Abrir menu principal

Kawhi Leonard

basquetebolista estadunidense

Kawhi Anthony Leonard (Los Angeles, 29 de junho de 1991) é um jogador norte-americano de basquete profissional que atua como ala. Atualmente defende o Los Angeles Clippers na NBA. Kawhi jogou duas temporadas no basquete universitário pela Universidade Estadual de San Diego (SDSU). Após estes dois anos, o ala foi selecionado na 15ª posição no Draft da NBA de 2011 pelo Indiana Pacers, sendo posteriormente trocado para o San Antonio Spurs, franquia que defendeu até julho de 2018, tendo conquistado um título da NBA (2014), um prêmio de MVP das Finais (2014), dois prêmios de Melhor Defensor do Ano (2015 e 2016) e selecionado três vezes para o Jogo das Estrelas (2016, 2017 e 2019). Em 2018, foi transferido para o Toronto Raptors. Nos Playoffs de 2019, Kawhi, liderou a equipe canadense ao seu primeiro título de conferência da história, e ao seu primeiro título da NBA, sendo eleito pela segunda vez o MVP das Finais.

Kawhi Leonard
1 kawhi leonard 2019 (cropped).jpg
Informações pessoais
Nome completo Kawhi Anthony Leonard
Data de nasc. 29 de junho de 1991 (28 anos)
Local de nasc. Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos
Altura 2,01 m (6 ft 7 in)
Peso 104 kg (230 lb)
Informações no clube
Clube atual Los Angeles Clippers
Número 2
Posição Ala, ala-pivô
Clubes de juventude
2009–2011 San Diego State Aztecs
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
20112018
2018–2019
2019
San Antonio Spurs
Toronto Raptors
Los Angeles Clippers
049400000(8086)
008400000(2328)
0001000000000(258)
05880000(10444)


* Partidas e pontos pelo clube profissional
contam apenas os jogos da liga nacional e
e estão atualizados até 13 de julho de 2019.

Carreira na NBAEditar

San Antonio Spurs (2011–2018)Editar

Leonard foi draftado como a 15ª escolha no draft da NBA de 2011 pelo Indiana Pacers, mas foi negociado com o San Antonio Spurs, pouco depois, junto com os direitos de Erazem Lorbek e Dāvis Bertāns em troca de George Hill. Leonard assinou com os Spurs logo após o término da greve dos jogadores da NBA.

Depois de Manu Ginóbili quebrar a mão no início de janeiro, o treinador Gregg Popovich chamou Leonard para substituir a ausência de Ginóbili. Leonard e seu companheiro Tiago Splitter foram selecionados para jogar no 2012 Rising Stars Challenge, como membros da Equipe de Chuck. Embora chamado para o evento, ele não jogou devido a uma lesão na panturrilha. Com Richard Jefferson negociado com o Golden State Warriors em troca de Stephen Jackson, Leonard ganhou a vaga na equipe, enquanto Jackson passou a ser seu reserva. Em seu primeiro ano, Leonard foi o quarto colocado na votação do Novato do Ano da NBA, recebendo 47 votos, e foi nomeado para o Primeiro Time de Novatos em 2012.

 
Kawhi jogando pelos Spurs em 2017

Em 26 de outubro de 2012, os Spurs exerceram a opções de renovar com Leonard, assinando contrato até a temporada 2013–14. No início da temporada, Leonard sofria de tendinite no joelho, que o afastou por cerca de um mês. Em 11 de fevereiro de 2013, em uma noite em que Tim Duncan, Tony Parker e Manu Ginóbili foram todos poupados por lesão, e Stephen Jackson não estava disponível por questões pessoais, Leonard marcou 26 pontos, sua maior pontuação da carreira. Em 13 de fevereiro de 2013, Leonard fez a cesta da vitória dos Spurs no jogo contra o Cleveland Cavaliers.

Leonard foi um dos jogadores do segundo ano selecionados para jogar no 2013 Rising Stars Challenge, sendo chamado para a equipe de Charles Barkley, em 7 de fevereiro. Ele marcou 20 pontos e pegou 7 rebotes, ajudando o time a derrotar a Equipe de Shaq pelo segundo ano consecutivo 163–135. Leonard fez a sua primeira aparição nas Finais da NBA em 2013 contra o Miami Heat, com médias de 14,6 pontos e 11,1 rebotes, com quatro duplos-duplos. No jogo 6, Leonard fez 19 pontos e pegou 16 rebotes. Os Spurs perderam a série em sete jogos.

