Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Para outras pessoas de mesmo nome, veja Heráclio (desambiguação).
Heráclio
Morte 16 de março de 455
Nacionalidade
Labarum.svg
Império Romano do Ocidente
Soldo de Valentiniano III (r. 423–455)

Heráclio (em latim: Heraclius; m. 16 de março de 455) foi um oficial cortesão romano do século V, ativo durante o reinado do imperador Valentiniano III (r. 423–455). Um eunuco, exerceu a função de primicério do cubículo sagrado e exerceu grande influência sobre a pessoa imperial. Foi citado como prepósito do cubículo sagrado por Vítor de Tununa e espatário por Idácio de Chaves, porém ambas as afirmações são rejeitadas como prováveis erros.[1]

Heráclio foi um inimigo do poderoso general Flávio Aécio e aliou-se com o senador Petrônio Máximo, que também opunha-se a ele. Os dois convenceram Valentiniano III que Aécio queria matá-lo, e o imperador matou-o em 454. Contudo, sua aliança com Petrônio terminou após o assassinato de Aécio: quando Petrônio pediu para receber o consulado e o patriciado, Heráclio aconselhou Valentiniano a recusar. Como consequência, em 455, por instigação de Petrônio, os oficiais de origem bárbara Optila e Traustila assassinaram o imperador e Heráclio.[1]

Referências

  1. a b Martindale 1980, p. 541.

BibliografiaEditar

  • Martindale, J. R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1980). The prosopography of the later Roman Empire - Volume 2. A. D. 395 - 527. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press