Abrir menu principal

Wikipédia β

SLAP

Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde agosto de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Para a técnica usada por baixistas, veja Slap.


SLAP
Fundação 2007 (11 anos)
Distribuidor(es) Som Livre
País de origem  Brasil
Localização Av. José Silva de Azevedo Neto, 200 / Barra da Tijuca [[Rio de Janeiro

(cidade)|Rio de Janeiro,]]  Rio de Janeiro

Página oficial (site oficial do selo)

SLAP é um selo musical da gravadora brasileira Som Livre, pertencente ao Grupo Globo.[1][2][3][4]

O selo foi responsável por lançar artistas como a cantora de MPB Maria Gadú, que foi considerada a grande revelação da música popular brasileira no ano de 2009 e indicada 2 vezes ao Grammy Latino em 2010, como artista revelação e melhor álbum de cantor-compositor.[5][6][7]

Índice

HistóriaEditar

O SLAP foi criado em setembro de 2007[8], originalmente sob o nome de Som Livre Apresenta, com a intenção de lançar os novos artistas da Som Livre.[1][9]

Desde 2009[10] o selo também investe em artistas independentes como a banda carioca Tipo Uísque, vencedora da seletiva carioca do festival MADA em 2010.[11][12][13]

Em 2015, a banda Suricato venceu o Grammy Latino na categoria melhor álbum de rock contemporâneo brasileiro. No ano seguinte, a banda Scalene e a cantora Céu, artistas também representados pelo selo, foram premiados nas categorias melhor álbum de rock em português e melhor álbum de pop contemporâneo em língua portuguesa, respectivamente.[14][15]

Em seus primeiros 10 anos, o selo lançou cerca de 60 álbuns, de 40 artistas, dentre eles Nação Zumbi, Scalene, Silva, Marcelo Jeneci e Tiago Iorc.[16]

LicenciamentoEditar

Responsável também por lançar artistas internacionais no Brasil, como Bon Iver e Beirut, o SLAP trouxe em 2010 a banda irlandesa The Swell Season, ganhadora do Óscar 2008 de Melhor Música Original com o filme Once. [17][18][19][20][21]

Em 2009 o Slap foi responsável por lançar Little Joy, álbum de estréia do projeto homônimo, que tem como integrantes Rodrigo Amarante e Fabrizio Moretti, baterista da banda americana The Strokes.[22][23]

CastEditar

EventosEditar

Em 2012, o SLAP organizou um evento comemorativo de 5 anos de existência do selo intitulado Festival SLAP. O festival apresentou artistas do selo como Tiago Iorc, Maria Gadú, Marcelo Jeneci, Silva, Thaís Gulin, Dani Black, Jesuton e Ana Cañas, e ocorreu em São Paulo e no Rio de Janeiro.[24][25]

Nos anos de 2015, 2016 e 2017 o selo foi o parceiro musical do Projeto Verão Rio, uma iniciativa do Globo e da Orla Rio, que reúne esportes, música e desfile de moda, na praia de Ipanema.[22] [26][27][28]

Produtos já lançados:Editar

Maria Gadú

Leandro Léo

  • Parto (2013)

Marcelo Jeneci

Lu Alone

Silva

Bon Iver

Beirut

  • The Riptide (2011)

Tiago Iorc

Nação Zumbi

Suricato

  • Sol-te (2013)

Jesse Harris

  • SubRosa (2012)

Céu

Mombojó

Banda Tereza

  • Vem Ser Artista Aqui Fora (2013)
  • Pra Onde A Gente Vai (2015)

Ana Cañas

Scalene

  • Real/Surreal (Relançamento)(2015)
  • Éter (2015)
  • Ao Vivo em Brasília (2016)
  • Magnetite (2017)

Versalle

  • Distante Em Algum Lugar (2015)
  • Apenas (EP) (2016)

Móveis Coloniais de Acajú

  • De Lá Até Aqui (2013)

Plutão Já Foi Planeta

Rodrigo Amarante

Outros

  • Jonas SáAnormal (2007)
  • Tom Bloch – 2 (2007)
  • Mariano San Roman – Magical Fingers (2007)
  • Companhia Itinerante – Sendo Eu (2008)
  • Irreversíveis - Irreversíveis (2008)
  • Primadonna – Tudo vai valer a pena (2008)
  • Voltz – Um novo sol (2008)
  • Cof Damu - Cof Damu (2008)
  • Orquestra Contemporânea de Olinda - Orquestra Contemporânea de Olinda (2008)
  • Little Joy - Little Joy (2009)
  • The Swell Season – Strict Joy (2010)
  • Tipo Uísque – Afague (2010)
  • Thaís Gulin – ôÔÔôôÔôÔ (2011)
  • Gamboa – Okum (2017)

