Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2015). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Guelã
Álbum de estúdio de Maria Gadú
Lançamento 25 de maio de 2015[1]
Gravação 2015
Gênero(s) MPB, indie pop
Duração 33:29
Idioma(s) Português
Formato(s) CD
Gravadora(s) SLAP, Som Livre
Cronologia de Maria Gadú
Nós
(2013)
Singles de Guelã
  1. "Obloco"
    Lançamento: 6 de maio de 2015 (2015-05-06)

Guelã é o terceiro álbum de estúdio da cantora brasileira Maria Gadú. O disco é o primeiro da artista a ser lançado após um período de quatro anos sem material inédito, uma vez que a coletânea Nós inclui somente fonogramas de outros cantores que contam com a participação de Gadú.

Índice

ContextoEditar

Após o lançamento de seu último disco, a coletânea Nós, a cantora fez shows esporádicos em alguns locais e entrou em um período de silêncio.

A cantora começou a dar indícios de que havia voltado para o estúdio em março de 2015, até que em 27 de março de 2015 ela publicou em seu Facebook oficial uma imagem confirmando o lançamento de seu terceiro álbum em estúdio. No final de abril do mesmo ano, a cantora confirmou o lançamento do disco, bem como seu título ("Guelã"), ainda durante o ano de 2015. O primeiro single do disco foi lançado em 06 de maio de 2015 e se chama "obloco" [2]. A canção foi composta por Gadú e Maycon Ananias.

A cantora considera o disco como sendo o seu mais maduro. No disco podemos ver um contraste entre a MPB e toques de experimentalismo, com toques de música africana.

Sim, ele é diferente, ele é mais maduro. Enfim, eu já tenho outra idade, outro posicionamento de vida e de tudo. No primeiro disco eu era moleca também e agora, sei lá, eu estou me sentindo mais velha, eu tô lendo outras coisas, o estilo de vida muda. Os amigos são os mesmos mas todo mundo começa a consumir outras coisas, você fica com outras responsabilidades, isso te abre um outro tipo de vocabulário, inclusive. Isso tudo traz outro tipo de assunto. Eu tenho outras questões hoje em dia.
— Maria Gadú, em entrevista ao portal Tenho Mais Discos Que Amigos![3]

Em 18 de maio de 2015, o disco foi disponibilizado para audição na plataforma digital Deezer, confirmando o nome e a duração das 10 faixas que compõem o projeto.

FaixasEditar

N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Suspiro"  
  • Maria Gadú
3:31
2. "Obloco"  
  • Gadú
  • Maycon Ananias
2:17
3. "Ela"  
  • Gadú
3:15
4. "Semi-voz"  
  • Gadú
  • Ananias
  • James McCollum
3:44
5. "Trovoa"  
  • Maurício Pereira
5:44
6. "Sakédu"  
  • Gadú
  • Mayra Andrade
2:53
7. "Tecnopapiro"  
  • Gadú
2:10
8. "Há"  
  • Gadú
2:34
9. "Vaga"  
  • Gadú
3:45
10. "Aquária"  
  • Gadú
3:36
Duração total:
00:33:27

Veja tambémEditar

Referências