Abrir menu principal

Final da Copa Libertadores da América de 1983

A final da Taça Libertadores da América de 1983 foi decidida pelo Grêmio e pelo Peñarol, em duas partidas de ida e volta. A primeira foi disputada em Montevidéu, com placar de 1-1 e a segunda em Porto Alegre, com vitória do Grêmio por 2-1. O time gaúcho foi o campeão da Taça Libertadores, com vitória pelo placar agregado de 3-2 sobre os uruguaios

Gremio FBPA 1983.jpg
Evento Taça Libertadores da América de 1983
Primeira partida
Data 22 de julho de 1983
Local Estádio Centenário, Montevidéu
Árbitro Argentina Teodoro Nitti
Público 70.000
Segunda partida
Data 28 de julho de 1983
Local Estádio Olímpico Monumental, Porto Alegre
Árbitro Peru Edison Pérez
Público 73.093

JogosEditar

IdaEditar

22 de julho de 1983 Peñarol 1 – 1 Grêmio Estádio Centenário, Montevidéu

Morena   35' (P) Tita   15' Público: 70.000
Árbitro:  ARG Teodoro Nitti
     
 
 
Peñarol
     
 
 
Grêmio
  • Peñarol: G. Fernández, Walter Olivera, N. Gutiérrez, N. Montelongo, V. H. Diogo, M. Bossio, Walkir Silva (J. Villarreal), M. Saralegui, Fernando Morena, J. L. Zalazar, V. Ramos.
  • Grêmio: Mazaropi, Baidek, De León, Paulo Roberto, China, Casemiro, Renato, Osvaldo, Caio (César), Tita, Tarciso.

VoltaEditar

28 de julho de 1983 Grêmio 2 – 1 Peñarol Estádio Olímpico Monumental, Porto Alegre

Caio   10'
César   76'
Morena   70' Público: 73.093 pessoas
Árbitro:  PER Edison Pérez
     
 
 
Grêmio
     
 
 
Peñarol
GRÊMIO
G   Mazarópi
LD   Paulo Roberto  
Z   Baidek
Z   De León
LE   Casemiro
V   China
V   Osvaldo
M   Tita  
A   Renato Portaluppi        
A   Tarciso
A   Caio   10'  
Substituição:
A   César     77'
Treinador:
  Valdir Espinosa
PEÑAROL
G Fernández
LE Montelongo
Z Olivera  
Z   Gutiérrez
LE   Diogo
M   Bossio
M   Saralegui  
M Salazar
A   Ramos    
A Silva  
A   Morena   70'   
Substituições:
  Peirano  
Treinador:
Hugo Bagnullo