Abrir menu principal

Wikipédia β

Jogos Olímpicos de Verão de 1968

Disambig grey.svg Nota: Jogos Olímpicos de 1968 redireciona para este artigo. Para os Jogos de Inverno sediados em Grenoble, veja Jogos Olímpicos de Inverno de 1968.
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde abril de 2013).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Jogos Olímpicos de Verão de 1968 (em espanhol: Juegos Olímpicos de Verano de 1968), conhecidos oficialmente como os Jogos da XIX Olimpíada foram realizados na Cidade do México entre 12 e 27 de outubro de 1968. Pela primeira vez os Jogos foram sediados na América Latina e a altitude de 2.300m acima do nível do mar da capital federal mexicana gerou controvérsias sobre os danos que o ar mais rarefeito poderia causar no desempenho dos atletas. Realmente, a altitude prejudicou o desempenho dos atletas nas provas de resistência e de longa distância, como o ciclismo, a natação e a maratona, mas em compensação ajudou a provocar uma chuva de recordes mundiais e olímpicos nos eventos mais curtos e de esforço mais rápido como as corridas de menos de 800m, halterofilismo, lançamento de dardo e outros.

Jogos da XIX Olimpíada
Cidade do México 1968
1968-mexico.jpg
Dados
Países participantes 112
Atletas 5530
Eventos 172 em 20 esportes
Cerimônia de abertura 12 de outubro
Cerimônia de encerramento 27 de outubro
Abertura oficial Presidente Gustavo Díaz Ordaz
Juramento do atleta Pablo Garrido
Tocha Enriqueta Basilio
Estádio principal Estádio Olímpico Universitário
◄◄ Tóquio 1964 {{{evento}}} Munique 1972 ►►

O ano de 1968 foi um ano bastante confuso e violento, com a guerra do Vietnã, a Revolução Cultural na China, a invasão soviética da Tchecoslováquia tendo como consequência a Primavera de Praga , revoltas estudantis, marchas pelos direitos civis e enfrentamentos raciais por todo o planeta. O México também deu sua contribuição ao clima que marcava esta época, quando tropas federais do governo reprimiram com violência centenas de estudantes durante manifestações na Praça das Três Culturas, dez dias antes da cerimônia de abertura dos Jogos, no que ficou conhecido como o Massacre de Tlatelolco, manchando irremediavelmente o espírito olímpico pregado pelo COI e por seu fundador, o Barão de Coubertin, quase provocando o cancelamento do evento.

Pela primeira vez o número de nações participantes passava da centena, numa demonstração de prestígio, interesse e popularidade inegáveis conquistados pelos Jogos Olímpicos, que atraíram o comparecimento de 112 países, num total de 5.516 atletas, sendo 781 do sexo feminino.

Nesta edição o percurso da tocha olímpica seguiu a mesma rota feita pelo navegador Cristóvão Colombo quando descobriu a América, saindo da Espanha, passando pelas Bahamas até chegar a Vera Cruz na costa mexicana. A conclusão do revezamento trouxe pela primeira vez na história uma mulher – a atleta Enriqueta Basílio – que teve a honra de entrar no estádio lotado carregando a tocha para acender a pira olímpica.

Esta edição também ficou marcada como os Jogos dos atletas afro-americanos, tanto pela sua performance espetacular nos eventos que participaram, quanto pelos inéditos protestos políticos e raciais que trouxeram para dentro do apolítico movimento olímpico.

Índice

Processo de candidaturaEditar

A Cidade do México foi escolhida como sede dos XIX Jogos Olímpicos na 60ª sessão do Comitê Olímpico Internacional, realizada em 18 de outubro de 1963 na cidade de Baden-Baden, Alemanha Ocidental, batendo as candidaturas de Detroit, Buenos Aires e Lyon, obtendo a maioria dos votos já no primeiro turno da votação.

Resultados da eleição da cidade-sede dos Jogos da XIX Olimpíada[1]
Cidade CON Rodada única
Cidade do México   México 30
Detroit   Estados Unidos 14
Lyon   França 12
Buenos Aires   Argentina 2

Modalidades disputadasEditar

Quadro de medalhasEditar

Quadro de Medalhas / Cidade do México 1968  
Posição País Ouro Prata Bronze Total
1  USA Estados Unidos 45 28 34 107
2  URS União Soviética 29 32 30 91
3  JPN Japão 11 7 7 25
4  HUN Hungria 10 10 12 32
5  GDR Alemanha Oriental 9 9 7 25
6  FRA França 7 3 5 15
7  TCH Checoslováquia 7 2 4 13
8  FRG Alemanha Ocidental 5 11 10 26
9  AUS Austrália 5 7 5 17
10  GBR Grã-Bretanha 5 5 3 13
11  POL Polônia 5 2 11 18
12  ROM Romênia 4 6 5 15
13  ITA Itália 3 4 9 16
14  KEN Quênia 3 4 2 9
15  MEX México 3 3 3 9
16  YUG Iugoslávia 3 3 2 8
17  NED Países Baixos 3 3 1 7
18  BUL Bulgária 2 4 3 9
19  IRI Irã 2 1 2 5
20  SWE Suécia 2 1 1 4
21  TUR Turquia 2 2
22  DEN Dinamarca 1 4 3 8
23  CAN Canadá 1 3 1 5
24  FIN Finlândia 1 2 1 4
25  ETH Etiópia 1 1 2
 NOR Noruega 1 1 2
27  NZL Nova Zelândia 1 2 3
28  TUN Tunísia 1 1 2
29  PAK Paquistão 1 1
 VEN Venezuela 1 1
31  CUB Cuba 4 4
32  AUT Áustria 2 2 4
33  SUI Suíça 1 4 5
34  MGL Mongólia 1 3 4
35  BRA Brasil 1 2 3
36  BEL Bélgica 1 1 2
 KOR Coreia do Sul 1 1 2
 UGA Uganda 1 1 2
39  CMR Camarões 1 1
 JAM Jamaica 1 1
41  ARG Argentina 2 2
42  GRE Grécia 1 1
 IND Índia 1 1
 TWN República da China 1 1

Artigos relacionadosEditar

Referências

  1. aldaver.com. «INTERNATIONAL OLYMPIC COMMITTEE VOTE HISTORY» (em inglês). Consultado em 6 de outubro de 2009