Na temporada 2013–14, os Spurs se classificaram com a melhor campanha da liga. Na primeira rodada dos playoffs, venceram o Dallas Mavericks por 4–3. Na rodada seguinte, enfrentaram o Portland Trail Blazers e venceram por 4–1. Nas finais de conferências, os Spurs venceram o Oklahoma City Thunder por 4–2, indo pelo segundo ano seguido a final da liga, novamente contra o Miami Heat, vencendo a série por 4–1 e garantindo o título. Ele foi eleito o Melhor Jogador das Finais.[1]

Toronto Raptors (2018–2019)Editar

 
Kawhi durante o Jogo 2 das Finais de 2019

Em junho de 2018, Leonard pediu para ser transferido dos Spurs, com todo o processo de discussão sendo complicado devido ao histórico de contusões do jogador.[2] Um mês mais tarde, em 18 de julho, Leonard e seu colega Danny Green foram trocados para o Toronto Raptors em troca de DeMar DeRozan, Jakob Pöltl e uma escolha de primeira rodada no draft de 2019.[3] Na temporada 2018–19, Leonard levou os Raptors para as Finais da NBA contra o Golden State Warriors que era até então bicampeão da liga. No jogo 2, Leonard marcou 34 pontos e 14 rebotes na derrota por 109–104 para o Golden State. No jogo 4, Leonard ajudou o Raptors a liderar a série em 3–1 marcando 36 pontos e 12 rebotes na vitória por 105–92 em Oakland. No jogo 6, ele marcou 22 pontos na vitória dos Raptors por 114–110, fechando a série em 4 a 2, conquistando seu segundo título da NBA.[4] Ele foi posteriormente nomeado MVP das Finais pela segunda vez, tornando-se apenas o terceiro jogador na história a ter ganho o prêmio em duas equipes diferentes da Conferência Leste-Oeste, juntando-se a LeBron James e Kareem Abdul-Jabbar.[5] Leonard marcou 732 pontos durante os Playoffs de 2019, superando Allen Iverson (723) e Hakeem Olajuwon (725) como a terceira melhor pontuação de um jogador numa única pós-temporada da NBA na história da liga, atrás apenas de LeBron James (748 em 2018) e Michael Jordan (759 em 1992).[6]

Los Angeles Clippers (2019–presente)Editar

Em 9 de julho de 2019, Leonard assinou com o Los Angeles Clippers.[7]

Estatísticas na NBAEditar

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira
Campeão da temporada da NBA
Líder da liga

Temporada RegularEditar

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2011–12 Spurs 64 39 24.0 .493 .376 .773 5.1 1.1 1.3 0.4 7.9
2012–13 Spurs 58 57 31.2 .494 .374 .825 6.0 1.6 1.7 0.6 11.9
2013–14 Spurs 66 65 29.1 .522 .379 .802 6.2 2.0 1.7 0.8 12.8
2014–15 Spurs 64 64 31.8 .479 .349 .802 7.2 2.5 2.3 0.8 16.5
2015–16 Spurs 72 72 33.1 .506 .443 .874 6.8 2.6 1.8 1.0 21.2
2016–17 Spurs 74 74 33.4 .485 .380 .880 5.8 3.5 1.8 0.7 25.5
2017–18 Spurs 9 9 23.3 .468 .314 .816 4.7 2.3 2.0 1.0 16.2
2018–19 Raptors 60 60 34.0 .496 .371 .854 7.3 3.3 1.8 .4 26.6
Carreira 467 440 30.8 .495 .383 .848 6.3 2.4 1.8 .7 17.7
All-Star 3 3 19.7 .515 .316 .000 4.3 2.3 1.0 .3 13.3

PlayoffsEditar

MVP das finais
Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2012 Spurs 14 14 27.1 .500 .450 .813 5.9 0.6 1.2 0.4 8.6
2013 Spurs 21 21 36.9 .545 .390 .633 9.0 1.0 1.8 0.5 13.5
2014 Spurs 23 23 32.0 .510 .419 .736 6.7 1.7 1.7 0.6 14.3
2015 Spurs 7 7 35.7 .477 .423 .771 7.4 2.6 1.1 0.6 20.3
2016 Spurs 10 10 33.9 .500 .436 .824 6.3 2.8 2.6 1.4 22.5
2017 Spurs 12 12 35.8 .525 .455 .931 7.8 4.6 1.7 0.5 27.7
2019 Raptors 24 24 39.1 .490 .379 .884 9.1 3.9 1.7 .7 30.5
Carreira 111 111 34.4 .506 .421 .798 7.5 2.5 1.7 .7 19.6

Prêmios e HomenagensEditar

Referências