Grial é uma revista de publicação trimestal editada pela Editorial Galaxia (Vigo), desde 1963. Pode considerar-se como um das melhores referências da revistas culturais galegas.

Grial
Categoria Política
Economia
Cultura (Cultura galega)
Frequência trimestal
Circulação Galiza
Editora Editorial Galaxia
Fundação 1963
País Na região da Galiza
Flag of Spain.svg Espanha
Idioma (em galego)
De seguido se converteu nunha revista de prestixio, dentro e fóra do país, na que colaboraron xentes de todas as ideoloxías do galeguismo e que levou a cabo un labor tanto de estudio da realidade galega, como de información da cultura exterior, seguindo a filosofía aperturista da que xa temos falado. — (Ramón Piñeiro: Da miña acordanza).

Como antecedente da revista cabe lembrar a Colección Grial, publicada também pela Editorial Galaxia em 1951 mas que foi fechada pela censura franquista depois da publicação de apenas quatro números.

Na revista Grial aparecem trabalhos que obedecem a um nobre propósito: informar sobre a realidade da Galiza, e informar e reflexionar sobre os mais diversos aspectos da cultura universal. Inicialmente, os diretores da revista foram Ramón Piñeiro e Francisco Fernández del Riego. Em 1989 assumiu a direção Carlos Casares Mouriño e, depois da morte deste em 2003, os diretores são Víctor Freixanes e Henrique Monteagudo.

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Grial


  Este artigo sobre uma revista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.