Festival Varilux de Cinema Francês

festival de cinema criado no Brasil em 2010

Festival Varilux de Cinema Francês ou Festival Varilux é um festival de cinema criado em 2010 pela Unifrance com apoio da Embaixada da França no Brasil e da Delegação das Alianças Francesas.[3] Fora da França, tornou-se em 2017 o maior festival de cinema francês do mundo.[4] É produzido pela Bonfilm[1] e apresentado anualmente nos cinemas de várias regiões do Brasil.[5][6]

Festival Varilux de Cinema Francês
Cartaz do Festival Varilux 2021 inspirado no filme Adieu les cons
Informações gerais
Local nos cinemas de todo o Brasil[1]
Fundação 2010
Produzido por Bonfilm (2011-presente)[1]
Data do festival 25 de novembro a 8 de dezembro (edição de 2021, consultar programação no site)[nota 1]
Website oficial

Em 11 anos de festival, teve o público de mais de um milhão de pessoas.[1] Tem como os principais patrocinadores a Varilux, a Essilor e a prefeitura do Rio de janeiro,[7] e o copatrocínio da Air France, Club Med, o hotel Fairmont (Rio de Janeiro) e o Ingresso.com, além do apoio de outras instituições e empresas que variam a cada edição do festival.[nota 2]

HistóricoEditar

Anos 2010Editar

Após a associação da Unifrance, da Embaixada da França no Brasil e da Delegação das Alianças Francesas, a primeira edição foi produzida pela Bonfilm[3] em 2010 e realizada em 11 salas de cinemas de nove cidades cidades do Brasil com um público de 25 mil espectadores.[11]

2013

A edição de 2013 foi apresentada em 45 cidades e 80 salas de cinemas, 50% a mais que o anos anterior, e foi dividido em duas fases, com o festival sendo apresentado em datas diferentes em algumas regiões.[12]

2015

Na edição de 2015, o festival apresentou uma mostra com seis filmes do ator Pio Marmai,[13] e a Mares Filmes foi a distribuidora com mais títulos, sete no total.[14] Mais de 110 mil pessoas foram ao festival, com o Rio de Janeiro tendo o maior público (18 mil pessoas), seguido por São Paulo (12 mil) e Recife (7.7 mil).[15]

2016

Na edição de 2016 dois atores franceses foram ao festival, Virginie Efira,[16] Lou de Laâge e Vincent Lacoste.[17] O título clássico escolhido para ser apresentado na edição foi Un homme et une femme, de Claude Lelouch, e o festival teve uma semana a mais de exibição em relação ao ano anterior.[18] A edição teve um público de 156 mil pessoas aos cinemas, 42% a mais que o ano anterior. Rio de Janeiro, Recife, São Paulo e Juiz de Fora foram os locais que tiveram maior público. O filme mais visto foi Chocolat, seguido por Agnus Dei e Un homme à la hauteur. No mesmo ano também foi realizada pela primeira vez a Oficina de Crítica Cinematográfica.[19]

2017

Em 2017 ganhou o título de maior festival de cinema francês do mundo após ser assistido por 180 mil pessoas na edição.[4]

2018-2019

Em 2018 a Bonfilm iniciou uma parceria com o Sesc Nacional para apresentar o festival gratuitamente em locais que geralmente não tem cinemas. Em 2019, Christian Boudier, um dos , curadores do festival, disse que "conseguimos mudar a imagem do cinema francês ao longo destes dez anos, a prova disso é que conseguimos entrar agora em cinemas comerciais, como Cinemark, Cinépolis, Kinoplex e Cinesystem." As homenagens da edição de 2019 do Festival Varilux foram direcionadas aos 230 anos da Revolução Francesa e os 30 anos de Cyrano de Bergerac, de Jean-Paul Rappeneau.[20]

Anos 2020Editar

2020

Em 2020 ultrapassou um milhão de espectadores e 35 mil sessões de cinema.[21] Ainda em 2020, além da edição do Festival Varilux em Casa, foi apresentada uma nova edição, mas presencial e com dezessete filmes novos em alguns cinemas do Brasil que apresentavam protocolos de segurança para exibir o festival.[22]

2021

Em outubro de 2021, foi anunciada a décima segunda edição do festival, que também será presencial e terá uma mostra especial para homenagear o ator Jean-Paul Belmondo, que também foi homenageado no ano anterior na identidade visual do evento ao lado de Jean Seberg em Acossado, que tinha completado 60 anos.[1]

O primeiro filme anunciado pelo festival em seu canal no YouTube foi Adieu les cons (bra: Adeus, Idiotas),[23] que inspirou a identidade do festival no ano.[24] Quatro filmes terão sessões gratuitas presenciais em São Paulo no dia 24 de novembro com alguns dos atores e membros das produções participando dos debates: Sami Outalbali, de Une histoire d'amour et de désir (bra: Uma História de Amor e Desejo); Benjamin Voisin, de Illusions perdues (bra: Ilusões Perdidas); Philippe Le Guay, de L'homme de la cave (bra: Um Intruso no Porão); e Olivier Rabourdin, de Boîte Noire (bra: Caixa Preta) [25]

Aínda no festival, os artistas franceses posaram para uma foto para uma campanha contra o fechamento do cinema de rua Estação Net Rio, que tinha recebido uma ordem de despejo.[26]

