Abrir menu principal

BiografiaEditar

Nascido em Trieste, na Itália, descendente de judeus húngaros, Wilheim se mudou com a família para o Brasil em 1940, aos 11 anos de idade, em meio a II Guerra Mundial. Como urbanista, atuou em obras no Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Norte e Bahia.[1]

Morreu em 14 de fevereiro de 2014 devido a complicações após um acidente de carro. Seu corpo foi velado no Hospital Albert Einstein e enterrado no Cemitério Israelita do Butantã. Wilheim era casado e deixou esposa, irmã, dois filhos e netos.[2]

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. Afonso Benites. «Jorge Wilheim, o urbanista que projetou cidades brasileiras». El País. Consultado em 4 de março de 2017 
  2. «Ex-secretário de São Paulo, arquiteto Jorge Wilheim morre em SP». Folha de S. Paulo. 14 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014