Abrir menu principal

BiografiaEditar

É o único a receber duas vezes o Nobel de Física. A primeira em 1956, "por pesquisas de semicondutores e a descoberta do transístor", juntamente com William Bradford Shockley e Walter Houser Brattain, e a segunda em 1972, pelo desenvolvimento conjunto da teoria da supercondutividade, também conhecida como Teoria BCS (Bardeen/Cooper/Schrieffer), conjuntamente com Leon Neil Cooper e John Robert Schrieffer.

Ligações externasEditar