Referências

  1. a b Júnior, José Flávio (28 de dezembro de 2007). «Som Livre reúne artistas iniciantes em novo selo». Folha de S. Pauulo. Consultado em 17 de abril de 2018 
  2. Ribeiro, Igor (13 de junho de 2013). «Google é maior empresa de mídia do mundo». Meio&Mensagem. Consultado em 17 de abril de 2018 
  3. Ayres, Marcela (29 de março de 2013). «Lucro da Globo sobe 36% e chega a R$ 2,9 bilhões». Exame. Consultado em 17 de abril de 2018 
  4. Rosa, Bruno (14 de maio de 2015). «Grupo Globo é o 17º maior conglomerado de mídia do mundo». O Globo. Consultado em 17 de abril de 2018 
  5. «Maria Gadú, Gil e Maria Bethânia são indicados ao Grammy Latino». G1. 8 de setembro de 2010. Consultado em 17 de abril de 2018 
  6. Castanheira, Vanessa (11 de março de 2016). «Esch/Alzette: Maria Gadú sobe ao palco da Kulturfabrik esta noite». Contacto. Consultado em 17 de abril de 2018 
  7. Conheça Maria Gadú (O Globo)
  8. Som Livre reúne artistas iniciantes em novo selo (Folha de S.Paulo)
  9. Fuscaldo, Christina (14 de fevereiro de 2010). «Selo da Som Livre investe em novos talentos, mas o trabalho com os artistas deve ser em parceria». Extra. Consultado em 17 de abril de 2018 
  10. Som Livre Apresenta agora é SLAP
  11. Helal Filho, William (8 de fevereiro de 2011). «Roqueiros da Tipo Uísque lançam EP 'Afague' e fazem show nesta terça-feira, no Espaço Vintage». Consultado em 17 de abril de 2018 
  12. «Biografia». Last FM. Consultado em 17 de abril de 2018 
  13. «Plutão assina com o slap». Tribuna do Norte. 24 de dezembro de 2016. Consultado em 17 de abril de 2018 
  14. Leite, Hellen (17 de novembro de 2016). «Scalene ganha Grammy Latino de melhor álbum de rock em português». Correio Braziliense. Consultado em 17 de abril de 2018 
  15. «Tulipa Ruiz e Suricato são premiados em noite de homenagem a Roberto Carlos no Grammy Latino». Rolling Stone. 20 de novembro de 2016. Consultado em 17 de abril de 2018 
  16. Oliveira, Luccas (31 de dezembro de 2017). «'O nome 'gravadora' se tornou obsoleto', diz Marcelo Soares após 10 anos do slap». O Globo. Consultado em 17 de abril de 2018 
  17. «Dupla The Swell Season tem orgulho de ser independente». Agora Sáo Paulo. 27 de agosto de 2010. Consultado em 17 de abril de 2018 
  18. Hood, John. «The Swell Season, Oscar Winners for "Once," Play the Fillmore Miami Beach» (em inglês). Consultado em 17 de abril de 2018 
  19. «Scalene lança clipe de "Histeria"». Canal Musical. 7 de outubro de 2015. Consultado em 17 de abril de 2018 
  20. «Tulipa Ruiz e Suricato são premiados em noite de homenagem a Roberto Carlos no Grammy Latino». Rolling Stone. 20 de novembro de 2015. Consultado em 17 de abril de 2018 
  21. Testa, Flavio (3 de maio de 2012). «Silva assina com o selo SLAP da Som Livre e lança debut ainda este ano». 505. Consultado em 17 de abril de 2018 
  22. a b Farias, Carolina (5 de fevereiro de 2017). «Projeto Verão leva clima zen às areias de Ipanema». O Globo. Consultado em 17 de abril de 2018 
  23. «Little Joy volta ao Brasil em agosto». Rolling Stone. 8 de julho de 2009. Consultado em 17 de abril de 2018 
  24. «Festival SLAP 5 Anos: Jesuton se prepara no camarim». Globo.com. 2 de dezembro de 2012. Consultado em 17 de abril de 2018 
  25. «Festival SLAP». Last FM. 2012. Consultado em 17 de abril de 2018 
  26. Lobo, Thais (27 de dezembro de 2015). «Projeto Verão Rio leva atrações musicais e atividades esportivas para as areias de Ipanema». O Globo. Consultado em 17 de abril de 2018 
  27. Farias, Carolina (9 de janeiro de 2016). «Projeto Verão Rio começa neste sábado em Ipanema». O Globo. Consultado em 17 de abril de 2018 
  28. Lapagesse, Gabriela (31 de janeiro de 2015). «Projeto Verão Rio tem música, esportes e desfile de moda em seu último fim de semana». O Globo. Consultado em 17 de abril de 2018 

Ligações externasEditar