Itabaianinha

Itabaianinha é um município brasileiro do estado de Sergipe. Encontra-se na região do Vale do Rio Real do Estado. É o segundo maior município da região. Além de Itabaininha estão na região,Tomar do Geru , Cristinápolis, Tobias Barreto e Poço Verde .

Itabaianinha
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Itabaianinha
Bandeira
Brasão de armas de Itabaianinha
Brasão de armas
Hino
Lema Novo Tempo, Nova História
Apelido(s) "INN"

"Princesa das Montanhas"

"Cidade dos Anões"

Gentílico itabaianinhense
Localização
Localização Itabaianinha em Sergipe
Localização Itabaianinha em Sergipe
Mapa Itabaianinha
Coordenadas 11° 16' 26" S 37° 47' 24" O
País Brasil
Unidade federativa Sergipe
Municípios limítrofes Tobias Barreto, Cristinápolis, Umbaúba, Riachão do Dantas, Tomar do Geru, Pedrinhas e Arauá
Distância até a capital 118 km
História
Fundação 19 de outubro de 1915 (104 anos)
Aniversário 19 de outubro
Administração
Prefeito(a) Danilo Alves de Carvalho (MDB)
Características geográficas
Área total [1] 493,310 km²
População total (IBGE/2013[2]) 40 821 hab.
Densidade 82,7 hab./km²
Clima Tropical
Altitude 223 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2010[3]) 0,789 alto
PIB (IBGE/2008[4]) R$ 162 920,109 mil
PIB per capita (IBGE/2008[4]) R$ 3 992

EconomiaEditar

Esta cidade destaca-se na economia do estado, em virtude do grande número de indústrias têxteis, de médio porte. Há um grande numero de cerâmicas de médio e grande porte (destaque para a produção de telhas e blocos), oferecendo diversos empregos diretos ou indireto. O solo do seu município é riquíssimo em argila e há destaque também na plantação de laranjas e criação de carneiro

PopulaçãoEditar

Esta cidade ficou famosa por ter um grande número de anões nos seus povoados (com destaque para o povoado Carretéis), e na Zona Urbana. São cerca de 128 anões. Este número é grande devido a formação de famílias entre eles, o que contribuiu para o crescimento da população de anões.

Sua população também tem crescido muito pela chegada de moradores novos vindos de outros estados, atraídos pela indústria têxtil na cidade. Segundo o IBGE, sua população estimada em 2013 era de 40.821 habitantes.[2]

ClimaEditar

Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), referentes ao período de 1963 a 1970, 1977 a 1980, 1986 a 1989 e a partir de 1992, a temperatura mínima absoluta registrada em Itabaianinha foi de 13,2 °C em 24 de agosto de 1963,[5] e a máxima absoluta de 38,7 °C em 1° de abril de 2009.[6] O maior acumulado de precipitação em 24 horas atingiu 118,9 milímetros (mm) em 15 de março de 1969. Outros acumulados iguais ou superiores aos 100 mm foram: 118,7 mm em 3 de maio de 1997, 109,4 mm em 23 de maio de 2015, 106,4 mm em 9 de abril de 2014 e 102,6 mm em 21 de março de 1988.[7] Maio de 2009, com 478 mm, foi o mês de maior precipitação.[8]

Dados climatológicos para Itabaianinha
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Ano
Temperatura máxima recorde (°C) 38,6 37,5 37,2 38,7 34 31,9 30,5 31 33,4 35,8 38,1 37,2 38,7
Temperatura máxima média (°C) 31,8 31,7 31,6 30,2 28,6 27 26,4 26,5 27,9 29,7 30,9 31,7 29,5
Temperatura média compensada (°C) 26 26,1 26,1 25,5 24,3 23 22,2 22,2 23,2 24,4 25,4 25,9 24,5
Temperatura mínima média (°C) 22,3 22,5 22,6 22,3 21,3 20,1 19,2 19 19,9 20,9 21,7 22,2 21,2
Temperatura mínima recorde (°C) 18,2 18 17,3 18,4 17,6 15 14 13,2 15,2 15,9 15,4 16,7 13,2
Precipitação (mm) 62,7 63,7 87,5 111,4 156,4 173,6 137,3 102,8 75,5 52,8 46,3 35,5 1 105,5
Dias com precipitação (≥ 1 mm) 6 6 10 11 15 17 17 17 10 6 5 4 124
Umidade relativa compensada (%) 77,1 77,7 79,3 82,5 85,4 87,3 86 85,2 82,2 79,1 77,7 76,7 81,4
Horas de sol 219,7 194,3 195 179,7 171,2 142,8 158,6 159,2 176,3 208,3 213,8 226,4 2 245,3
Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) (normal climatológica de 1981-2010;[9] recordes de temperatura: 01/06/1963 a 31/12/1970, 01/01/1977 a 31/12/1980, 01/01/1986 a 31/03/1989 e 01/01/1992-presente)[5][6]

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. a b Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (4 de outubro de 2013). «Estimativas da população residente nos municípios brasileiros com data em 1 de julho de 2013» (PDF). Consultado em 24 de março de 2014 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 26 de agosto de 2013 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. a b «BDMEP - série histórica - dados diários - temperatura mínima (°C) - Itabaianinha». Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 8 de junho de 2018 
  6. a b «BDMEP - série histórica - dados diários - temperatura máxima (°C) - Itabaianinha». Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 8 de junho de 2018 
  7. «BDMEP - série histórica - dados diários - precipitação (mm) - Itabaianinha». Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 8 de junho de 2018 
  8. «BDMEP - série histórica - dados mensais - precipitação total (mm) - Itabaianinha». Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 8 de junho de 2018 
  9. «NORMAIS CLIMATOLÓGICAS DO BRASIL». Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 8 de junho de 2018 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre Geografia de Sergipe é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.