que desembargadores e juízes fossem nomeados pelos tribunais de Justiça. Foi indicado pelo Congresso Nacional para ser um dos primeiros conselheiros da República.

Referências

  1. Etevaldo Nogueira morre aos 76 anos. Diário do Nordeste, 23 de março de 2009
  2. Ex-deputado federal Etevaldo Nogueira recebe homenagem póstuma na Câmara. Rádio Cruzeiro, 11 de julho de 2011
  3. Espaço Cultural no Castelão leva nome de ex-presidente coral. Ferroviário Atlético Clube, 3 de setembro de 2012