Festival Varilux em CasaEditar

Devido a quarentena imposta pela pandemia de Covid-19, o Festival Varilux 2020 foi apresentada pela embaixada da França no Brasil e a produtora e distribuidora Bonfilm em uma edição virtual (Festival Varilux em Casa) na qual cinquenta filmes ficaram disponíveis temporariamente para serem assistidos gratuitamente e online no Looke,[27][28] substituindo inicialmente a edição anual que era apresentada nos cinemas.[21]

Ver tambémEditar

Notas

  1. em algumas cidades a data pode ser diferente, como a exibição no Cinema do Dragão no Ceará, entre 9 e 22 de dezembro de 2021[2]
  2. Como é possível ver na lista anual de patrocinadores divulgada pelo festival em 2018,[8] 2019[9] e 2020.[10]

Referências

  1. a b c d e «FESTIVAL VARILUX DE CINEMA FRANCÊS ANUNCIA DATAS DE SUA EDIÇÃO PRESENCIAL». Portal Exibidor. 21 de outubro de 2021. Consultado em 21 de outubro de 2021 
  2. «Programação». Festival Varilux. Consultado em 6 de dezembro de 2021 
  3. a b «Festival Varilux 2010». Vertentes do Cinema. Consultado em 1 de julho de 2021 
  4. a b «Uma paixão pela tela grande». IstoÉ. Consultado em 2 de julho de 2021 
  5. «Festival Varilux traz aos cinemas do Brasil filmes franceses inéditos». Gaúcha ZJ. Consultado em 2 de julho de 2021 
  6. «Após anunciar cancelamento, organização mantém Festival Varilux em JP». Jornal da Paraíba. Consultado em 2 de julho de 2021 
  7. «Varilux 2021». Festival Varilux. Consultado em 19 de novembro de 2021 
  8. «Parceiros | Festival Varilux de Cinema Francês 2018». Varilux Cine Francês. Consultado em 10 de junho de 2021 
  9. «Parceiros | Festival Varilux de Cinema Francês 2019». Varilux Cine Francês. Consultado em 10 de junho de 2021 
  10. «Parceiros | Festival Varilux de Cinema Francês 2020». Varilux Cine Francês. Consultado em 10 de junho de 2021 
  11. «Festival quer chegar à marca de um milhão de espectadores». Folha de Londrina. Agência Estado. Consultado em 10 de junho de 2021 
  12. «FESTIVAL VARILUX DE CINEMA FRANCÊS COMEÇA EM 1º DE MAIO». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  13. «FESTIVAL VARILUX DE CINEMA APRESENTA MOSTRA SOBRE PIO MARMAI». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  14. «"DISTRIBUIDORAS CONFIRMAM PRESENÇAS ESPECIAIS DURANTE O FESTIVAL VARILUX». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  15. «FESTIVAL VARILUX DE CINEMA FRANCÊS LEVA 110 MIL ESPECTADORES AOS CINEMAS». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  16. «ATRIZ BELGA CONFIRMA PARTICIPAÇÃO NO FESTIVAL VARILUX DE CINEMA FRANCÊS». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  17. «FESTIVAL VARILUX DE CINEMA FRANCÊS 2016 TRARÁ ATORES FRANCESES AO BRASIL». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  18. «"FESTIVAL VARILUX 2016 DIVULGA FILMES QUE EXIBIRÁ EM 50 CIDADES DO BRASIL». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  19. «FESTIVAL VARILUX LEVOU 156 MIL PESSOAS AOS CINEMAS EM 2016». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  20. «CRIADORES DE FESTIVAL FRANCÊS NO BRASIL LAMENTAM: "LÁ EXISTE UM GRANDE INCENTIVO AO CINEMA"». Portal Exibidor. Consultado em 22 de outubro de 2021 
  21. a b «Festival Varilux Em Casa disponibiliza 50 filmes franceses de graça». Correio Braziliense. Consultado em 10 de junho de 2021 
  22. «FESTIVAL VARILUX PROMETE MOVIMENTAR CIRCUITO EXIBIDOR BRASILEIRO». Portal Exibidor. Consultado em 10 de junho de 2021 
  23. Adeus, Idiotas | #FestivalVarilux 2021 (vídeo). Brasil: Festival Varilux (YouTube). Consultado em 7 de novembro de 2021 
  24. «Festival Varilux 2021 :: Identidade visual da 12ª edição é inspirada na comédia dramática Adeus, Idiotas». Papo de Cinema. Consultado em 4 de novembro de 2021 
  25. «Festival Varilux 2021». Festival Varilux. Consultado em 23 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 22 de novembro de 2021 
  26. «Artistas franceses do Festival Varilux reforçam campanha contra o despejo do Estação Net Rio». O Globo. Consultado em 28 de novembro de 2021 
  27. «50 filmes franceses grátis! Confira 22 dicas do Festival Varilux». Veja. Consultado em 29 de junho de 2021 
  28. «UMA INICIATIVA SOLIDÁRIA, PATROCINADA PELA EMBAIXADA DA FRANÇA NO BRASIL E ESSILOR/VARILUX, REALIZADA PELA BONFILM PARA AMENIZAR OS DIAS DE QUARENTENA.». Festival Varilux Em Casa. Consultado em 10 de junho de 2021