Línguas austronésias

As línguas austronésias são uma família de línguas com uma vasta área de distribuição pelas ilhas do sudeste asiático e do Pacífico, um punhado de membros que se falam na Ásia continental e o malgaxe, isolado na ilha africana de Madagáscar.[1] O austronésio é uma das maiores famílias linguísticas do mundo, tanto em número de línguas (1244, de acordo com o Ethnologue) quanto em extensão geográfica das pátrias das línguas que pertencem à família (de Madagáscar à ilha da Páscoa)[2][3][4].

Distribuição das línguas austronésias.

ClassificaçãoEditar

O austronésio tem dez subgrupos primários, nove dos quais podem ser encontrados em Taiwan (as línguas da Formosa, sem relação com o chinês) e um ancestral a todos os restantes membros da família (línguas malaio-polinésias).[5]

Línguas principaisEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Austronesian Languages». Encyclopædia Britannica. Consultado em 26 de outubro de 2016 
  2. The Austronesian languages of Asia and Madagascar. K. Alexander Adelaar, Nikolaus Himmelmann. London: Routledge (Taylor & Francis Group). 2011. OCLC 777385527 
  3. Croft, William (2012). Verbs : aspect and causal structure. Oxford [England]: Oxford University Press. OCLC 820011194 
  4. Robbeets, Martine (1 de janeiro de 2017). «Austronesian influence and Transeurasian ancestry in Japanese: A case of farming/language dispersal». Language Dynamics and Change (em inglês) (2): 210–251. ISSN 2210-5832. doi:10.1163/22105832-00702005. Consultado em 17 de setembro de 2021 
  5. Blust, Robert (1977). «The Proto-Austronesian pronouns and Austronesian subgrouping: a preliminary report». Honolulu: Department of Linguistics, University of Hawaii. Working Papers in Linguistics. 9 (2): 1–15 
  Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.